Luiz Medeiros

.Membro
  • Content Count

    151
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1
  • Country

    Portugal

Luiz Medeiros last won the day on January 8

Luiz Medeiros had the most liked content!

Community Reputation

69 :)

About Luiz Medeiros

  • Rank
    Membro Júnior
  • Birthday 03/15/1977

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • País
    Portugal
  • Concelho
    Oliveira do Bairro (Aveiro)
  • Localização
    Oliveira do Bairro

Recent Profile Visitors

1,023 profile views
  1. Já tive um Aqua de 450l sobre a linha Besta do Ikea reforçados, por 2 anos, e aguentou bem. Mas também não aconselho muito, pois sei que arrisquei muito. Hoje fiz um móvel para meu novo projeto de 400l. Enviado de meu ONEPLUS A6013 usando o Tapatalk
  2. Olá naoliveira, Eu fiz a minha calha de luzes com LEDs, veja o tópico a seguir: Mas isso por que meu aquário tinha 2 metros de comprimento, e para as calhas de marca, ia me custar um absurdo, porém, no meu caso, usei um misto de Leds de 3W para os espectros azul e vermelho e LEDs de 10W para os brancos, para já, não lembro os espectros exactos, pois não tenho as anotações aqui comigo, mas estudei muito na época para não errar, segue o link do fornecedor que comprei: https://www.ebay.co.uk/itm/1-5-10-pcs-1W-3W-10W-High-Power-LED-with-PCB-Grow-lights-aquarium-LED-UK-COB/131345637382?ssPageName=STRK%3AMEBIDX%3AIT&_trksid=p2057872.m2749.l2649 O controlo é feito por Aduíno Mega com drives MW LDD-H-700 para os Leds de 3w e LDD-H-1000 para os de 10W: https://www.meanwell.com/webapp/product/search.aspx?prod=LDD-H O resultado foi muito positivo, funcionou perfeitamente e tenho as duas calhas em uso até hoje, desde 2017. Agora sinceramente, se não for pelo desafio de fazê-lo, penso que para as medidas que quer, mais valia comprar uma pronta, tipo Chihiros. Boa sorte
  3. Eu as vezes fico um pouco atormentado com essa história de mínimo de litros para um aquário em relação ao peixe, as vezes tem muito mais a ver com a dimensão, do que com a quantidade de litros, eu penso que temos que ter mais em mente o espaço que um peixe tem livre para nadar. O peixe em questão pode chegar a mais de 30cm, um aquário de 100cmX50cmX50cm, são 250 litros, agora pense que neste aquário, este peixe só terá pouco mais de 3x o seu comprimento para nadar em linha reta, isso parece mais uma prisão do que uma habitat natural, é como manter um passarinho numa gaiola. Os maiores peixes que tenho são escalares, e tenho sofrido muito, pois tive que desmontar meu aquário de 480l (estou a trabalhar num substituto) e neste intervalo, tenho que mantê-los num de 60 litros. Mas não leve a mal meu comentário, é apenas uma opinião pessoal, um ponto de vista
  4. Olá Pedro, A morte de um peixe sempre me deixou muito chateado, pois muitas vezes considero-me culpado pelo ocorrido (e algumas vezes realmente sou), e queira ou não, quando optamos por um animal de estimação, temos que estar cientes que somos responsáveis por uma vida, e não por um brinquedo ou adorno. Porém, no teu caso, recebeste-o de prenda e fizeste tudo que estava ao teu alcance para proporcionar-lhe um ambiente adequado e saudável. Lembre-se que o peixe já poderia ter chegado ás tuas mãos debilitado ou com alguma doença. Quanto a continuar com novos peixes, desde que esteja disposto a cuidar deles até o último dia, e não por uns meses para depois descartá-los, penso que é sempre válido. Meu primeiro aquário, foi um de 60 litros, com peixes de água fria, e após uns poucos meses, percebí a asneira que tinha feito em não estudar antes de comprá-lo, levando-me apenas pela conversa da vendedora que fex-me ter perdas logo no início e depois por descobrir que o aquário estava longe de ser adequado àquelas espécies. Incomoda-me muito ver um peixe preso num ambiente muito pequeno, o que me fez migrar para um projeto muito maior. O que quero dizer, mas isso é apenas o meu ponto de vista, se for avançar com novos peixes num aquário, que sejam peixes de água quente e muito pequenos, não mais que 2-3 cm, tipo Tetra neon, etc, e que o ambiente dentro do aquário, seja adequado à sua sobrevivência, ou seja, o mais natural possível. (Leia sempre toda a informação de cada peixe para saber exactamente o que ele precisa) Novas perdas poderão acontecer, e isso é inevitável, como também é na natureza. Portanto, pondere bem antes de tomar qualquer decisão. Cps
  5. Eu não ouvi este conselho e perdi o meu tapete... Enviado de meu ONEPLUS A6013 usando o Tapatalk
