Peixes da costa portuguesa


Quo

Recommended Posts

Para já não estou a ter problemas de compatibilidade, e o escorpiao já ataca a comida que lanço no aquário.

 

Com um aquário grande é canja, só é preciso paciência durante a adaptação à água e na alimentação por serem animais selvagens. Peixes é fácil hugo. Alguns tipos de Invertebrados é que é mais difícil.


Coloquei um bom pedaço de esponja críptica branco-sujo, muito provavelmente Dysidea fragilis isto há umas semanas, mantem-se bem semanas depois, apesar de eu a ter arrancado algo agressivamente e está descolada da rocha, mas a fauna não ataca. Já a esponja laranja, já apanhei a fauna a atacar e acaba por desaparecer. também já acabou o plancton que tinha para corais, que poderá ser a causa de morte de parte da esponja. Penso que o meu problema será esse, ataques da fauna e falta de alimento para sustento a medio prazo.

 

Mudei a iluminação: mantive 2 candeeiros com duas lampadas azuis compactas e adicionei duas calhas de 60 leds com cada calha a consumir apenas 5W cada. Objectivo é acelerar o crescimento de algas na rocha nova, tenho conseguido é por a bomba de circulação colorida, base verde e tufos vermelhos. lol, isto porque a bomba fica mais proxima das lampadas, mas já mudei. Estou a lutar para que as rochas tenham um aspecto mais natural, e quero isso com algas e esponjas.

Link to comment
Share on other sites

Boas Quo, se colocaste Dysidea fragilis, consegues manter nudibrânquios se encontrares, é o alimento deles..esperemos que o escorpião não te faça das dele, se já ganhou confiança a comer é muito bom, já está adaptado, eles também são rápidos na adaptação, pelo menos os meus foram..

Sobre o desaparecimento das esponjas vermelhas e plâncton, pode estar a ser derivado à alimentação dos mesmos, com que frequência e quantidade é que dás comer a eles? os meus, mesmo os sargos grandes, nunca tiveram essa tendência..

Para fazeres as rochas ficarem com aspecto mais natural, com algas verdes a nascer tipo relva, tens de reforçar a iluminação a azul, já vi pelos meus que a azul faz despertar essas algas, mas também a coralina rosa e vermelha..

Pelos meus ultimos videos dá para verificar o tom das rochas, que inicialmente eram brancas..

E que tal pores umas fotos novas, principalmente uma geral? :thumbup3:

Link to comment
Share on other sites

A questão é que como mantenho sempre mexilhões vivos para alimentar estrelas, o plancton na água acaba rapido, é consumido pelos mexilhões. Se bem que os ultimos mexilhões que coloquei, num dia foram todos. Depois de limpar as conchas da areia, tiro uma nova foto.

 

O plancton há duas formas de eu o meter no aquario, comprando um frasco ou fazendo TPAs. O Frasco já me acabou há uns meses. AS TPAs vou fazendo, de 15 em 15 dias, mais ou menos, depende, às vezes mais frequente, outras vezes menos.

 

Pois eu sei que basta por muita luz, mas muita luz cria um problema grave, afecta-me o bolso. A alga vermelha que domina no meu aquario não é nativa, veio numa rocha viva que comprei. quando falo em ambiente natural, falo sobretudo a esponjas, laranjas e amarelas ranhosas, misturadas com tufos e coralina, e invertebrados nas rochas. alga verde relvada também queria, mas sei que isso precisa de muita luz. estás com quantos Watts de luz e qual a altura do aquário?

Link to comment
Share on other sites

Quo, a alga coralina vermelha é nativa da nossa costa, existe quase em tanta quantidade como a cor-de-rosa, pelo menos aqui..as minhas estrelas alimentam-se de restos de comida que os outros não comem ou acabam por não chegar a ela por ficar entre pedras..todas as estrelas que tinham, continuo a ter e correm o aquario todo..o berbigão também se alimenta de plâncton e tenho um no aqua desde o verão passado, e ainda se encontra vivo e feliz, será que tenho plâncton a nascer no aquario?

