• Announcements

    • João Branquinho

      Mensagem para Visitantes   04/15/17

      Estimado visitante, antes de mais, muito obrigado pelo seu interesse na comunidade Aquariofilia.Net! Esperamos que esteja a gostar do conteúdo que temos no fórum. Dado que não é ainda um membro registado da nossa comunidade, não sabe que está a perder muitas outras funcionalidades e informações disponíveis apenas a membros! Do que está à espera para se juntar a nós? É só fazer clique no canto superior direito e pode inclusivamente usar as redes sociais para agilizar o processo de registo. Obrigado!

PAFS

.Membro
  • Content count

    570
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    13
  • Country

    Portugal

PAFS last won the day on March 12

PAFS had the most liked content!

Community Reputation

149 :)

About PAFS

  • Rank
    Membro
  • Birthday 02/16/69

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • País
    Portugal
  • Concelho
    Almada (Setúbal)
  • Localização
    Castelo Branco - Penamacor

Recent Profile Visitors

423 profile views
  1. Bom dia Luis, Não sei que calculadora usas-te mas por esta conversora que é a que usa o Nuno M. dá isto. A menos que que eu tenha inserido algum dado errado não chega aos 30 PPM (300 Litros e 42 ML + 105) Abração
  2. Mas com 90 já podes deixar na 2 e até é melhor para o aqua. Porque como isso faz tão pouca electrólise assim "rende" mais. Podia explicar melhor mas isso dava um testamento. Deixa na 2. Bom trabalho e boa sorte com tudo. Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk
  3. Se é de 90 deixa estar na 2 [emoji4]. Conselho de amigo. Nem sempre o recomendado é o mais certo. Se fosse 45 então sim na 1. Abracao Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk
  4. Ah não. O sr. Que comprou o meu chamasse J.Neto. [emoji4] Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk
  5. Não me digas que compras te o meu. Vendi o a semana passada. Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk
  6. Só ligas uma vez. A partir daí o aparelho define o algoritmo e vai ligando pela definição nele tida. Atenção que a posição 2 é para aquários de maior litragem que a que tens. Não é a adequada salvo erro para 45 litros. É 45 litros certo? Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk
  7. Já agora é por mera curiosidade. Porque compras te o TS? Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk
  8. Bom dia. Não se passa nada com o TS. Está a trabalhar correctamente. Para o monitorizares terias que estar aí pelo menos uma hora de volta dele para conseguires ter uma ideia da sua medida de tempo. A tomares nota de quando em quando liga e por quanto tempo. Para o arranque são todos assim. Por vezes pode demorar mais algum tempo ligado mas isso depende do algoritmo de arranque que o aparelho define assim que o ligas. Até pode acontecer desligares e voltares a ligar e ele estar mais tempo ligado. Conclusao: não consegues ter uma métrica fixa para te regulares. Abraço Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk
  9. Bom dia, Conheço a senhora por uns downloads de livros que fiz á uns tempos atras. Colocado assim um texto isolado não se pode depreender a lógica de raciocínio até se chegar aí. Para mim aquilo a que se refere ali é uma alusão ás trocas iónicas que enriquecem o solo ou melhor dizendo permitem que o solo absorva e faça reservas de nutrientes por aquela via. Mas muito residente. O potássio é absorvido do solo na forma de Iãos. Não das folhas. Incluso o potássio não se encontra na componente celular das plantas, mas elas usam-nos para abrir e fechar os estomatos. (debatemos isto os dois á uns anos noutro forum) ;) Claro que o K ajuda à produção de enzimas etc.. E não te esqueças que tal como a mesma Diana