gervas

Membro
  • Posts

    1,063
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

Everything posted by gervas

  1. gervas

    gervas

  2. Freaking awesome Tom!!!! Aren't some of your visitors, also members of the APC forum? Some of them remind me of some of them...
  3. gervas

    Humus, onde?

    Substrato N3 em qualquer loja de agricultura. Daquele substrato para plantar em couvetes de esferovite serve, desde que nao tenha aditivos. Convém é ter atenção á maneira de como é aplicado...
  4. A primeira é Callitriche palustris, não tolera águas acima dos 23 graus, sei por experiencia propria. A segunda nao faço a menor ideia mas fiquei curioso, podes dizer o local da colecta, condições de iluminação, condições quimicas etc? Tens fotos mais pormenorizadas? A terceira é Ranunculos ololeocus aparentemente, é autoctone, e dependendo das condições a ambientação pode ou nao tolerar aquarios de agua quente, na natureza prefere biomas de aguas frias...
  5. A todos os que dizem que desinfectar plantas é patético e inutil, aqui vos deixo uma pergunta de uma só palavra.... Cladophora? Para bom entendedor meia palavra basta... Se não sabem o que é continuem a não desinfectar, e não fazer quarentenas e depois venham cá queixar-se =P Quanto á questão dos caracois não me faz diferença se querem que vos diga... Não sou suficientemente OCD para estar a preocupar-me se existem caracois nos meus aquarios ou não, muito pelo contrario, eu introduzo caracois intencionalmente nas minhas montagens, a sua actuação enquanto limpadores do aquario é algo que não deve ser descorada, e se por acaso a população começar a declinar por falta de alimentos, eu trato de introduzir mais. Normalmente mantenho Corneus sp. e Physas em todos os meus aquarios, limpam-me os detritos todos, e não me tocam nas plantas. Essa ideia de que os caracois atacam as plantas já precisava de falecer...Estamos em 2014, não em 1990, os caracois preenchem uma função importante nos nossos tanques e não devem ser aniquilados só por que sim. A ideia de que eles atacam as plantas é uma anedota á luz da evidencia, fertilizem correctamente, e previnam carencias, e verão que na realidade não os caracois que atacam as plantas, mas sim as carencias que as "comem",
  6. Isso é Syngonium sp. Repara na planta em concreto. Caso isso fosse uma Anubia, de todas as que são rotineiramentemente mantidas no hobby, seria a Anubias gracilis, uma anubia de medio a grande porte. Mas não se trata de uma planta desse genero. Repara no seguinte. Peciolo das folhas liso, e uniforme, algo que não é tipico do genero Anubias, se vires bem, todas as anubias, têm um discreto engurgitamento do peciolo exactamente antes do limbo da folha, é algo muito caracteristico do genero Anubias, e outras plantas da sua familia, como por exemplo os Anturium. Outra coisa que chama desde logo a atenção, um rizoma inexistente. Na realidade o que vês nesse Syngonium é um caule, com raizes aereas, não um rizoma com raizes aquaticas. Ambas as raizes em questão assumem mais uma função de fixação contrariamente a uma função nutritiva como em raizes no solo, mas são raizes de natureza diferente. Para além disso repara na enervação do limbo... Diferente do tipico para uma anubia. Como tal, aconselho a retirar a dita planta do aquario, e que seja plantada num vaso, e colocada em casa. É uma excelente planta de interior, tolera submersão durante algumas semanas a meses, mas acaba por morrer.
  7. Realmente tenho andado desaparecido.... Continuo a manter Callitriche palustris em tanques ao ar livre na rua o ano inteiro, mas ainda nao a consegui ambientar a aquarios de agua quente...
  8. Se estiveres a fazer um aquario com peixes de aguas tanicas, apenas precisas de limpar a madeira externamente, mergulha-la em agua o tempo suficiente para que esta afunde, e ter a certeza que nao está contaminda com pesticidas, ou que se trata de uma especie toxica... Caso queiras livrar-te dos taninos para evitar águas tanicas, vais querer ter isso de molho uns bons tempos até parar de lixiviar taninos para a agua...
