João Cardoso (Kadoxu)

Moderador GERAL
  • Posts

    1,286
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    52
  • Country

    Portugal

Everything posted by João Cardoso (Kadoxu)

  1. Se perceberes inglês e tiveres paciência: Youtube - Sea shell Collection : How to clean seashells ? Everything to know about cleaning shells ! Senão, https://pt.wikihow.com/Limpar-e-Polir-Conchas
  2. Aumenta-se o termostato para 90 graus e adiciona-se uns alhos e umas malaguetas. Depois é ir provando e acertar o tempero até estar bom! 😂 Agora a sério, para o método do camarão eu diria que meio camarão seria suficiente para um aquário de 60L e é suposto deixar-se no aquário até ao fim do ciclo ou pelo menos até os Nitritos estarem a descer. É aconselhado utilizar carbono activo no filtro para evitar cheiros indesejáveis.
  3. Leitura aconselhada: Ciclo do Azoto & Síndrome do Novo Aquário - Atenção!! - Neste tópico é aconselhado comprar "1 peixe barato" para ajudar o ciclo... isto na minha opinião é cruel e podemos atingir os mesmos objectivos sem maltratar peixe nenhum. Há 3 opções: Comprar amónia pura (não pode conter mais nada) e deitar um pouco no aquário (e quando digo pouco é muito pouco, entre 2 a 5ml por cada 100L de água). Ureia funciona, visto que é composta de amónia e dióxido de carbono. Deitar um pouco de comida de peixes 1 vez por semana no aquário para que esta se decomponha e ajude ao ciclo. Colocar 1 camarão congelado (cru, que geralmente os que já vêm cozidos têm químicos) e de preferência sem casca dentro do aquário durante uns dias Opção bónus - relacionada com a opção 1, mas só para os corajosos 🤢... urinar no aquário! E não, nunca fiz, mas já vi alguém num fórum de água salgada a dizer que era a melhor técnica que já tinham usado!!! 😂 Água Doce | Tratamento da Água - Neste tópico só tenho a acrescentar que é possível consultar na internet que químicos são usados na distribuição de água e também quais são os parâmetros normais da água da torneira (presença de Nitratos, PH, etc). Filtragem - Algumas Informações - Este tópico faltam-lhe as imagens, mas o conteúdo e os comentarios têm muita informação útil.
  4. Muito cuidado com o ferver coisas que não se sabe de onde vieram... há muitas coisas neste hobby com toxinas suficientes para mandarem fechar ruas inteiras só porque se ferveu uma rochinha...
  5. Tudo o que contenha líquidos deve ficar depois da válvula antiretorno.
  6. Usar uma agulha num peixe deste tamanho provavelmente iria fazer mais estragos do que outra coisa. Eu já o fiz em peixes maiores, mas o problema acaba sempre por voltar passado pouco tempo. Se for genético não o vais ver piorar drásticamente, vai ser lento á medida que o peixe cresce. Também pode ser outra coisa que se desenvolva mais lentamente. A última remessa de Neons que comprei (e provavelmente nunca mais volto a comprar) vinha com a doença dos Neons... eram 20 e passado 1 ano ainda tinha aí uns 10. Mas acabaram por morrer todos com a doença (e só os Neons é que foram afectados, apesar de a doença poder afectar outros peixes). Pelo sim pelo não, eu mantinha-o isolado mais umas semanas a ver como ele evolui, o vídeo infelizmente não ajuda muito por causa da luz. Se for a doença dos Neons, em princípio não se propaga se ele estiver isolado. Pelo que sei, a doença transmite-se normalmente por eles se "morderem" uns aos outros em pequenas disputas de hierarquia.
  7. Se houver fezes esbranquiçadas podem ser parasitas internos, mas pelo que diz, se ele sempre foi notóriamente mais frágil que os outros, provavelmente é genético e não há nada a fazer., só tem tendência para piorar.
  8. Para o Purigen, as intruções dizem para usar 250ml de purigen para 1000L de água e que é suposto durar 6 meses. Usando matemática simples, para um aquário de 200L são precisos 50ml de Purigen (250ml / 1000L * 200L = 50ml). Para a outra questão, não conheço o filtro nem nunca usei Siporax Mini, não posso ajudar.