No aqua principal tenho 260w e no pequeno tenho 200w, o aqua grande tem 60 de altura e o pequeno tem 50..

Link to comment
Share on other sites

Não falo de alga coralina, mas de uma alga vermelha de tacto aveludado. Coralina no meu aquario as cores dominantes são o verde, branco e rosa e mais umas cores menos interessantes.

 

Ao que li o mexilhão, em especifico, consome grandes quantidade de plancton dai a sua dificuldade de o manter a longo prazo, mas facilmente consigo manter por muito tempo, a questão é que ao fim de um tipo o mexilhão emagrece. Se repareres um mexilhao vivo num balde, começas a ver logo muita quantidade de fezes.

 

260 W wow mais de 10 vezes mais que eu. mas se calhar é o melhor, o problema é a paraestatal feudal EDP que te vai ao bolso em força.

Edited by Quo
Link to comment
Share on other sites

Serve isto para informar que esta espécie de peixe-escorpião já come inclusive gammarus secos para tartaruga que se compra em qualquer supermercado, bastou por com a mão debaixo de água. também já deve comer flocos de camarao para peixes de água salgada. Sem qualquer tipo de problemas de compatibilidade detectado até agora.

Link to comment
Share on other sites

Boas,


Ontem fui a praia de S. Pedro para ver se encontrava alguns bodiões e Peixes-escorpião. Infelizmente não os encontrei mas deparei-me com isto:

038vyi.jpg

Fora de água.

036ait.jpg

Dentro de água.

034dte.jpg

Aqui fora de água com mais pormenor.

Será que é alguma espécie de coral ou esponja que haja aqui na nossa costa?

Realmente estou um bocado confuso.

Cumprimentos.

Miguel Roldão.

Meus aquários:

Dark Lake - Comunitário 63 litros
Shrimp River - Nano 15 litros
Baixa Mar - Salgado costeiro 100 litros

Link to comment
Share on other sites

Não falo de alga coralina, mas de uma alga vermelha de tacto aveludado. Coralina no meu aquario as cores dominantes são o verde, branco e rosa e mais umas cores menos interessantes. Pedro, essa alga vermelha que falas não é muito benéfica, a não ser que esteja numa superficie plana, é do tipo praga e em rocha porosa tapa os poros, matando as bactérias que lá estão alojadas..e trata-se de alga coralina vermelha..coralina branca é coralina morta, antes era cor-de-rosa de certeza..

 

Ao que li o mexilhão, em especifico, consome grandes quantidade de plancton dai a sua dificuldade de o manter a longo prazo, mas facilmente consigo manter por muito tempo, a questão é que ao fim de um tipo o mexilhão emagrece. Se repareres um mexilhao vivo num balde, começas a ver logo muita quantidade de fezes. O mexilhão alimenta-se tal como o berbigão e tinha um no aqua à mais de 7 meses, morreu hoje nos braços de uma estrela grande, o que ele tem comido, presumo que seja bactérias e toxinas na agua, os bivalves são como que um filtro biológico natural..

 

260 W wow mais de 10 vezes mais que eu. mas se calhar é o melhor, o problema é a paraestatal feudal EDP que te vai ao bolso em força. Eu à conta de ter esta intensidade de luz, que até é pouca ainda, tenho o aquario a ficar com as rochas verdes de limo relva, coralina rosa, coralina vermelha, e outros tipos de algas..e nota-se que cada vez mais está natural..

 

 

 

Serve isto para informar que esta espécie de peixe-escorpião já come inclusive gammarus secos para tartaruga que se compra em qualquer supermercado, bastou por com a mão debaixo de água. também já deve comer flocos de camarao para peixes de água salgada. Sem qualquer tipo de problemas de compatibilidade detectado até agora.

Pedro, os escorpiões comem de tudo, até carne crua se meteres eles comem, também já experimentei com pão e também vai, se mantiveres um regime de alimentação ele não deve caçar para comer..