  9. Isso é cladophora.... E visto que está no meio do musgo, Cladophora da ruim...Cladophora é a alga mais dificil de aniquilar depois de esta estar estabelecida...
  10. /facepalm Não vejo ai nenhum dano causado por peixes. Vejo sim uma Heteranthera que ou foi plantada recentemente, ou então está com falta de nutrientes ou luz...
  11. Que problema é suposto haver com essa heteranthera zosterifolia?
  12. Lixivia mata isso, H2O2 mata isso, Flourish Excel mata isso. Não nada dificil de controlar, é preciso é saber que armas usar =P
  13. Exactamente kevin, eu a mim não me faz prurido que se compre productos da ada..Agora SÓ Ada? Continuo a dizer...OUCH! Vejo que não sou o unico a pensar que este tanque tem pouca verticalidade...
  14. Onde falei mal da montagem Swazi? Lê lá bem meu caro, pois começo a duvidar que estejas a ler o que escrevi e somente lês o que queres ler nas minhas palavras... Em lado nenhum falei mal da montagem, mas sim disse o que não gostava na montagem, e dei argumentos em relação ao que acho menos bem. Não me limitei a atirar afirmações como tu, mas também dei razões para a minha opinião. Tu é que estás aqui incendiar só porque achas que estou a bater numa dama intocavel. Não se trata de atacar a ADA só porque sim. Eu proprio também usei no passado productos da marca, nomeadamente o powersand, mas sim de tentar mudar um bocado esta filosofia de que o que vem do japão é superior a tudo que haja no resto do mundo, assim como esta moda da japonesice que temos por cá. Se achas que ataco a ADA só porque jogo com interesses..Enganaste, não só nada tenho a ver com a ELOS, como já nem uso os seus productos. Sim considero que a ADA é muita parra, mas muito pouca uva, especialmente para o preço pago pelos seus productos, e não escondo o que penso da marca... Estás a ver guerras de marcas, onde não existem....
  15. Ao contrario do que dizes não se trata de dor de cotovelo. Provavelmente se formos a comparar, tenho muito mais dinheiro investido nos meus tanques do que ele nos productos ADA dele. Referia-me sim ao facto de ele ter pago o dobro do que poderia ter pago se tivesse usado outras marcas. ADA tem basicamente só nome, quando se vai a ver ao fundo da questão, vais encontrar tantas outras marcas, que são tanto ou mais eficientes e de qualidade por muito menos dinheiro. Provavelmente não gastaria o dinheiro no Ferrari...Há tantas outras coisas bem melhores para gastar o dinheiro, do que mera ostentação automobilistica...Por isso provavelmente compraria o carro mais inferior... No entanto vejo-te a ti a ser fanboy a defender uma dama que não tem defesa. Os productos ADA só têm nome, e preço superinflacionado(afinal de contas temos que sustentar o modo de vida sultanesco do senhor Amano). Até compreendo a coisa, é facil nós deixar-nos levar por aquele "sonho" vão que a ADA vende, do Senhor Amano armado em Mestre, e dos seus assistentes a trabalhar para ele, sem que ele mexa uma palha, de ter productos de elite, e de ser tudo tão melhor e mais bonito, e mais fantástico. Compreendo, todos somos capazes de nos imaginar no lugar dele, sabe bem imaginar-nos a fazer essas coisas espectaculares etc, e a maneira mais facil de nos aproximarmos disso é comprar os seus productos, imitar os seus tanques e continuar a sonhar (afinal de contas, o "aquascaping" surgiu disso mesmo...Não disputo, é a nossa psicologia a funcionar no seu mais basico, a nossa propenção para o imitar...Eles sabem disso, daí fazerem todos aqueles videos que eles bombeiam para a net semanalmente...