  9. Os reagentes normalmente têm data de validade. Penso que é normal durarem cerca de 2 ou 3 anos... se a data de validade já não estiver visível é melhor comprar uns novos. Edit: Retirado do site da JBL: "The JBL ammonium/ammonia test has a shelf life of 2 years in the original sealed bottle."
  10. Se estiverem num recipiente fechado com bastante humidade (como são vendidas, por exemplo, as plantas da marca "Tropica") não é necessário.
  11. A marca "Repashy Super Foods" tem vários tipos de pós que juntas água quente e quando arrefece fica tipo gelatina. O Repashy provavelmente é mais caro, mas não é só spirulina. De acordo com o site deles, em Portugal o distribuidor é a ExoticMania.com
  12. Como já disse o @Ricky Gomes dentro de um recipiente com água da torneira, com acondicionador para remover o cloro, ou enchendo o recipiente e deixando o cloro evaporar durante pelo menos 24h. Se já tiver outro aquário a funcionar também pode colocar lá as plantas temporáriamente, ou usar água desse aquário num recipiente. Outro método é colocar as plantas no frigorífico (eu nunca experimentei, mas o youtuber Joey - KingOfDIY, faz isso com alguma frequência).
  13. É importante, sempre que se faz manutenção do filtro, limpar o rotor e a cavidade onde ele encaixa (não sei o termo técnico). Um rotor sujo faz com que o motor tenha que fazer mais esforço para bombear a água. Mais esforço leva a um tempo de vida útil mais reduzido do motor. O rotor de um filtro de aquário normalmente é semelhante a isto (a imagem seguinte é de um rotor de um filtro externo EHEIM), tem um iman cilíndrico e uma peça com as pás, o rotor normalmente encaixa num veio metálico ou cerâmico dentro da cavidade do motor:
  14. Pode ser algum bloqueio no tubo de ar ou pouco fluxo de água a sair do filtro. Para ver se o problema é do tubo/respirador, experimente soprar no respirador para ver se há algum bloqueio. Se não houver bolhas de ar a sair na outra ponta, o problema é do tubo/respirador. Se tudo estiver bem com o respirador, verifique o fluxo de água á saída do filtro, como diz que já limpou o filtro, verifique se as esponjas ou matérias filtrante não estão demasiado compactadas. Ao limpar o filtro, tirou o rotor do motor para limpar?
  15. Se for um filtro deste género, é suposto borbulhar, desde que a ponta do tubo de ar esteja fora de água.
  16. O problema de desligar o filtro, é que está a limitar muito a sua eficácia em termos de filtragem biológica. As bactérias responsáveis pelo ciclo do azoto necessitam de altos níveis de oxigénio para fazerem o seu trabalho (e ao mesmo tempo sobreviverem), com o filtro desligado, vai perder uma grande percentagem de bactérias dentro do filtro. A única coisa que neste caso o ajuda, é que se trata, pelo que eu percebi, de um filtro interno, o que permite que continue a existir oxigénio suficiente por períodos mais longos do que se se tratasse de um filtro externo. Outro problema que desligar o filtro tem, é que ao desligar o filtro, a matéria que se está a decompor em Amónia lá dentro, vai-se acumular até que volte a ligar o filtro novamente. Isto faz com que em vez da água do aquário ter sempre um nível indetectável de amónia, porque esta vai sendo consumida ao mesmo ritmo que é produzida. Quando liga o filtro pela manhã vai haver um pico de amónia que vai demorar algum tempo a ser consumida. Isto pode até não causar danos visíveis, mais irá certamente reduzir a esperança de vida dos habitantes do aquário. Eu não me fiava muito nessa regra... já consegui (por estupidez) dizimar a população de um aquário por 2 vezes e a única coisa que se salvou nas duas ocasiões foram os Red Cherries. Pediu para não ter falinhas mansas, portanto vou ser um pouco bruto na minha próxima comparação... Também há muita gente no mundo que tem um peixinho dourado num daqueles "aquários" esféricos de 10L ou até menos, e que ás vezes até os conseguem manter vivos durante 2 ou 3 anos... mas isso não faz com que deixe de ser cruel. Eu percebo que haja muita gente a dizer que não se desliga o filtro, mas pouca gente sabe ou explica porquê, e daí surgir alguma resistência a mudar os seus hábitos, mas espero ter ajudado a compreender o que está por trás desses conselhos. Este hobby é suficientemente cruel (sim, todos nós que temos peixes vivos numa "caixinha" estamos a ser egoístas e pelo menos um pouco cruéis), portanto a nossa obrigação é, dentro das limitações da nossa "caixinha", dar a melhor qualidade de vida possível aos animais que temos.
