A Epopeia Da Construção Do Meu Aquário De 1200 Litros


severum

Recommended Posts

Bom dia a todos.

Recuperei um artigo que escrevi em 2001 sobre a construção do meu aquário de 1.200 litros.

Espero que contribua para o desenvolvimento do hobie e se tiverem duvidas é só colocar.

A epopeia da construção do meu aquário de 1200 litros

No ano passado resolvemos mudar de casa. Como a nova casa precisava de obras aproveitei para arranjar um sitio para construir um aquário novo para os meus ciclideos americanos, pois como sabem, são uns animais muito bonitos mas que precisam de aquários grandes devido ao tamanho que atingem. Depois de muito pensar arranjei o local ideal para a construção do mesmo. Como a casa tem dois pisos resolvi colocá-lo na divisão entre a escada e o piso inferior. O filtro ficaria por baixo da escada. Portanto sitio já tinha arranjado.
Agora viria a parte mais complicada. Que tamanho deveria ter?
Depois de muito medir cheguei à conclusão que as dimensões máximas de que poderia dispor seriam 180 cm de comprimento, 60 cm de largura e 100 cm de altura. Depois de muito investigar cheguei à conclusão que as dimensões eram boas, salvo na largura que deveria ser maior. Claro que tive que batalhar com a minha mulher (pois elas é que mandam) e consegui que me concedesse mais 10 cm na largura. Portanto cheguei às dimensões 180x70x100. Eu sabia que não era o ideal mas mesmo assim resolvi ir para a frente com o projecto. A questão que se pôs de seguida foi a de mandar fazer o aquário em vidro ou construi-lo em alvenaria (tijolo e cimento)?
Depois de pedir alguns orçamentos desisti rapidamente da primeira opção pois os custos eram incomportáveis. Bom, tive que contentar-me com a alvenaria que viria a revelar-se uma boa escolha pois pretendo ficar na casa alguns anos.
Portanto estava resolvido, faria um aquário com cerca de 1200 litros em alvenaria e o filtro ficaria escondido debaixo da escada. Compraria apenas dois vidros, pois queria ver o aquário de ambos os lados e o resto seria em cimento. O próximo passo era calcular a espessura do vidro e o tipo de canalização a utilizar. Quanto à espessura cheguei à conclusão que o ideal seriam 15 mm. Para não ter nenhuma surpresa optei pelos 19 mm. Assim estou mais sossegado. Quanto à canalização para um “monstro deste tamanho”, e visto que o filtro ficaria por baixo do aquário, optei por uma saída do aquário para o filtro com tubo de PVC de 50 mm de diâmetro, e duas entradas para o aquário com 25 mm de diâmetro também em PVC.
Quanto ao filtro seria um aquário de 200 litros de que dispunha. Mais tarde cheguei à conclusão que seria melhor fazer o filtro também em alvenaria e assim foi. Ficou com 120x40x60 cm.
De seguida encomendei os dois vidros. Tinham 180x100x1,9 cm cada. Mandei fazer um caixilho em ferro onde colei os vidros com silicone para aquário. Estes caixilhos seriam cravados no cimento.
O próximo passo era a impermeabilização do cimento, pois não poderia haver nenhuma fuga. Após muito pesquisar, falei com um amigo professor de trabalhos manuais que também é aquariofilista. Chegámos à conclusão que o melhor seria utilizar fibra de vidro para isolar as paredes de cimento e que também serviria como isolamento térmico. Haveria outras hipóteses como um cimento que é utilizado em tanques de água potável e que é um isolante ao liquido, usar liner que se utiliza nas piscinas e nos lagos, usar borracha derretida, etc… Bom, mas decidimos avançar com a fibra de vidro pois sabíamos que com ela poderíamos aprender novos truques e novas utilidades para os nossos aquários. Após colocarmos o primeiro caixilho com o vidro, comprámos tela, resina e secante e pusemos mãos à obra. Primeiro passámos uma camada de resina no cimento e depois colocámos a tela. Voltámos a passar resina e esperámos 48 horas. Depois de seco ficou realmente isolado. É um material incrível!!! Muito resistente e impermeável. Muito cuidado pois é tóxico e tem que ser usado segundo regras muito especificas. Informem-se muito bem antes de utilizar. Depois de várias camadas ficou como se fosse pedra. Foi nesta altura que resolvemos fazer o filtro em alvenaria e isolá-lo do mesmo modo. Após várias camadas de resina e tela comprámos “top coat” que é uma resina mais espessa e ideal para acabamentos e que pode levar um pigmento de uma qualquer cor. Depois de seca fica lisa.
Ponto de situação: tínhamos o aquário com um vidro posto e todo bem isolado. O filtro também estava isolado e a canalização colocada por dentro das paredes. Teríamos agora que colocar o segundo vidro e entrar para dentro do aquário para realizar os últimos isolamentos. Assim fizemos. O caixilho com o vidro foi cravado na parede (podem imaginar o peso que é um aro em ferro com um vidro de 180x100 cm com 19 mm de espessura. Fomos 5 pessoas para o colocar no sitio). Depois foi saltar lá para dentro e isolar o resto. Ficou perfeito. Quanto à canalização ainda coloquei um tubo ligado directamente do fundo do aquário ao esgoto. Isto para fazer mudanças de água sem grande trabalho e para permitir a limpeza do areão.
Como funciona? Pois bem, no fundo do aquário coloquei uma grelha em plástico rijo, assente em tubos de PVC com 50 mm de diâmetro, para não tocar no fundo e haver circulação de água. Por cima leva o areão, que no meu caso são xistos, mas mais pequenos. Quando necessito limpar o fundo é só abrir a torneira que liga ao esgoto e a pressão da água ao passar pelo areão faz a limpeza. Assim a manutenção do aquário fica muito mais facilitada pois é só abrir duas torneiras, uma para tirar água e outra para encher o “monstro”. Para a filtragem, um amigo que constrói piscinas ofereceu-me uma bomba que faz 13.000 litros por hora que liguei a uma torneira através da qual posso regular o caudal que desejo. A água vem para o filtro por queda (tal como o sistema utilizado nas piscinas). Esta água passa por um filtro seco húmido feito por mim. Comprei um cesto para a roupa suja em plástico que enchi com 70 litros de “bio-balls” oferecidas. Temos que improvisar para pouparmos algum dinheiro.
Quanto à decoração, utilizei grandes pedras de xisto coladas com silicone e revestidas a resina para não descolarem com o tempo. Claro que quando quero apanhar algum peixe é uma aventura pois tem tanto por onde se esconder. Passado um ano e dois meses, o aquário está pronto, a funcionar e já tem os seus primeiros felizardos habitantes. Após esta epopeia que foi construir o “monstro”, incentivo qualquer um a fazer o mesmo pois é uma experiência única, e quando a obra está terminada é um orgulho vermos os nossos peixes a movimentarem-se à vontade, para não falar na cara dos nos nossos amigos ao verem o que fizemos.