É uma estratégia conhecida, e maestralmente utilizada pela ADA, e pela maioria das empresas japonesas. Eles são excelentes a vender o producto, mas será que isso se aplica realmente ao producto vendido? No entanto como disse anteriormente, há productos no mercado a um terço do preço tão bons ou melhores, os productos ADA não tornam nada mais facil e melhor, é o cerebro de quem os usa que o faz. A aquariofilia é 90% dos dedinhos e cerebro do aquariofilista, e apenas 10% dos productos utilizados. A aquariofilia existe há bem mais que 100 anos...A ADA está cá há "meia duzia" de anos, achas que é assim tão revolucionaria? LooooL. Achas que vale mesmo a pena pagar umas centenas valentes de euros por esse material todo assim de uma só vez? Porventura para os vendedores valerá a pena...Para um mero utilizador...Longe disso sinceramente... Agora se é feliz ou não dizer com sinceridade o que se pensa? Talvez este forum e a sociedade em geral precisassem um pouco mais dessa minha "infelicidade". Não estou aqui para ser "feliz" e dar palmadinhas nas costas, não me pagam para bajular. Digo o que digo de minha experiencia e opinião, se não gostam, mais não poderei fazer. Quanto á flora, sinceramente, a Amania Bonsai, tem um crescimento lento, e não vai crescer muito. Ele vai querer arranjar algo que cresça mais. E provavelmente o tempo só vai provar isso mesmo. Ele irá acabar por meter caulescentes de crescimento mais rapido e alto. Basicamente o que ele vai conseguir fazer uma planicie de cuba, e uns monticulos com a Amania Bonsai... A meu ver será um aquario sem grande choque visual, ele proprio irá ficar entediado de olhar para ele, pois faltará qualquer coisa para olhar diariamente, especialmente com grande enfase na cuba, visto que, depois de ela tapar, ele vai estar basicamente sempre a olhar para o mesmo. Por exemplo se ele usasse Eleocharis, ou staurogyne, a coisa seria muito mais interessante do ponto de vista do observador pois as texturas mostram-se muito mais interessantes de um ponto de vista estetico, assim como é possivel perceber a evolução do tapete. Não se trata só de pensar no aqui e agora, mas de pensar que esse aquario poderá durar largos meses, até mesmo anos. Duvido que haja alguém que se contente em olhar para o mesmo aquario mês após mês sem que este tenha grandes alterações, que irá ser o que vai acontecendo após a cuba acabar de tapar. "Fixe! A cuba Tapou! E agora? Olhamos para um mar de verde sem nada que salte á vista..." Entendes? Já não digo que se meta a fazer um holandês...Esses não são para qualquer um, mas pelo menos qualquer coisa para ver crescer semanalmente e ir podando...Dando um maior nivel de interactividade a toda a montagem... Por exemplo, umas cryptocorines perto das rochas/entre elas, e umas plantas caulescentes a fazer creeping por trás das rochas...Qualquer coisa que faça isso mudar um bocado. Copiar o minimalismo japonês já está tão fora de moda, devemos procurar fazer algo diferente, até porque nós não somos japoneses, devemos ser diferentes também!
  16. Ouch! Tanta coisa da ADA...Alguém tem mais dinheiro que juizo... No geral está bonito, muito embora em desaprove o uso de "Serious" Stones... Um aquario só com Cuba vai ficar bastante despido, e em breve vais querer adicionar mais coisas, pois vais sentir a falta de verticalidade nisso.
  17. Quanto tempo tem a Althernanthera nesse tanque? Aumenta a dose de fertilizantes=P O que aí vejo é uma carencia de macros... O que nao me faz muito sentido considerando a baixa carga vegetal que tens nesse tanque... Deves estar a fertilizar com quantidade inferiores. No inicio quando plantei a althernanthera no meu tanque ela também andou muito ranhosa, teve perda de folha, mas nunca desenvolveu esses buracos (e nao buracas) no limbo das folhas... Isso cheira-me a carencia nutritiva...
  18. A Pinatifida está atrás da arcuata...Vai levar poda segunda feira...Depois da poda posto novas fotos onde será visivel... A arcuata é muito rebelde...Tendo Luz e fertilização, isto até faz barulho a crescer...
  19. Vede o post anterior...Estou ainda a redigir=P Vou fazendo updates de tantos em tantos minutos.. Primeira Fotografia UP.