  17. Lê isto (espero que não haja problema de partilhar um link para um fórum estrangeiro). Vai-te ser útil de certeza. UKAPS - Crystal Mountain - Nuno M.
  18. 60L como já aqui disseram, é ligeiramente curto para água fria. Para água quente já dá para fazer umas coisas engraçadas. Tudo o que sejam filtros internos é de evitar, porque quando se desliga e se tira da água para limpar, há sempre porcaria dentro do filtro que volta para dentro do aquário, o que não é de todo desejável. Pode guardar na mesma, para o caso de uma emergência (o filtro melhor que comprar deixar de funcionar, por exemplo) ter sempre esse de reserva para manter o aquário ciclado e os peixes saudáveis. O termostáto que vem no kit, penso que é de 50W, que na minha opinião podia ser um pouquinho mais potente, mas se a divisão da casa em que vai ficar o aquário não ficar muito fria no inverso, é suficiente. Pesquise e informe-se o melhor que puder antes de comprar peixes. Neste hobby, paciência e uma boa investigação antes de fazer alguma coisa poupam muito dinheiro e sofrimento (a nós e aos peixes). Dica - acondicionador para remover o cloro da água é essencial. Se deixar água num recipiente aberto durante pelo menos 24h, grande parte do cloro vai evaporar, portanto pode até poupar dinheiro desse modo, mas no caso de precisar de água para o aquário por algum motivo urgente, é sempre bom ter uma garrafinha de acondicionador á mão.
  19. Plantas flutuantes... fazem maravilhas a manter a água do aquário mais limpa, porque absorvem nutrientes da água com as raízes e CO2 directamente do ar, o que faz com que, por norma, cresçam e se multipliquem bastante rápido.
  20. Eu estou precisamente na situação contrária. Vou voltar para Portugal no fim do ano. 🙂 Ando á procura de coisas para lagos e só encontro 2 ou 3 lojas e em termos de stock não são nada de especial. Optei por começar a comprar as coisas aqui (que encontro geralmente quase a metade do preço) e tenho muito mais escolha. Acho que, sem conhecer muito a realidade da aquariofilia em Portugal, posso arriscar dizer que isto aqui é outro mundo. Basta ter em consideração que só os arredores de Londres têm mais habitantes que Portugal. Eu vivo e trabalho nos arredores de Londres, Kingston Upon Thames. Há muito Tuga por estas bandas e aqui perto. Normalmente compro tudo pela net, seja em fórums, sites tipo OLX (Ebay, Gumtree e há mais um ou dois que não me lembro agora), na Amazon, ou no Facebook marketplace, ou pesquiso no Google pelo que preciso e aparecem sempre várias lojas online com o que é preciso, seja novo ou usado. Lojas físicas, normalmente só uso para comprar peixes (se não encontrar alguém online a vender aqui perto muito mais barato) e comidas congeladas para os perixes. Aqui relativamente perto tenho algumas "Pets at Home" e "Maidenhead Aquatics" e uma ou duas lojas mais pequenas, mas que por regra são caríssimas. Uma que aconselho visitar é a "Aquatic Design Centre" nos arredores de Londres. Para água salgada há aqui uma lojinha pequena perto que é do melhor que há "Aquatic Emporium", de vez em quando o clube de água salgada faz lá encontros com comes e bebes porreiros. Outra coisa boa aqui é que maior parte das casas não têm contador de água! 😅 Pagas um valor fixo por mês que é calculado pelo fornecedor de água. Fórums que aconselho, para água doce "UKAPS" (há alguns utilizadores daqui que andam por lá também) e para água salgada "Ultimate Reef". Tanto um como o outro tem muita gente com muita experiência e disponível para ajudar (aqui felizmente também os há, claro, mas em muito menor número). O UKAPS é especialmente bom, porque tem pelo menos um cientista (penso que é professor universitário/investigador) que consegue explicar as coisas com um nível de detalhe fascinante que geralmente não estão ao alcance do comum mortal. Qualquer coisa apita.