  6. Boas, Completou a ciclagem do aquário antes de colocar o peixe? 15 litros é MUITO pequeno para esse peixe. Tem que verificar os parâmetros, principalmente amônia e nitratos. Cps. Enviado de meu ONEPLUS A6013 usando o Tapatalk
  7. Não, a calha que tinha, e ainda tenho, é branca, e hoje utilizo como iluminação da parte inferior do móvel. Essa do consumo tenho que discordar de ti, pois a energia que usas para aquecer a água será sempre a mesma, quanto mais potência (Watts), mais rápido aquece, mas o consumo será sempre o mesmo, pois está a usar o dobro da potência . Agora quando ao influência de um aquecimento mais lento (com um só aquecedor) ou um aquecimento mais rápido (com dois aquecedores) sobre a flora e a fauna, deixo para os membros mais especializados no assunto.
  8. É melhor avaliar outras opções sim, no meu caso fiz um projeto DIY. Enviado de meu ONEPLUS A6013 usando o Tapatalk
  9. Parabéns pelo aquário Esta calha é daquelas vendidas pelo Paulo Vieira? Pergunto por que tive um aquário de 2000x400x600, e a calha não deu nem para o começo. Quanto ao termostato, não vejo necessidade de 2, tenho um thermocontrol 300 que dava conta dos 400 litros do meu. No mais, vou acompanhar o crescimento.
  10. Ricky, desculpa, mesmo sendo rápido, a diferença de temperatura entre a desejada e a que o termostato vai ligar, nunca deverá ser superior a 1 ou 2 graus, pelo que acho que não deve causar problemas. Enviado de meu ONEPLUS A6013 usando o Tapatalk
  11. Boa Zezinho, eu já "refiz" um aquário de 60L, ou seja, estava com fugas, desmontei inteiro, removi todo o silicone, e colei novamente. Está com peixes há 1 ano e está bem. Se tiveres jeito e paciência, e com a ajuda de alguns vídeos no Youtube, não vejo problemas em fazer em casa, agora se o aquário for de maiores dimensões, como o anterior que tinha (2000x400x600 mm), já aconselho deixar na mão de um profissional.
  12. Boas, Parabéns pelo aquário, está realmente simples, mas muito agradável aos olhos. Fiquei interessado no seu sistema de tubagens, estou a projetar um aquário plantado (1800x500x500) em substituição ao meu anterior (2000x400x600) onde pretendo fazer a conexão dos meus dois filtros Ehein Professional4 600, ou seja, não vou ter SUMP. As minhas dúvidas são: 1-Usaste apenas os elementos de vedação do "passa muros" ou reforçaste a vedação com silicone? 2-Usaste tubulação colada ou roscada? Obrigado.
  13. Olá Luís, O artigo que mandaste está bem claro e retrata bem a realidade, o disjuntor não é para proteger seus equipamentos, mas sim a rede elétrica e prevenir maiores danos. A proteção à equipamentos será sempre por fusíveis, e mesmo assim não são garantia, a não ser que opte por fusíveis rápidos ou disjuntores curva k ou Z, mas são muito caros e não vale seguir neste caminho. Quanto ao MDF, não sou especialista em madeiras, mas tive meu aquário de 400l (mais de 700kg de peso) sobre móveis "Besta" do Ikea reforçados internamente com chapas de carvalho, e aguentaram por mais de 2 anos, portanto, penso que estás seguro, desde que passe um bom verniz no mdf para não apanhar humidade e de que o painel traseiro seja aparafusado às laterais ao invés de colados, afim de suportar movimentos laterais. (mesmo isso é excesso de zelo, já que o painel traseiro é uma peça inteira e não permitirá este movimento).
  14. Olá Luís, Belo projeto. Vou deixar aqui apenas algumas idéias: Estou também a construir o meu, mas a construção está bem diferente, pois é para um aquário de 1800x500x500, ainda não postei nada. Quanto aos pés, há uma solução muito barata para nivelar, sabe aqueles blocos de anotações com folha de 15x15cm, então, junta-se o número de folhas necessários para preencher o espaço, dá um ótimo apoio e fica com uma boa aparência. Quanto a parte elétrica, vale a pena colocar um disjuntor para todo o circuito, mas não esqueça de calcular a corrente correta, pois se for muito alta, não vai proteger nada, se for muito baixa, vai disparar a toda hora, Se não souber a corrente, some a potência máxima de cada circuito e use a lei de Ohm para calcular a corrente: I = P / U Onde I = Corrente, P = Potência e U a tensão, em geral, 230v Não será necessário reforços, como as placas MDF estão a ir direto até o piso, aguentarão bem o peso, e o recorte que fizeste na parte frontal, impedirá o tampo de curvar. Não esqueça de colocar algo macio entre o tampo e o aquário (esferovite, etc) Quanto ao tampo inferior ser encostado ao chão, cuidado com a água, pois se cair no chão e infiltrar por baixo do tampo, não terá como secar e corres o risco do MDF absorvê-la. Abraço
  15. Boas, estou a pensar e usar esta planta. Chegaste a usá-la?