  20. Ola a todos! Há uns meses muito valentes que nada posto por estas bandas, exceptoando as caroladas educativas que de tempos a tempos venho dar ao pessoal na secção plantas... Alguns porventura pensam que desisti, outros que me retirei, no entanto outros porventura pensarão que me mantive activo em "segredo" uma vez que continuo a fazer compras de tempos a tempos, em especial de plantas para a minha colecção. No entanto, não...Não desapareci, continuo bastante activo, embora ultimamente não tenha tido grande coisa que tivesse vontade de partilhar grande coisa... No fundo seria na realidade mais do mesmo, mais um tanque como tantos outros aqui no forum. Há coisa de 1 ano desmontei o já defunto "Der gestalt der planzen II" e Iniciei um novo projecto... O meu objectivo era de criar o meu plantado mais denso até á data. No entanto este tem sido um caminho longo e cheio de problemas, recomeços, acertos, erros, azares etc, uma aventura daquelas. Não tenho mantido um step by step que tanta gente aqui gosta. Porventura terei por aqui algumas fotos do inicio, mas da evolução lamento, mas depois do plantio inicial estas serão as mais recentes. Tudo começou há aproximadamente 1 ano. Como disse anteriormente a minha ideia era de criar um plantado extremamente denso, daqueles como aqui no forum há poucos. Usei um aquario 80x40x30, aprox 96L. As dimensões para alguns serão pessimas para o dito "Aquascaping" (ao fim de tanto tempo ainda não engolo o termo), mas não era esse o meu intento, muito pelo contrário, não há cá chinesice, nem olho em biquice. Faço para mim, ao meu gosto, e isso significa Holandês XD. Por isso se procuram "Serious" Stones, "Ya-Gomes!", "Calcario caro" Stones, e essas coisas de gente com mais dinheiro que juizo, podem voltar para trás, pois não verão nada disso... Substrato... SUBSTRATO FERTIL - Substrato Numero 3 para germinação de plantas de estufa. Não foi nem filtrado, nem limpo, nem sequer foi fervido. Directamente da saca para o tanque, e seguidamente humidificado e posteriormente alagado (com calma, muita calma!) WALSTAD BABY!=) - Laterita q.b. - uns restos de Elos Bottom Mineral já com uns 3 anos... Uma camada de aproximadamente 1cm de areia neutra por cima. SUBSTRATO INERTE Substrato para plantados da aquantlantis, da cor de argila. Ao todo o substrato tem aproximadamente 15cm na parte posterior e uns 7cm na parte anterior. Água: Água do poço do pomar. Parametros pH 6.9 gH 10 KH 6 Fe: 0.1 Luz: 39Wx3 com 3 espectros diferentes como manda a lei para as plantas. Não tenho actualmente presentes as temperaturas, mas são as cores da praxe, o azulado, o vermelhão, e o amarelado. As lampadas estão dispostas para favorecer crescimento horizontal á frente, e crescimento em altura atrás... São mudadas conforme dá jeito. Fotoperiodo - 12 HORAS! (Afinal de contas estou a usar plantas de dias pequenos, por isso, usar dias de 8h de fotoperiodo é contranatura) (PS: Para quem não sabe o que é isto dos dias pequenos, aconselho a ler o capitulo da Kasselman acerca do fotoperiodo dias de 8h é considerado dia grande) CO2 CO2 pressurizado a 3-4 bolhas por segundo (pode parecer muito...Acreditem, estou sempre no azul!) Filtragem- Hydor Prime 20 Plantas!!!!! Alternanthera reinicki var "Rosaefolia" Pogostemon helferi Cyperus helferi Rotala sp. "Green" Rotala rotundifolia Ludwigia arcuata Bucephalandra sp "Motleyana Sintang 2" Anubias barteri var barteri Anubias barteri var petite Hygrophila pinatifida Staurogyne repens Microsorum pteropus Hardscape- Seixos rolados Videiras Sistema de Fertilização KNO3 DIY KPO4 DIY KSO4 DIY JBL Ferropol+JBL Ferropol 24 Bem sei que sou grande partidário dos fertilizantes da ELOS mas por