  21. Bom dia! (isto levou-me umas horas a fazer...) Ando a tentar ser um pouquinho mais activo por aqui, a mandar uns bitaites aqui e ali, sem nunca ter mostrado serviço algum, portanto, achei por bem criar este apanhado daquilo que fiz nos últimos anos. Aviso desde já que vou colocar imensas fotos (e são todas tiradas com telemóvel)! 😂 Vivo em Inglaterra e há cerca de 4 anos comprei um aquário pequeno, porque não me era permitido ter "animais de estimação" em casa. Fluval Chi 2 - 19L O meu primeiro aquário (porque a tacinha de água com o peixe dourado na infância já só conta como crueldade). Setup 1: Filtro original do aquário Tampa modificada com luzes LED para as plantas Termostáto de 50W Substrato Tetra para plantas Seneye Home Red Cherries Setup 2: Filtro original removido Filtro EHEIM Classic 250 (2213) Tampa DIY em acrylico Luz LED Chihiros A-Series Termostáto externo 300W Substrato ADA Amazonia com areia fina por cima (que não ficou por cima muito tempo) Injecção de CO2 Fertilizantes DIY Doseador Jebao de 4 canais (partilhado mais tarde com o Edge) Endler Guppies Passado uns tempos, comprei ou aquário (detalhes mais abaixo) e movi os Endlers para lá. Ao Fluval Chi, retirei a injecção de CO2 e comprei um Betta Macho e adicionei caracóis. Uns meses depois, o Betta conseguiu saltar pelo buraco da tampa para a tubagem do filtro e decidi comprar 3 Peixes Balão Anões, que aqui viveram até eu os vender um ano mais tarde. Alterei as plantas do aquário algumas vezes E os últimos inquilinos deste aquário foram um Betta importando da Tailândia e um Ancistrus albino. DoAqua - 60L Setup: Aquário 60 x 30 x 36cm Filtro EHEIM Classic 250 (2213) com Lily Pipes transparentes Termostáto externo de 300W Luz LED Chihiros A-Series 601 Substrato: ADA Amazonia - 9L ADA Amazonia Powder - 3L Areia Branca Natural - 1Kg Fertilizante Denerle Deponit Balls Árvore feita com a junção de 2 peças de madeira e uma mistura de musgos Injecção de CO2 Fertilizante DIY Doseador Jebao de 3 canais Na altura comprei um propagador para poupar dinheiro em plantas, com resultados fantásticos. Fiz também uma caixa para testar o que queria fazer E utilizei o método dry start para as plantas E aqui está a evolução No fim, vendi os peixes e desfiz tudo para este aquário servir como quarentena para o próximo... 🙄 E mais tarde foi transformado num aquário de água salgada. Juwel Rio 240 - 240L Setup: Filtro original retirado Filtro EHEIM Professionel 4+ 600 Luzes originais Termostáto externo 300W Cortina de bolhas a funcionar com bomba de ar EHEIM 400 Neste aquário comecei por ter Fancy Goldfish de vários tipos Passado um ano coloquei uns vasos á superfície da água e comecei a plantar umas coisitas. E depois disso também utilizei o aquário para no Inverno colocar uns Platys que tinha num lago pequeno durante o Verão e um Escalar que estava a ser maltratado noutro aquário (a água era mantida entre 20 a 24 graus no Inverno) Alguns dos peixitos Fluval Edge 2 - 46L Setup Filtro original (filtro mochila AquaClear 50) com rotor do Aquaclear 70 para aumentar o fluxo do filtro Luz original Termostáto 200W Substrato ADA Amazonia com Dennerle Deponit Nutiballs Fertilizantes DIY Doseador Jebao de 4 canais (partilhado) Este aquário comprei usado para fazer quarentena para outro aquário, depois era para ter feito água salgada, mas desisti da ideia... acabou por se transformar num dos aquários que mais gostei de ter até