Se pretender fazer algo do género informe-se muito bem primeiro e se precisar de algum tipo de ajuda pode contactar comigo.

Alberto Pina Gil

Bem, este artigo foi escrito em 2001. Após relê-lo continuo com a sensação que foi entem que fiz isto. É impressionante como o tempo passa. O aquário continua a funcionar na perfeição. É o que menos trabalho me dá. Foi uma experiência fantástica e voltaria a fazer tudo igual.

Não tenho fotos da altura da construção mas logo coloco umas do resultado final.

Abraços

Link to comment
Share on other sites

  • Replies 192
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Viva Alberto, realmente deve ser uma enorme satisfação concretizar um projecto desa natureza... Eu pessoalmente já à uns tempos que ando a projectar um aquário XXL cá para casa, mas por diversas questões ainda não consegui concretizar o meu sonho! Gostava, no entanto, de ver as fotos do teu, bem como do sistema de filtragem. Quando puderes coloca aqui! Pena não teres fotos da construção, mas ao ver o resultado final,e, com a descrição que fizeste, dá para ficar com uma pequena ideia.

Abraço.

Link to comment
Share on other sites

Bom então cá vão umas fotos do bicho.

 

Esta é para terem uma noção do tamanho.

DSC08788.jpg

 

Mais umas

 

DSC08798.jpg

DSC08799.jpg

 

Agora do outro lado

 

DSC08811.jpg

DSC08814.jpg

 

Quanto à sump o que posso dizer é que está assim desde o inicio. Nunca lhe mexi.

 

Aqui a água vinda do aquário passa por lã de vidro e de seguida cai no caixote com bioballs.

DSC08815.jpg

DSC08816.jpg

DSC08817.jpg

 

Esta é a bomba

DSC08818.jpg

 

Bom isto é tudo DIY e nunca me deixou mal.

 

Abraços

Link to comment
Share on other sites

Parabéns, simplesmente fantástico. Grande projecto e um texto para o descrever também excelente.

Dá mesmo vontade de chegar a casa mais cedo, partir uma parede, telefonar para a mulher e dizer:

– Querida, temos um problemita cá em casa! Umas das nossas paredes caíu, deve ter sido alguma falha que cedeu, ou então algum abalo de terra com o epicentro mesmo debaixo desta parede! Mas não te preocupes tenho aqui um projecto mesmo à medida para resolver isto!!!!

 

Abraço

Link to comment
Share on other sites

Excelente....

 

Aqui está um aproveitamento genial...

 

Só não percebo como tens acesso ao "lago" embutido?

Cpms

 

João

 

Nestas fotos pode-se perceber que existe uma tampa por cima do aquário.

DSC08799.jpg

DSC08798.jpg

 

Pois é por aí que acedo ao mesmo. É muito alto. Mas não tinha outra hipótese. E para apanhar um peixe é uma guerra. Uma vez tive que tirar 80% da água e mandar o meu filho lá para dentro à pesca. Foi uma festa para ele como podem imaginar.