indisponibilidade e não fornecimento dos fertilizantes ELOS das lojas onde me abasteço...Ora um tipo tem que se desenrascar. FAAO se conseguires indicar-me uma loja aqui nas imediações do Cartaxo/VilaFranca que me forneça os fertilizantes diarios sem que ande a mendigar-lhes para que mo mandem vir...Diz que terei todo o gosto em voltar ao rebanho ELOS... Desde que a Dido's Farm fechou ao publico tive cada vez maior dificuldade em abastecer-me até que simplesmente desisti... Fauna- Paracheirodon axelrodi - 23 Hyphessobrycon eques - 7 (teria mais se os encontrasse á venda) Ottocinclus sp. (provavelmente vitattus) - 5 SAE - 3 Microgeophagus ramirezi - 2 Tive transitoriamente neste tanque ainda Iriterina werneri Hyphessobrycon herbertaxelrodi (mas a coisa não funcionou e foram para outro tanque). *************************************************************************************** Ora bem. Como anteriormente referi, esta tem sido uma viagem interessante e com bastantes curvas e contracurvas. Inicialmente tudo correu sobre rodas, as plantas estavam a preencher bem. Tudo corria sobre rodas. Então o azar atacou. Parti o meu difusor de CO2 da ELOS. Demorei umas 4 semanas a retomar injecção de CO2...Resultado? BLOOM DE ALGAS. Tive de tudo, Staghorn foi a primeira a surgir, depois filamentosas, depois, rhodophytas, Euglena, Green Dust e até Spot algae pelo meio. Tudo me passou por aqui. Foram meses de terror, frustração e raiva. Várias vezes pensei em deitar as plantas todas fora, ferver tudo e recomeçar. Mas como tipo teimoso e de ideias fixa que sou..."Não! Não serão mais teimosas que eu!" E continuei por carolice, demorei, mas dei cabo delas todas á excepção das staghorn que de tempos a tempos lá teimam em voltar. Desde então suplemento a minha fertilização liquida e gasosa, com Seachem Flourish Excel pelo sim pelo não... A composição de plantas também teve alterações. Como os que me conhecem devem saber, sou grande adepto da Hemianthus glomeratus (ex micranthemoides). A ideia inicial era de fazer o plano posterior apenas dessa planta com Althernanthera reinickii no ponto focal á esquerda. Parvoice das parvoices! Após duas semanas de crescimento vigoroso, o raio da micranthemoides teimava em desenvolver uma cor branca no meristema apical e dias depois morria. Duas vezes tentei, sempre com os mesmos resultados. Mal me tinha eu esquecido que tinha usado linhas de nylon para fixar as Anubias... Para quem não sabe, a H. micranthemoides não gosta de nylon.... Fiz a experiencia em dois tanques..Um com Nylon igual resultado, um sem nylon e com as mesmas condições, crescimento saudavel. Resultado, a Hemianthus vai para a piscina de criação de viviparos...Ao fim de uma semana, tinha novos meristemas apicais saudaveis...Agora tenho a Hemianthus em crescimento em barricas no exterior da casa. Tive também a minha amada Hottonia palustris...Tudo correu bem, mas o Bloom de algas, e as temperaturas altas do verão, mas principalmente o bloom de algas ditaram a morte desta minha planta.... (Mas não se fica a rir de mim...Para o ano vou comprar uns vasos para meter no lago exterior, pois ela resiste ao frio da nossa area). Tive também Ranunculus inundatus mas a coisa não pegou durante o bloom de algas. Com a baixa das 3 plantas acima referidas, acabei por substituir a coisa por Rotala Sp. Green, e por Ludwigia arcuata, e o ranunculus por Pogostemon helferi - Downoi. A Staurogyne também esteve á porta de virar a caçoleta, especialmente nas semanas seguintes ao bloom. Tinha a parte central e lateral toda preenchida de Staurogyne. Durante o e depois do bloom todas perderam a folha, ficando somente o caule. A maioria acabou por aprodrecer. Mas esta