 

 

 

Boas,

 

Ontem fui a praia de S. Pedro para ver se encontrava alguns bodiões e Peixes-escorpião. Infelizmente não os encontrei mas deparei-me com isto:

 

038vyi.jpg

Fora de água.

 

036ait.jpg

Dentro de água.

 

034dte.jpg

Aqui fora de água com mais pormenor.

 

Será que é alguma espécie de coral ou esponja que haja aqui na nossa costa?

 

Realmente estou um bocado confuso.

 

Cumprimentos.

Miguel Roldão.

Boas Miguel, isso trata-se de uma das várias espécies de esponjas que temos..no tocar dá logo para ver, se fosse algum tipo de coral seria duro..

Só uma pergunta, foste à procura de bodiões e escorpiões para por num aqua? tens algum aqua costeiro?

 

Abraço aos dois..

Edited by Rafael Marteleira
Link to comment
Share on other sites

Boas Rafael,
Em relação ao tacto da "esponja" fiquei com a impressão de ser duro.
No que toca ao Aqua ainda não o tenho mas espero ter em breve. Acontece que gosto bastante das espécies costeiras (Tanto peixes como invertebrados) e gostava de ter podido ver algum no seu habitat, mas não se quiseram mostrar.

Cumprimnetos.
Miguel Roldão.

Meus aquários:

Dark Lake - Comunitário 63 litros
Shrimp River - Nano 15 litros
Baixa Mar - Salgado costeiro 100 litros

Link to comment
Share on other sites

Boas Rafael,

Em relação ao tacto da "esponja" fiquei com a impressão de ser duro.

No que toca ao Aqua ainda não o tenho mas espero ter em breve. Acontece que gosto bastante das espécies costeiras (Tanto peixes como invertebrados) e gostava de ter podido ver algum no seu habitat, mas não se quiseram mostrar.

 

Cumprimnetos.

Miguel Roldão.

Miguel, para ser coral, ao raspares um pouco com a unha virias que não se desfazia em pó, mas sim que seria "peganhoso", ai virias logo que trata-se de uma esponja..para poderes ver os peixes, seria mais fácil num mergulho de apneia, torna-se difícil de os ver durante o dia..antes de os vermos já eles nos viram a nós..

Abraço

Link to comment
Share on other sites

Miguel é como diz o Rafael é esponja comum, apenas viste pouca quantidade, normalmente vejo grandes concentrações dessa esponja, mas para tal é preciso ir mais além na maré, penso que é Mycale similaris sem certeza.

 

Rafael, quanto às algas, nada disso. Nem sei como afirmas essas coisas sem ver, homem. Alga coralina branca existe e esta alga nunca foi rosa, o branco vai-se espalhando, não da forma em que outra morre, mas simplesmente construindo-se assim. Esta tem um aspecto vivaz. Nem só existe alga coralina rosa. existem várias cores, com a fraca iluminação do meu aquário, a rosa dificilmente dominará, com a iluminação que tenho será a verde a dominante, com esta

 

A alga vermelho-bordeaux não sei o que é, tenho duvidas que seja coralina. Se é negativo para o aquário, não me parece. Isso de tapar poros... quem te disse tal coisa, provavelmente confundiu com o mito da alga coralina normal e transferiu para esta alga. Contudo, nem para uma nem para outra é verdade, pelo contrário, criam novos espaços para bacterias, a rocha viva é dinamica, não é estática. A alga é comida pelos eremitas, caranguejos e as tainhas (especie de peixe nao confirmada), pelo que o impacto é positivo e a alga sofre... coloquei a alga no aquário, propositadamente, porque gostei do tom escuro nas pedras. Paguei 50 mocas pela pedra... só para poder ter a alga, era a unica rocha viva da loja com aquela alga.

Edited by Quo
Link to comment
Share on other sites

 

No que toca ao Aqua ainda não o tenho mas espero ter em breve. Acontece que gosto bastante das espécies costeiras (Tanto peixes como invertebrados) e gostava de ter podido ver algum no seu habitat, mas não se quiseram mostrar.

 

Cumprimnetos.

Miguel Roldão.