 

Abraços

Link to comment
Share on other sites

Epá, estou sem palavras, estive também a ver os tópicos com os teus dois lagos e a tua estufa, até fiquei com os olhos em bico e a babar para cima do teclado.

E eu que estava tão contente com o meu aqua de 300 litros (que nem são reais) :)

Link to comment
Share on other sites

Mas queres fazer concorrência ao Vasco da Gama e ao Oceanário????

Para quando é a abertura ao público????

Fantástico, parabéns mais uma vez, a ti e à tua mulher que te apoia nessas aventuras.

 

PS: a minha também me vai deixar montar mais um para além do de 1,5 mts e do de 60 cm. Um de 1,20 mts hahahahahahaha!!!!! Já não é mau.

Abraço e vai continuando a por-nos a par, e invejosos, dos teus mega projectos.

Link to comment
Share on other sites

Pois é por aí que acedo ao mesmo. É muito alto. Mas não tinha outra hipótese. E para apanhar um peixe é uma guerra. Uma vez tive que tirar 80% da água e mandar o meu filho lá para dentro à pesca. Foi uma festa para ele como podem imaginar.

 

Abraços

 

Não tinha reparado, tava embasbacado a olhar pro "vidro".....

 

Mas com esse tamanho, vai ser giro qdo o miudo crescer.... :)

 

Um abraço

 

João

Link to comment
Share on other sites

Também já pude assistir a este espectáculo ao vivo, e digo-vos que as foto não fazem juz à beleza deste aquário.

 

Mas como já foi referido, o melhor é o projecto e a funcionalidade quase perfeita deste aquário que não dá quase trabalho nenhum a manter.

 

Cumps.

Link to comment
Share on other sites

SIm senhor, haja água dasse heheh ;)

 

Isso são dois Parachromis managuensis ?

 

COm que tamanho estão ? Mete lá aí umas fotos mais de perto deles se não te importares.

 

Um Oscar aí também era de valor, sebem com esses Pacus já seria confusão a mais :D

Link to comment
Share on other sites

Obrigado a todos.

 

Realmente a manutenção é muito simples. Faço TPA's semanais e é só abrir 2 torneiras. Uma para esvaziar e outra para encher. O que dá mais trabalho é limpar os vidros :) .

 

SIm senhor, haja água dasse heheh :)

 

Isso são dois Parachromis managuensis ?

 

COm que tamanho estão ? Mete lá aí umas fotos mais de perto deles se não te importares.

 

Um Oscar aí também era de valor, sebem com esses Pacus já seria confusão a mais :)

 

Podes ver aqui fotos dos meus meninos http://www.aquariofilia.net/forum/index.php?showtopic=76074

Link to comment
Share on other sites

Parabens severum. É realmente digno de uma vénia o teu projecto. Antes de ter mudado de casa tinha pensado em algo semelhante também em alvenaria e fibra, só não sabia que existiam mais loucos por aí. Parabens mais uma vez.

Link to comment
Share on other sites

Sem palavras.... :-D ::D:

 

Muito bom... Bem pensado e melhor executado!!

 

Só uma dúvida...o aquario está no res do chão certo? É que é um peso brutal!

Não tives-te que reforçar o chão por de baixo do aquário?

 

Ab

João

Link to comment
Share on other sites

Parabens severum. É realmente digno de uma vénia o teu projecto. Antes de ter mudado de casa tinha pensado em algo semelhante também em alvenaria e fibra, só não sabia que existiam mais loucos por aí. Parabens mais uma vez.

 

Mas chegaste a executar?

Link to comment
Share on other sites

Sem palavras.... :):)

 

Muito bom... Bem pensado e melhor executado!!

 

Só uma dúvida...o aquario está no res do chão certo? É que é um peso brutal!

Não tives-te que reforçar o chão por de baixo do aquário?

 

Ab

João

 

Obrigado.

O aquário está apoiado no chão da cave. Eu moro num apartamento com R/C e Cave. Portanto não tenho problemas com o peso pois não tenho ninguém por baixo. O aquário está assente em 3 pilares.

 

Cumprimentos

Link to comment
Share on other sites

Severum tu és um ganda´maluco (no bom sentido)!!!

Uma estufa no quintal, um aquario desses em casa, um espaço aproveitado para raias...

Ainda diz a minha mulher que eu sou um tarado por aquarios! Tenho que lhe mostrar este tópico...

 

ESPECTACULO!!!

Os meus parabens,

Um abraço

Link to comment
Share on other sites

Obrigado a todos.

 

Vou dedicando um pouco do meu tempo ao meu hobie. É claro que por vezes tenho que ouvir a minha mulher a refilar. Mas cá se vai aguentando o barco.

 

Se tiverem alguma duvida qt à construção de uma coisa destas é so mandar vir.

 

Cumprimentos

Link to comment
Share on other sites