hoje. Apesar de ser algo complicado de manter, por ter só uma pequena abertura no topo para acesso, gostei bastante do facto de ter a visão do topo e ter um aspecto fechado. Depois de feita a quarentena, começou assim A evolução ao longo do tempo Fluval Roma 200 - 200L Setup: Filtro sump DIY Bomba Ecotech Marine Vectra M1 Luz original 3 x Termostátos de 150W Controlador de Temperatura Inkbird ITC-308 Este aquário comprei também usado e furei o fundo e fiz um overflow para colocar tubagem para usar um filtro sump de 60L. Este aquário não tinha nada prálem do meu FlowerHorn importado da Tailândia. Este foi o peixe que mais gostei de ter até hoje. Com cerca de 3 meses, quando o recebi. Esteve no tanque que usei depois para fazer a sump durante cerca de 2 meses com plantas de plástico para ter onde se esconder e com um filtro externo. Aviso já que as fotos, apesar de relativamente boas, não lhe fazem justiça nenhuma! Depois passou para o Fluval Roma, onde ficou até o vender com cerca de 1 ano. Depois tive de vender. Água Salgada - 60L + 40L Setup Aquário DoAqua 60L Luz Ecotech Marine Radion XR15 Pro Gen4 Bomba Ecotech Marine Vortech MP10 Quiet Drive Wireless Caixa Overflow DeepReef DP1500 Tampa DIY em policarbonato transparente Sump DIY 40L Luz Ecotech Marine Radion XR15 FreshWater Esferas Marine Pure Doseador Jebao de 5 canais + slave de 3 canais Reactor AquaMedic Multi S ATO AutoAqua Smart Mini Termostáto 200W Controlador de Temperatura Inkbird ITC-308 Escumador Bubble Magus C3.5 Sal Red Sea Suplementos Triton Core 7 Base Elements Ecotech Marine Reeflink Areia CaribSea Arag Alive Fiji Pink Para este aquário comprei quase tudo em segunda mão e ainda assim gastei mais de £1500... comprando tudo novo na altura seriam cerca de £3000. Podia ter gasto menos? Claro que sim, muito menos, mas nesta altura já tinha aprendido que neste hobby se poupa mais dinheiro a comprar o melhor equipamento possível logo de início e decidi ir com tudo! Andei 6 meses a fazer pesquisa para este aquário. Optei por utilizar o método Triton, por não ser necessário fazer TPAs. Tive o aquário a funcionar 1 ano e só fiz 2 TPAs durante esse período. Sump ainda antes de ser colocada no armário E depois, já com tudo a funcionar Já o aquário, começou assim E evoluiu assim, com corais e anemonas Os "Nemos" Aquário DIY - 30L Setup: Filtro de esponja + filtro interno pequeno Bomba de ar Hidom HD-602 Luz LED Chihiros A-Series Termostáto 100W Fertilizantes DIY Doseador Jebao de 4 canais (mais tarde partilhado com aquário dos Bettas) Com o vidro que me sobrou da sump do aquário de água salgada, contruí um aquário de 30L para meter os peixes que tinha no lago. Aquário de Bettas - 60L Setup Filtro de esponja + filtro interno pequeno Bomba de ar Hidom HD-602 Termostáto 150W Luz LED Chihiros A-Series A601 Doseador de 4 canais (partilhado) Mais um episódio de "vi na net e quiz experimentar"... vi um aquário com meia dúzia de Bettas fêmea na net e lá fui eu importar Bettas da Tailândia. Acabei por também adicionar Guppies enquanto esperava pelos Bettas. 🙄 Comprei 6 Bettas, um deles infelizmente acabou or não resistir á viagem. Guppies Bettas & Guppies Pronto, e "só" isto... há uns meses vendi tudo para voltar para Portugal no final deste ano. Os planos em Portugal, para já, é construir um lago no quintal... dentro de casa, logo se vê! Ficam aqui só mais 2 fotos da minha "fish room" no seus tempos mais áureos.