 

Miguel, o aquário manda-o fazer ou faz-lo tu mesmo, só assim podes ter um aquario de grandes dimensões a baixo custo. O tamanho do aquário é, com toda a certeza, um factor determinante no sucesso do aquário. Além de mais apelativo ao olhar. Com 120 euros já consegues vidro para fazer um aquario de 8 mm com 53 cm de altura, comprimento e largura à escolha do freguês.

 

Quanto à bicharada no seu habitat... consegues ver melhor o comportamento deles no teu aquario, em tua casa. é bastante agradável teres literalmente um pedaço do mar em casa e ter espécies tão dispares e interessantes e todas nossas... nada contra as espécies exoticas, bem pelo contrário!

 

Conseguir algumas espécies requer paciencia e pratica. eu ainda não consegui tudo aquilo que queria. alguns bodioes capturei quase à sorte no seu habitat (algas) e o escorpiao inicialmente pareceu-me um caranguejo. Já a barbada é detectavel devido ao seu comportamento e nadar serpenteante.

Edited by Quo
Link to comment
Share on other sites

Olá Quo, desculpa responder tão tarde.

 

O aquário já o tenho é de 80 de comprimento, 30 de largura e 50 de altura. Sei que não é muito grande para a estabilidade dos parâmetros da água mas os meus pais não querem mais aquários cá em casa :unsure:, mas já é suficiente para umas brincadeiras. Quanto ao escumador que vou ter vai ser o V2Skim 500 Compact Protein Skimmer da TMC acho que assim resolve-se um pouco o problema da estabilidade e posso ter mais bichinhos. Lá para junho o aquário já deve estar mais ou menos montado :thumbup3:.

 

Cumprimentos.
Miguel Roldão.

Edited by miguelroldao

Meus aquários:

Dark Lake - Comunitário 63 litros
Shrimp River - Nano 15 litros
Baixa Mar - Salgado costeiro 100 litros

Link to comment
Share on other sites

que fauna planeias colocar no aquário?

 

 

NOVO PROJECTO DE ROCHA

como planeio ter maior altura de rocha, mais segurança, mais areia visivel e a simples empilhagem já não era garantia, resolvi colar rochas com silicone transparente para aquário, apesar de ter comprado epoxi colagem rapida, o aviso na substancia de ser toxico para vida aquática, retirou-me a ideia. Tireia fauna da rocha para proceder ao projecto, acelerei a cura com recurso a um termoventilador caseiro.

 

o projecto consiste na colagem de 3 rochas grandes, mais pesadas em baixo e mais leve em cima e dois pequenos pedaços de coralina, uma das quais na imagem parece demasiado protomberante, mas é ilusao de optica.Ao vivo, é mais homogeneo, e as pedras tem muitos detalhes, protuberancias e grutas. é mesmo muito interessante. A abertura é a entrada de uma gruta que já existia.

 

 

 

altura da nova rocha: 34 cm largura: 37 cm objectivo é empilhar outras rochas ainda em cima desta. e fazer outras colagens noutras rochas.

20130423221945.jpg

Link to comment
Share on other sites

Boas

 

Não conseguia com abraçadeiras? nem que tivesse que fazer buracos nas rochas para ficarem escondidas.

 

Cumprimentos

Link to comment
Share on other sites

não pensei nesse caso. Pois não estou a ver como ia segurar estas pedras umas nas outras e a braçadeira ficar invisivel. Nas outras pedras, que tem muitos buracos, até pode ser uma alternativa, obrigado pela dica.

 

a forma que arranjei esta forma é chata, pois nunca se sabe se tenho lá vida, tinha um pequeno caranguejo filtrador dentro da rocha que acabei de salvar, por sorte.

Link to comment
Share on other sites

pois por isso é que falei nas abraçadeiras e por na foto que meteu as rochas parecerem ter bastantes buracos. Sem falar que o silicone ainda demora a secar e pelo menos eu, mesmo sendo indicado para aquários tenho sempre o cuidado de passar bem por água.

Falei por já ter visto pessoal a usar as abraçadeiras.

