jars

Membro
  • Posts

    22
  • Joined

  • Last visited

  • Country

    Portugal

Everything posted by jars

  1. jars

    jars

  2. Boas, Para começar, sou um grande nabo em coisas de electrónica, só sou bom a apanhar choques, mas mesmo assim para o meu reef de 1,50m, comprei um kit à Aquastyle em Junho de 2011 e estou bem satisfeito. Apesar de na altura nem saber como se soldava um fio, devo dizer que ficou com ar profissional e deixou-me mesmo peneiroso, está super fixe. Já tive HQI com T5 e por último só T5 e prefiro mesmo os leds. Comprei também um arduino + relógio + LCD e está tudo a funcionar na perfeição. Tenham atenção à alfandega, porque no passado tudo o encomendei de Hong Kong, ao contrário de tudo o que vinha dos US, nunca paguei nada (incluindo este kit que me custou à volta de 300 euros), já este ano depois de ter devolvido um driver (ao abrigo da garantia) que eu muito habilmente queimei com um valente curto-circuito e posterior choque num dedo quando estava a refazer as ligações, os tipos da loja voltaram a enviar o driver, com a indicação que era ao abrigo da garantia e de oferta ainda me enviaram um potenciómetro e 6 lentes de 80º (as minhas são todas de 60º), a encomenda demorou 2 dias a chegar cá e os anormais da alfandega apresentaram-me uma factura de 80,00€. Reclamei dizendo que o aparelho custava novo 17 euros e que além de valor insignificante, tinha sido uma transação não comercial, porque não gerou lucros a ninguém, mas depois de trocas sem fim de e-mails, os tipos enrolaram durante quase um mês, até que me informaram que a origem (ou seja a loja) assumiu os custos do despacho e entregaram-me ontem a encomenda. Nem tive ainda vontade de perguntar à Aquastyle se isto é verdade… De volta à questão dos kits, comprei na altura em Portugal a calha dissipadora na Bisalarmes e até hoje foi o sítio onde encontrei mais barato e acho-as muitíssimo boas: http://www.bisalarmes.com/por/index.html A referência da calha é esta - BIS-95 16,00€ + IVA. Esta calha dissipadora tem de largura 9,5cm, pelo que pedi 2m cortados em 4 secções de 50cm e vieram com um corte impecável. Como eram um pouco estreitas para o que eu queria colei-as lado a lado com Araldite para terem a largura de 19cm e darem para 4 fileiras de leds. Enviei um mail para a loja a dizer que pertencia ao fórum (por acaso é o Reefforum) e deram-me um desconto de 35%, o que é muito simpático. Atenção que, mesmo colando os leds com pasta térmica na calha dissipadora, precisam de ter ventoinhas porque os leds aquecem bastante, no meu caso bastarou 2 ventoinhas de 12cm – das silenciosas. Para não serem apanhados na ladroagem das taxas de alfandega, estão aqui dois links de nuestros hermanos, onde têm tudo e mais alguma coisa para leds, incluindo kits. http://www.faciled.es/shop/ http://www.shoptronica.com/ Espero ter ajudado. Um abraço
  3. Boa tarde, Ainda bem que contigo está a funcionar bem. O importante é sabermos observar alterações e agirmos de acordo. Nunca tentei esse tipo de filtro. Passei-te aquele link só para teres mais atenção aos sinais observados no aquário. Quanto ao vodka, há cinco meses que adiciono ao meu, mas faço uma mistura de vodka, vinagre e açúcar (a tal questão das possíveis monoculturas de bactérias) e só tenho a dizer o melhor. Os nitratos e fosfatos que estavam altíssimos e fora de controlo, estão desde princípio de Setembro indetectáveis (testes Salifert), areia sempre branca e a alimentação de peixes e corais posso fazer em grande abundância. Em relação ao oxigénio, o escumador chegou para a oxigenação, nunca me apercebi de qualquer dificuldade visível nos peixes, a única diferença na escumação foi de um líquido muito mais escuro e mais mal cheiroso que o habitual e claro fazia espuma que nem um parvo. As cianobactérias fizeram a sua aparição, mas de um modo muito ligeiro no substrato, desapareceram em dois dias e o que me aconteceu mais vezes, foi o aparecimento de algumas "ranhocas" nas bombas e dentro do escumador e alguma pelicula nos vidros(excesso de bactérias), quanto aos flocos de bactérias só aconteceu duas vezes e passada meia hora desapareceram. tanto as ranhocas como os flocos são indicativos de que estava a adicionar com incrementos excessivos. Alguns mililitros a mais produzem uma grande destabilização, por isso tem que se ter muita calma e ir fazendo testes à água. Boa sorte José António
  4. Bom dia, MP40W! Se gostares mesmo de aquariofilia, não te dou um ano para mudares para um aquário maior, que passado seis meses já parece outra vez um copo de água. Devemos sempre tentar investir um pouco mais, senão chega-se a um ponto em que andámos a gastar dinheiro em equipamento que depois não serve para nada, a não ser para pôr à venda. Cumprimentos Zé António
  5. Bom dia, É interessante, mas é um método que pode representar um risco especialmente para os corais duros. http://stason.org/TULARC/animals/aquaria/r...bbers-long.html
