tpt

Membro
  • Content Count

    73
  • Joined

  • Last visited

  • Country

    Portugal

Community Reputation

8 :)

About tpt

  • Rank
    Hiper Recém Chegado
  • Birthday 02/10/1976
  • Age 45

Contact Methods

  • Mail
    luis.f.loupa@gmail.com

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • País
    Portugal
  • Concelho
    Seixal (Setúbal)
  • Localização
    Torre da Marinha - Seixal

Recent Profile Visitors

1,208 profile views
  1. Eu tenho o mesmo problema que o Pedro, tenho dois L. Dorsigera e não sei se são casal ou não, seria boa ideia juntar mais dois para ver se formavam algum casal? Tenho um aquário de 120 litros com um tronco grande, muito musgo de java, sagitária subulatta, e outras que não sei o nome, com um cardume com cerca de 10 guppies que não aumenta devido à predação a que são sujeitos. Não sei se será demasiado 4 L. Dorsigeras em 120 litros e provavelmente teria de me livrar dos outros logo que um casal se formasse.(devido a alguma agressividade). Podem-me ajudar? Obrigado.
  2. Para comer algas e resistir ao nosso clima apostaria na Jordanela. Têm a fama de serem muito resistentes. Cheguei a ter um casal num aquário e adorei. Não tenho a certeza se se darão bem com kinguios já crescidos.
  3. Bom dia, Gostaria de saber se existe incompatibilidade em misturar endlers e vivíparos anões (heterandria formosa). Estou essencialmente preocupado, se existe o perigo de hibridação. Muito obrigado.
  4. Sem muita certeza, punha a hipótese de uma reacção lenta entre as águas. Experimenta misturar 50% de água do minipreço com a água da torneira, num garrafão, se puderes à mesma temperatura que no aquário. Mede o Ph passados 3 dias. Posta os resultados. (fiquei curioso) Outra questão, quando medes os ph de 6,6 ou 6,8 a temperatura já estabilizou?
  5. Este é o titulo de uma notícia apresentada pela Calouste Gulbenkian. Provavelmente será apenas um estudo que confirma aquilo que todos nós já suspeitamos. Serve também para mostrar a importância dos peixes, neste caso os danio zebra para a ciência. Os peixes também precisam de amigos
  6. Olá José Lavado, Quanto aos peixes, apesar de estares nos Açores, julgo que podes adoptar os peixes deste tópico:
  7. tpt

    Pequenas duvidas

    Relativamente ao termostato, apontava para um de 25 ou 50w, quanto à luzes não vou opinar, mas enquanto os experts não se pronunciam, podes confiar no site da tropica: http://tropica.com/en/guide/make-your-aquarium-a-success/light/
  8. Não vejo necessidade de comprares o teste de nitratos... O da amónia sim. Lê sobre o ciclo do azoto e vais perceber porquê. A causa de morte dos teus peixes deve ser a amónia. Quando percebes que algo está errado, (como por exemplo, uma corydora a descansar de lado) deves reforçar de imediato as tpa´s (a tpa de 50% de que te falei acima) e assim baixas a concentração de amónia. Ok? Mesmo que outros peixes tenham resistido, isso não quer dizer que não estejam a ser afetados, ficam mais debilitados e sujeitos a doenças.
  9. Cuidado com os fertilizantes granulados. São para plantas terrestres? Se for, tem atenção à sua composição química, especialmente às moléculas com azoto. Podes estar a introduzir amónia por essa via.
  10. Não fizeste o ciclo do azoto, não foi boa ideia. Tenta passar algumas das cerâmicas do aquário da tartaruga para o aquário dos peixes. Para ver se aceleras o processo. Faz tpa´s de no mínimo 20% dia sim dia não, durante a primeira semana. Se notares algo estranho nos peixes faz uma tpa maior (50% por exemplo). Tens vários tipos de pedras, que provavelmente te alteram a química da água, o que te pode trazer alguma instabilidade ao aquário. Faz o teste do vinagre, retiras as pedras do aquário e pões-lhe o vinagre em cima, se observares alguma efervescência então essa pedra não é boa para o aq
  11. Concordo com o bmbarbosa. Atenção à comida para Corydoras pigmeus, a comida deve ser de tamanho pequeno, se usares granulado para outros espécimes maiores elas podem não conseguir comê-lo.
  12. Vou-te dar uma dica um pouco "fora da caixa": Se continuares a usar a areia da praia no aquário, porque não usá-la tb no recipiente onde acondicionas a água antes da tpa? Assim, quando essa água fosse para o aquário não te provocaria tanta alteração nos parâmetros da água. É sempre um risco e não sei se alguém já fez algo semelhante... Quanto ao facto das fêmeas morrerem, quando estão quase a parir é normal, é a altura em que estão mais fragilizadas.
  13. Apresenta o Setup do aquário: Volume, filtro, aquecimento, decoração, tpa´s,.. Quantidade de peixes... Sintomas e/ou comportamento dos peixes.... Valores de nitritos, nitratos... Se possível umas fotos. Se puderes ter umas plantas de fácil manutenção e de crescimento rápido podem ajudar a manter o teu aquário mais estável. Provavelmente, a subida de PH está relacionada com o tipo de rochas ou areia usadas. Tenta antes manter o PH estável, qualquer dos valores apresentados, te permitem ter sucesso com Guppys Foste muito vago, apresenta o teu aquário para te podermos ajudar.
  14. De onde és? Vê lá: http://mauser.pt/catalog/product_info.php?cPath=23_66_887&products_id=62706