  22. Depende muito do que queres pôr la dentro, se não fores pôr corais, a única diferença é só o sal. Com corais a coisa pode ficar bastante cara.
  23. @Alvaro Silva, como se costuma dizer, em equipa que ganha não se mexe! 🙂 Eu geralmente faço (fazia, que agora estou de folga! 😂) sempre manutenção ao filtro durante as tpas, geralmente de 30-50%. A única coisa que evito fazer durante a manutenção é trocar todas as esponjas do filtro no mesmo dia.
  24. Concordo com quase tudo o que foi dito até agora. Há apenas uma coisa com que não concordo a 100% neste post acima, e alguém me contrarie se estiver errado, por favor. As bactérias vivem maioritáriamente em superfícies e não na água. Existem bactérias na água, claro, mas são geralmente bactérias que se soltaram dos locais onde estas proliferam. É possível trocar quase 100% da água de um aquário sem que este perca o ciclo do azoto (com alguns cuidados a serem necessários para o conseguir, óbviamente). Estas "superfícies" podem ser a matéria filtrante do filtro, tubagem, substrato, rochas, plantas e os vidros do aquário. Não limpar o filtro no mesmo dia em que se troca a água e precisar de água do aquário para lavar o filtro, na minha opinião, é um pouco contraditório. O meu conselho é, se tiveres disponibilidade financeira, comprar um kit de testes pelo menos com testes de PH, Amónia (NH3/4), Nitritos (NO2) e Nitratos (NO3), um produto que desentoxifique a Amónia (Seachem Prime penso que faz isso e também remove cloros da água), e bactérias vivas (Seachem Stability é o que eu recomendo, se conseguires encontrar em Portugal). Os testes de Amónia e Nitritos são o essencial e permitem-te verificar se os níveis estão pelo menos suficientemente bons (devem ser indetectáveis com a maioria dos testes num aquário saudável) para manter os peixes vivos. Aconselho o kit, porque geralmente trás todos os tipos de testes necessarios para um iniciante e juntando os testes todos, geralmente, fica mais barato. O redutor de Amónia é no caso de detectares níveis mais altos. Mudas de água são suficientes quando são detectados níveis baixos, mas para níveis mais altos não é suficiente. As bactérias vivas é para que o ciclo do Azoto demore um pouco menos de tempo a ficar completo, que no teu caso ajudaria bastante. Sem disponibilidade financeira, o meu conselho é um pouco mais radical do que o que foi aqui dado até agora trocar cerca de 20% de água todos os dias na primeira semana, dia sim dia não na semana seguinte, 2 vezes por semana daí por diante e daqui a 2 meses provavelmente pode começar a fazê-lo apenas semanalmente. Quanto a alimentação nestas primeiras semanas deves dar relativamente pouca comida 2 a 3 vezes ao dia e ir aumentando a dose de comida pouco a pouco ao longo de 2 ou 3 semanas para reduzir a possibilidade de picos de Amónia e Nitritos.
  25. Aconteceu no meu aquário: Ajustar injecção de CO2 antes de sair de casa O meu primeiro aquário - tinha um Fluval Chi 2 de 20L plantado e com cerca de 20 Red Cherries, com injecção de CO2. Aumentei ligeiramente o CO2 antes de sair de casa... voltei 2 horas depois para descobrir cerca de 15 camarões mortos... Filtro sump rachado por termostátos Coloquei 3 termostátos de 150W no fundo de um filtro sump do meu Flowerhorn. Cheguei a casa e tinha o chão inundado... devia haver pouco fluxo de água na zona dos termostátos e a base do aquário rachou com a temperatura elevada. Encontrar peixe vivo 1 mês depois de desactivar aquário Recentemente tive de vender tudo o que tinha de aquários (porque vou voltar para Portugal em breve). Quase 1 mês depois desactivar todos aquários, quando ia tirar o resto da água de um dos filtros (um filtro sump DIY feito com 2 baldes de 30L), descobri que tinha um guppy a viver lá dentro.