planta resistiu no centro do tanque. Iniciei então uma fertilização agressiva, e uma injecção de CO2 perto do amarelo, e ao fim de umas 4 semanas a planta voltou a dar sinais de vida. A pouco e pouco, e de 3 caules que restaram, ela está novamente a recolonizar o espaço que lhe estava destinado. Entretanto chegou o Verão, e as temperaturas no meu tanque que normalmente rondam os 26ºC, subiram para os 30ºC. Como disse a Hottonia, já debilitada, foi para o maneta, e a maioria das plantas ressentiram-se, reduzindo o seu crescimento consideravelmente. Novo Bloom! Desta vez foi um bloom de Green Dust. Ao fim dos 20-26 dias da praxe a coisa lá se foi embora, mas doeu olhar para aquilo durante semanas. Então lembrei-me de comprar Rotala Sp. Green. para substituri a Hemianthus Micranthemoides...Adivinhem o que veio agarrado e que resistiu á desinfecção? Urtricularia gibba! Mais uma para me moer a cabeça. Inicialmente a coisa passou despercebida, mas ao fim de umas semas a sua presença estava bem patente. Há quem goste desta planta, mas nao a quero no meu tanque. Tem sido uma batalha constante todas as semanas desde então, mas esse até é um não problema. No fim da historia até é uma aventura que dava para escrever um livro, mas não me arrependo de nada. Actualmente penso ter os problemas controlados, e em fase de resolução. De tempos a tempos e quando faço turnos muito seguidos, pode aparecer as carencias esperadas, especialmente de macros (como tenho a coisa, não posso falhar uma semana de fertilização, que elas queixam-se logo). Tenho ainda algumas greenspot nas anubias do bloom original, mas ainda não arranjei umas neritinas para limpar isso. E surge alguma greenspot no vidro traseiro das zonas de maior consumo. Estou a podar entre 1 a 2 vezes por semana, fazendo podas desencontradas, para manter a coisa sob controlo. Qualquer duvida, e ou critica, reparo ou o que queiram. Mandem que estou cá para vos responder... Seguidamente as fotografias... Esta já tem uns 3 meses e é referente a uma poda mais drastica que fiz á Althernanthera=P Semanas depois, o canto da Althernanthera estava outra vez completamente preenchido como se vê nas fotos actuais. Um dos meus meninos... Para efeitos de identificação... Se alguém das Locarideas mo conseguir identificar agradeço. Um dos meus pilantras Os putos Mimados... A mesma zona da althernanthera mostrada anteriormente: Isto é o que tem no aquario á data deste poste... Tenho umas carencias aqui e ali, mas no geral as plantas estão fantásticas... Gostava que as fotografias que aqui posto mostrassem o pearling que isto faz....Parece uma Seven-Up! E eis que me retiro com este grande plano... Irei deixar fotos nos dias que seguem... PS: Sei que tenho algas no aquario e que não tirei os equipamentos da fotografia, mas não é para isso que se presta esse topico. Quando for para tirar a fotografia para eventual fotografia mais seria, tirarei tudo, mas até lá ainda tenho muitos buracos por tapar=P Logo ainda não "Vale"=))))
  21. Sim...Tal como Jose Silva disse. A parte engraçada do Pearling, é que quanto maior for a carga vegetal do teu tanque, mais rapidamente tens pearling...Se for um plantado denso, com CO2 terás pearling poucos minutos depois de acender as luzes... Por exemplo o meu actual tanque plantado de alta manutenção ainda está a preencher e já faz pearling intenso 30 min depois de acender as luzes...
  22. Quere dizer Lilacina nao queres Miguel Reis? Não há tal coisa como A. reinickii pink...Existe sim Alternathera reinickii var. Lilacina. Sim, assim que a Althernatera pegue, dificilmente a matas XD É uma praga! É só dividir os caules em dois e em breve terás o aquário cheio de altheranthera!