diz aquilo é uma hipótese. E que uma grande parte destes estudos são feitos em ambientes esterilizados (Por exemplo Plantação Tropica - Já lá vamos à frente). O grande problema deste universo da aquariofilia é que se fala sempre de um modo generalista tal como ela mesma reconhece. Por isso cada um tira as suas conclusões. Agora eu sempre fui defensor do uso de substratos ferteis atendendo ao que conhecemos da botânica/agricultura milenar etc. E porque a grande maioria das plantas (sejam aquáticas ou não) absorvem maioritariamente via radicular (e isto está provado - é par isso que servem as raizes). Se fosse maioritariamente pelas folhas não se fertilizava os solos certo? Como é que as plantas dissolvem / repartem os nutrientes pela sua estrutura absorvendo maioritariamente pela via foliar? Não sei. Se sabemos que as folhas das plantas até são repelentes. As algas pousam nelas mas não penetram. Acabam por as sufocar. Porquê? Porque as folhas são hidrorepelentes. Se têm esta propriedade como absorveriam tanto via foliar? Mesmo na agricultura a absorção é no solo porque a adubação é no solo e estes são massivamente ricos em Potássio. A Tropica lá nos seus jardins como é que as cultiva? Não é dentro de aquarios. É no solo. É só o meu ponto de vista prático. Não disse que não fertilizasse com K . Apenas acho um excesso e que não vai de encontro ao equilíbrio. Grande abraço.
  10. Olha já viste a minha cabeça.. nem me lembrei da Ecoarium. Ainda bem que o Sr. Luis não está a ver isto kkkk senão estava feito!! Vou já ver então se as têm todas. Obrigado por isto Gonçalo.
  11. Voltei.. Ja falei com a "Aquasabi" e eles vão enviar para mim com um acordo especial. Cool ;) E então isto vai ficar assim: A "Hemianthus Micranthemoides" vai sair de onde está e desce um degrau. Fica onde está o "Spot 1" No seu lugar vai entrar a "Pogostemon Stellatus" mesmo à frente da "Wallichi" e da "Rotala". Esta "Stellatus" como está um degrau abaixo vai ficar totalmente visivel aparecendo nas suas costas as partes mais altas das outras duas. Aqui nesta zona vou criar um misto de Vermelhos/laranjas/rosas/castanhos que é quebrado pelos verdes centrais.(Transição até ao lado direito) "Pogostemon Stellatus" No "Spot 2" vai entrar a "Althernathera Reinnecky Mini" que foi esturricada. Mesmo ali na zona central à frente e logo atrás do tapete de "Tripartida" (este a todo o comprido do aquario) e ao lado da "Hotonia Palustris". E do lado oposto a ela vou meter um apontamento de "Echinodorus Reni". Ou seja fica a sequencia central da esquerda para a direita da seguinte forma: Hotonia Palustris (verde entrelaçado) / Althernathera Reinnecky Mini (vermelho liso) / Echinodorus Reni )verdes acastanhados avermelhados. "Echinodorus Reni" No "Spot 3" vai entrar entrar outra moita mas desta feita de "Microsorum pteropus Java Fern" que penso ficar bem por baixo dos roxos/vermelhos da "Limnophila Hippuroides" e ao lado da "Ranunculus Inundatus" "Microsorum Pteropus" E pronto.. está traçado o objéctivo. Agora é aguardar pelas plantas. Todas "In Vitro". Começa a ânsia a tomar conta de mim .... Até lá vou preparando o aquário. Esta noite a "Hemianthus Micranthemoides" já salta dali cá para baixo. Abraço
  12. Voltando à zona de combate.. Escolhi estas plantas para introduzir no aquário. Echinodorus Reni Microsorum pteropus 'Petit' Bolbitis heteroclita "difformis" Microsorum pteropus Pogostemon stellatus "Broad Leaf" Agora o problema é que a "Aquasabi" já não faz envios de plantas para Portugal.. E por cá não há nada disto.. estamos aqui plantados à Beira mar.. longe de europa.. :( Tristeza..
  13. Bom dia Luis Podias abrir um tópico de iluminação porque aqui fica fora de sitio amigo. http://www.americanaquariumproducts.com/aquarium_lighting.html