Aquela epoxy que se usa nos corais para fazer os frags será que não dava também?

Link to comment
Share on other sites

pois essa epoxy dava, pois deve ser segura ao contrario da que comprei, já a epoxy que comprei não. o mal é que não vi dessa epoxy. obrigado pelas dicas.

Link to comment
Share on other sites

Boas

Essa cola encontras nas lojas de aquariofilia . Tens uma na Maia. Mesmo com essa cola e apesar de ela secar dentro de água, tens de ter cuidado e colocar as rochas de forma a que fiquem seguras e estáveis.

Cumpts

[URL=http://www.myreefstats.com][/URL]

Link to comment
Share on other sites

Boas Quo,
para o aquário estou a planear por:

 

Peixes: uns dois ou três sargos, um bodião, uns dois ou três blenídeos e mais algum peixe que encontre.

Nota: Sempre que os peixes começarem a passar os 10cm vou devolve-los ao mar.

Invertebrados: uns poucos camarões-da-costa e um caranguejo-verde.

Cumprimentos.
Miguel Roldão.

Meus aquários:

Dark Lake - Comunitário 63 litros
Shrimp River - Nano 15 litros
Baixa Mar - Salgado costeiro 100 litros

Link to comment
Share on other sites

Essa cola encontras nas lojas de aquariofilia . Tens uma na Maia. Mesmo com essa cola e apesar de ela secar dentro de água, tens de ter cuidado e colocar as rochas de forma a que fiquem seguras e estáveis.

 

Olá vitor. Estás a falar da Jardiland?

 

Boas Quo,

para o aquário estou a planear por:

 

Peixes: uns dois ou três sargos, um bodião, uns dois ou três blenídeos e mais algum peixe que encontre.

Nota: Sempre que os peixes começarem a passar os 10cm vou devolve-los ao mar.

 

Invertebrados: uns poucos camarões-da-costa e um caranguejo-verde.

 

 

 

com essa litragem pode ser dificil manter bodiões.

os sargos comem os camarões.

e devolver ao mar implica re-adaptação a agua marinha que vai concerteza diferir da agua do aquario. atira-los ao mar é atira-los a morte.

 

hoje tive uma infelicidade, tinha o rodovalho colado no vortice da bomba de circulação :(

Link to comment
Share on other sites

 

Olá vitor. Estás a falar da Jardiland?

Boas

 

Não. Estava a falar da Coral Sea na Maia. Existe dois tipos de cola.Uma parece plasticina e permite depois de aplicada, fazer algumas modificações e outra de secagem mais rápida, mas que depois de aplicada... não mexe mais :tongue:

A que eu uso é a primeira(Aquascape construction epoxy) da DD

 

Cumpts

Edited by VitorMT

[URL=http://www.myreefstats.com][/URL]

Link to comment
Share on other sites

como fui comprar umas rochas para este aquário à Companhia dos Animais, eles lá tinham Epoxy TMC Reefers Epoxy Putty "Coralline Algae Coloured", realmente não vale apena inventar quando já está tudo inventado LOL. Ia à Maia sem problema, mas é um bocado afastado daqui.

 

demora é duas horas para fazer a primeira secagem e completa em 24 horas. Já vi que cola mesmo debaixo de água sem necessidade de retirar, se bem que dessa forma é dificil e turva a água (não é toxico),fora de água cola melhor.

 

O ser debaixo de água ajuda muito. Ia colar fora e acabei por tirar algumas rochas, onde sabia que tinha uma colonia de um crustacio que vive nas rochas, e cairam varios, vi que tinha alguns recem-nascidos. é tipo misto entre camarao e pulga do mar. mas nao é um, nem outro. Acabei por por no aquário mesmo assim e tentei colar debaixo de água. Vamos ver no que dá.

Edited by Quo
Link to comment
Share on other sites

O problema de colar dentro de água, é que deixa o escumador um bocado alterado se a quantidade usada for muita.

[URL=http://www.myreefstats.com][/URL]

Link to comment
Share on other sites