  23. Como vês nao se trata de eu nao querer ajudar...Acredita que sei umas coisas de plantas, e gosto de ajudar, no entanto falta de empenho e preguicite dos outros tira-me do sério, e faz me ferver em pouca água... Mas nada temas, basta que veja alguma vontade e iniciativa que depressa me passa... Mas se vejo cromos como vejo ai muitos a postar "Ah e tal, QUERO que me identifiquem isto! URGENTE! PARA ONTEM! ANTEONTEM!" e depois vejo que esse mesmo cromo nem sequer se deu ao trabalho de fazer algo tão basico como fazer uma pesquisa no google, nos sites de referencia para plantas, ou mesmo um livro de qualidade...Ai vou logo aos arames...Daí, que por vezes me vejas dar rebocadas no pessoal... Isso e ver chicos-espertos, que nada sabem de aquariofilia, e ainda menos de plantas a armarem-se em grandes sabedores, quando eu vejo que não só nada sabem, como ainda têm a lata de tentar enganar os outros atraves da internet para se sentirem superiores...Esses, eu até me divirto a rebocar...E faço-o com requintes de malvadez sem dó nem piedade, e não tenho papas na lingua de os chamar á atenção e expor a sua ignorancia... Anyways... Mostra empenho e terei todo o gosto em ajudar naquilo que sei...E se não souber, poderemos aprender os dois... Mas Empenho por favor...
  24. Calma lá Vasco, que sou forçado a concordar em parte com o Pedronb numa coisa... A Cryptocorine parva... Dizes que não precisa de grande luz...Realmente não precisa de muita luz para sobreviver...No entanto, para proliferar vais querer luz intensa, CO2, e um bom substracto organico, mesmo assim terá um crescimento lento a medio-lento. Aí o Pedronb tem razão...No restante...Nem perto nem de longe! Todas as plantas do aquario têm capacidade de metabolizar os carbonatos em suspensão na água em substituição ao CO2 dissolvido, pelo que, em aquarios pouco iluminados, plantas pouco exigentes são capazes de subsistir sem qualquer adição de CO2. No entanto isto pode ser uma lamina de dois gumes, uma vez que ao gastar os carbonatos perdes o efeito tampão, podendo dar azo a coisas nao muito agradaveis. Mas CO2 para um aquario de baixa manutenção? NAO! Fim da historia, o Vasco está certo, e nada que digas o vai mudar... E sim da lista inicial todas podem ser mantidas condições de baixa luminosidade e sem Co2, inclusivamente a Sessiflora. Mantive a Sessiflora com sucesso em aquario com 1/4 W/litro. Aquilo cresce mais devagar, e com um entrenó muito mais prolongado, mas cresce! As restantes nao se chateiam nada com as condições iniciais indicadas. Devo no entanto aconselhar a manutenção da Crypto. parva em condições optimas, pois verás todo o seu esplendor apenas nessas condições...Por exemplo queres ver a parva a crescer bem e com saude, é experimentar po-la no verão num tanque exterior...Consegues duplicar a quantidade de pés se tiveres as condições optimas em meio exterior. Este ano tinha 3 pés, quando a semana passada o desmontei tinha já 11 pés=)
  25. Para começar, as melhores são sem duvida as Hygrophilae, as myriophilum mais usadas em lagos são de venda proibida em Portugal. Outra coisa que podes experimentar é os nenufares, os lotus, as valisnerias, as sagitarias, a Hottonia palustris é uma planta de lago/aquario de agua fria (que é europeia, e que se da muito bem por cá em lagos). O Ranunculus ololeuchus também é uma boa aposta, as arranjar desta planta é quase impossivel no hobby, apenas através da colheita na natureza, mas cujas localizações onde o conheço não irei partilhar... As Alisma sp. também são boas, mas tens que saber o que estás a fazer e conhecer o seu ciclo vital, ou irá correr-te mal...As Utricularias, tanto a australis, como a gibba também dão, mas convém também saber o que estás a fazer com estas meninas, especialmente com a gibba, e se quiseres eventualmente tirar podas do lago para meter em aquario...Quem tiver infestações de gibba nos seus plantados saberá do que falo... As Potamogeton também são plantas muito interessantes para aquario e lago, especialmente as autoctones... A lista é infindavel dentro das especies autoctones. E depois tens as tropicais que conseguirás manter com bastante sucesso entre os meses de março/Abril e outobro, por vezes mesmo Novembro. Conseguirás fazer florir muitas das plantas de aquario, e até consegir sementes de muitas delas, no entanto o inverne não é nada clemente com a maioria das especies tropicais, em Portugal Continental... Basicamente todas as plantas aquaticas presentes nos rios e ribeiras em estado selvagem dão excelentes plantas de lago, desde que saibas quais são, as suas necessidades, e tamanhos maximo do seu crescimento...