  14. Olá Gonçalo, O que te posso dizer é que não acredito muito na fiabilidade dessas calculadoras. Já o disse noutro tópico que as mesmas provavelmente carecem de actualização. Estão aí fixadas na web à anos e anos.. Se eu usasse "EI" aplicava a receita base recomendada pelos experts: http://www.aquariumplantfood.co.uk/fertilisers/ei-starter-kit.html Mas se vais utilizar ADA Amazonia não corria riscos e aplicava apenas K e FE e depois regulava-me pela minha visualização. Pelo que vejo estarás a dar semanalmente (isto com base numa dessas tais calculadoras)...: NO3 - 3.1 Ppm PO4 - 2.2 Ppm K - 27.6 Ppm À partida e na minha modesta opinião é um excesso de K. Desmesurado mesmo e que até pode trazer complicações. Até porque tudo vai depender também das TPA (regime que vais aplicar) da tua base que é a água de rede e os valores nela contidos (se tiveres bastante K na rede para que é isso tudo percebes?) etc.. Pode ser um ponto de partida (embora eu revisse esse K..) mas tens que te regular pela observação. Isso é mais importante que o resto. Olhar atento. As plantas falam connosco. E ADA AMa.. é mesmo estar atento desde o dia 1. Abraço
  15. Olá Ismael bom dia amigo, Estava a olhar para os valores que colocas-te ali em cima.. e pronto a gente já tinha abordado isso mas lá está vê-se que os nutrientes estão em baixo (fazendo fé nos testes claro está). Mas olhando para as fotos consegue-se perceber que as plantas estão quase quase quase no ponto. Isso era alterar a fert e voilá! :) O layout está magnifico e as plantas estão quase lá amigo. KH - 4º gh - 6º NO3 - 1 (Aqui reforçar até ter entre 5 a 10) FE - 0.1 (Idem.. até 0.5) MG - 3 (Com aquele GH ali de cima diria que é normal este valor. Mas está mesmo fraco e MG é fundamental assim como o Calcio. (Nota-se o encarquilhamento de algumas plantas). Mas pode estar aqui a ocorrer um antagonismo devido ao K. Fui ver os reports dos SMAS da tua zona e lá vem declarado 4 PPM de Nitratos e 3 PPM de MG. Se ao medires no aquario te dá estes valores que são quase iguais ao que vem da torneira então algo se passa para não serem assimilados certo? Porque supostamente se da tua torneira sai tão pouco e tu não adicionas então devias ter zero no aquário face ao consumo das plantas. K - 15mg/l (E para mim aqui está o antagonismo/problema..ao introduzires ADA K (neste caso e atendendo aos valores da torneira é desnecessário) atinges os 15 PPM de K - Excesso). Para mim este excesso de K está a reduzir a absorção de MG. (disponibilidade dele) Ou seja, a carência ou a falta de MG ocorre quimicamente porque o excesso de K bloqueia a sua disponibilidade assim como o reverso tambem ocorre. Se tiveres excesso de MG este bloqueia o K. É a velha questão do equilíbrio. Na terceira foto percebe-se que as folhas mais antigas que naturalmente são as que estão na parte inferior da planta,são as afectadas e apresentam dois sintomas distintos: Clorose - devido ao excesso de K. E aquela côr preta à volta da folha = Falta de FE. E claro está falta de macros (Azoto, fosforo e MG) porque as folhas de cima estão boas. A planta canaliza os nutrientes para a folhagem nova não havendo mais para a antiga. Eu até percebo o teu receio em mexeres por agora. porque a seguir terias que acertar a luminosidade e claro está terias algumas dores de cabeça mas creio que seria mais facil do que aparentemente possas pensar. Agora que claramente esse excesso de K está a prejudicar mais que ajuda é um dado adquirido. A ter pouca fert vale mais ter pouco de tudo. Sempre equilibra mas por baixo. Não metas tanto K e faz mais TPA para ires dando mais nitratos e MG da agua de rede. Tens K na água de rede tambem. Ou aumentas todos ou então reduz o K que está a meter porque está a desiquilibrar. Grande abração.