  6. Bom dia, Também eu gostava de saber ao certo. Parece que nenhum dos entendidos nestas questões, olhou para este post. Não percebo nada do assunto, mas acho que já li algures que além dos 432w de consumo temos a somar o consumo dos balastros, que dependendo da qualidade andará entre os 5 e os 15w cada (nesse caso devem ser 4 balastros). Esperemos que algum expert confirme, ou não, o que eu disse e que dê uma explicação simples de entender. Cumprimentos Zé António
  7. Boas, A menos que seja só com peixes 4x54w é pouco. Porque não avanças antes para 6x54w? Não tenho Hailea, mas tenho 6x54w Blau Lumina com três ventoinhas e estou satisfeito, apesar das ventoinhas serem um pouco barulhentas. Segundo dizem as lâmpadas t5 perdem eficiência a partir de determinada temperatura e por isso aconselham que tenham algum tipo de refrigeração.
  8. O nosso colega Júlio Filipe do Reefforum escreveu: - Deltec Mce 600 - Reduzir Ruido -------------------------------------------------------------------------------- Para quem tem este skimmer, ou quem está a pensar adquirir um, aqui vai uma dica realmente boa para reduzir ruido resultante da vibração da bomba: Entrar no site da Deltec Enviar mail com pedido de envio de um "skimmer dampening set" Eles enviam gratuitamente Trata-se de umas borrachas para colocação numas ranhuras que a bomba tem. São necessários 3 sets para cada bomba (6 borrachas) . A minha já vinha de origem com 1 set. Espero que tenha ajudado Julio Filipe E de facto ajudou enviei o e-mail à Deltec e em 48 horas tive as borrachas em casa. http://www.deltecaquariumsolutions.com/home.php Um abraço José António
  9. Amigo Marco, Concordo contigo, o Naso será provavelmente doado daqui a alguns anos (para já só tem 11cm e é muito bonito) e talvez também o Veliferum porque não gosto muito dele. Quanto aos outros não os dispenso por nada, foram para lá quase "bébés" e estão muito bonitos. Curiosamente na reefkeeping de Janeiro o Tank of the Month é um aqua do género do meu (o meu tem 125x50x60) sempre tive os meus salgados densamente povoados de peixes muito bem alimentados, corais duros e moles, rocha viva quanto baste e colocada de forma a que tenham bom espaço para a natação, sem formar aqueles paredões que só deixam espaço na frente do aqua, uma DSB bem alimentada (nunca aspirei um aqua salgado) com muitos nassarios, ofiuros, etc, etc. e quanto ao resto da manutenção é +/- o normal. É claro que apesar de há alguns anos ter um aqua deste tipo, concordo que poderei sempre vir a ter problemas com algum dos peixes, mas enquanto estiver tudo com aspecto harmonioso e equilibrado... Um abraço José António
  10. Boas, No meu de 300l, tenho bem grandinhos Hepatus, Flavescens, Leucosternon, Veliferum, Naso Lituratus, Chelmon e mais 4 peixes pequenos. Sem problemas e muitissimo saudaveis. O único peixe que tive doente foi como não podia deixar de ser o Leucosternon que foi o ultimo a entrar, mas passado 15 dias ficou espetacular e os outros nem contagiou os outros. Um abraço José António
  11. Boa tarde, Já tive desses bichinhos que vieram juntamente com duas pedras cheias de zoanthus verdes, (os maiores tinham pouco mais de meio centimetro)só que os meus comiam os pólipos pela base. Detectei um no vidro e passado talvez um mês tinha mais de uma ou duas centenas deles nos pólipos e a única solução foi retira-los manualmente com uma pinça, durante a primeira semana todos os dias inspecionava as duas pedras minuciosamente, até que foram completamente erradicados e os pólipos recuperaram na perfeição e já lá vão dois anos. Um abraço José António
  12. Boa tarde, Já tive desses bichinhos que vieram juntamente com duas pedras cheias de zoanthus verdes, (os maiores tinham pouco mais de meio centimetro)só que os meus comiam os pólipos pela base. Detectei um no vidro e passado talvez um mês tinha mais de uma ou duas centenas deles nos pólipos e a única solução foi retira-los manualmente com uma pinça, durante a primeira semana todos os dias inspecionava as duas pedras minuciosamente, até que foram completamente erradicados e os pólipos recuperaram na perfeição e já lá vão dois anos. Um abraço José António
  13. O meu nunca bicou as tridacnas, mas claro que Aiptasias, Sabelas e Espirógrafos foram limpos. Já tive outros dois Chelmon e não os acho demasiado dificeis de aclimatar. Ao 3º dia começou a comer larva de mosquito congelada e só passado para aì um mês é que também começou a comer artémia. Neste momento com seis meses, só não come comida seca de nenhum tipo. Um abraço José António
  14. Concordo em absoluto com o Pedro Pacheco e o Miguel Pereira, não se pode deixar de fora quem não tenha nada de "valioso" para troca ou que se esteja agora a iniciar. Até porque tudo o que se poupar na compra de corais moles ou duros pode ser disponibilizado para melhorar substancialmente o bem estar dos nossos animais. José António
  15. jars

    Cálcio a 1000 ppm!

    Olá a todos, Concordo em absoluto com o Miguel Pereira, tenho tantas xenias que deito fora alguns pés todos os meses e nunca na vida fiz um teste do que quer que seja no meu aqua, limito-me às habituais mudas de água +/- semanais (5 ou 10% conforme me dá na telha) kalk nocturno alternado com bio-calcium +/- diário e de vez em quando, talvez uma vez por mês adiciono a olhómetro um pouco de iôdo e de estrôncio, deve ser 1 ou 2 ml de cada depende da vitalidade das xenias (que nunca ficaram murchas), este sistema está a funcionar há dois anos e meio com alguns corais duros uma quantidade de moles, uma hecteractis magnifica uma tridacna, 6 peixes, etc, etc... Para concluir, o meu exemplo é algo exagerado (20 anos de aquarismo e os ultimos 15 nunca fiz um único teste em aquário meu) as pessoas com quem mais aprendemos são de facto aquelas que fazem imensos testes nos seus áquas, só assim se pode compreender e corrigir quando algo dá para o torto e como todos bem sabemos é graças a esses excelentes aquariófilos que hoje podemos ter os nossos aquas povoados com espécies que há alguns anos eram impossíveis de ter. Por outro lado acho que alguns de nós mexem demasiado na quimica da água à procura das condições ideais e isso torna os aquas demasiado instáveis. Enfim não me vou alongar mais. Um abraço José António
  16. Boas, No meu mini reef que está montado há 4 ou 5 anos, sempre tive montes de lapas e há um bicharoco qualquer que se alimenta delas, porque tenho sempre imensas cascas de lapa no areão se bem que as retire +/- de 2 em 2 meses. Agora o que acho estranho é que elas se reproduzam, porque vejo lapas muito pequenas ainda com a casca transparente, mas também ainda não me dei ao trabalho de saber como é que raio elas se reproduzem. Um abraço José António
  17. Boa tarde, A DSB do meu mini-reef foi colonizada com bicharada apanhada nas poças da praia da Parede, entretanto a rocha viva entrou também, mas a bicharada das poças meteu o sistema a bombar a 200%. Num só dia progamei tudo para fazer a mudança para um aqua maior, introduzir dois novos peixes sensiveis que muito dificilmente sobreviveriam à pressão do Zebrasoma Flavescens e não tive uma unica baixa ou doença nos peixes e corais. Acredito que a introdução de uma boa quantidade de bicharada ajudou bastante a que o sistema se equilibrasse com bastante rapidez. Isto aconteceu à dois anos e meio e por exemplo os camarões, nassarios, ofiúros de duas espécies, estrela das que só comem detritos (não sei o nome) estão de boa saúde e cresceram bastante. Quanto à bicharada mais pequena depois de apagarem as luzes vê-se imensos bicharocos. José António
  18. Boa tarde meu caro Pedro, Tenho um a funcionar há uns dois ou três anos e nunca deu problemas, no entanto porque não experimentas deixá-lo em água com vinagre durante umas horas e depois liga-lo à bomba na mesma água para ajudar a desencrustar resíduos calcários, se não funcionar tapa a saída dta. para forçar a limpeza do lado esq. Foi a única maneira de arranjar uma bomba que estava completamente encravada pelo calcário. Um abraço José António
  19. Bom dia Nuno, Gostava de saber como é que estão os teus ocellaris, também tenho dois que viviam nas xenias, mas quando há dois anos comprei uma heteractis crispa eles adoptaram-na passada uma semana. Um abraço
  20. Caro Fernando Aconteceu-me rigorosamente o mesmo que a ti e por incrivel que pareça também foi após ter acrescentado o sump, incrementado a iluminação e mais 7 Kg de RV e acredita que após um mês critico, depois de dar uma limpesa rigorosa no escumador (tinha a saída de ar parcialmente obstruida com qualquer coisa calcária) em três ou quatro dias a areia e as rochas ficaram quase totalmente limpas e neste momente está a 100%. Um abraço