Gabriel Branco

Membro
  • Posts

    554
  • Joined

  • Last visited

  • Country

    Portugal

Everything posted by Gabriel Branco

  1. Com duas semanas de uma montagem nova, nestas circunstancias, ja la parava 1 a 3 peixes, dependendo do tamanho e resistencia. Certamente nao gastaria um centimo em testes. Falta ali pelo menos um par de plantas basicas, tipo fetos ou anubias. Dinheiro melhor gasto e que em testes de amonia (que na verdade dao o valor total de amonia + amoniaco). O areao e como eu gosto, pode ser sifonado e limpo.
  2. Era mesmo um ancistro ou uma variedade de pleco? E bom tentar identificar o bicho com precisao, porque nem todas as especies de ancistrus teem o mesmo grau de afinidade para vegetais, alguns sao mais homnivoros que outros. O ancistro tinha acesso a vegetais de vez enquando: abobrinha, batata, cenoura, etc? As pastilhas de fundo tipo comprimido nao valem nada. Deve fornecer-se chips, que nao esboroam. Tenho experiencia e bons resultado com as verdes da Sera e da Tetra, mas estas ultimas nao consigo encontrar ca (Pleco Waffers). Pelo menos as da Sera teem componente de madeira. Ate agora as unicas baixas que tive foram 2 ancistros juvenis assassinados por um Betta. Os ancistrus vivem anos e anos.
  3. Bom uma das chaves para o relativo sucesso e a litragem muito elevada. A partir dos 200L reais penso que este tipo de peixe se torna mais toleravel, se o aqua nao estiver super-povoado, pelo efeito de diluicao dos problemas. Tambem com os peixes mencionados ha margem para mante-los. Tambem o facto de se ter um cardume mesmo grande pode ajudar... ou nao. Logo em grande parte nao e bem uma questao de sorte. Agora Neons e Cardeais, correm sempre grande perigo, assim como outros do mesmo tamanho. Guppies de cauda longa ficam de cauda curta rapidamente, o que ate agrada a muitos, mas o problema e que as vezes alem de ficarem sem barbatanas ficam tambem sem saude e sem vida. Como os Serpas sao peixes relativamente pequenos raramente sao colocados em aquas de grande litragem, isto embora nos tempos modernos ja muita gente tenha mais de 150L. Antigamente isso era bastante menos frequente, dado que o nivel de vida tambem era outro; e com escudos a musica nao era bem a mesma. Ja agora, gosto + da fauna da mesma regiao, da mais trabalho mas o resultado nao sei porque e sempre mais harmonioso.
  4. Nao tenho a certeza que seja veludo, pode ser tambem uma infecao bacteriana complicada com fungos.
  5. E um peixe bom para aquas de ciclideos.
  6. Epa eu tenho muitos anos disto, embora me considere longe de ser um especialista. Mas ouco sempre os mais velhos. Um verdadeiro especialista com anos disto tem loja na Amadora. Uma vez ele disse-me que os Serpae eram tipo piranhas. Porque? Uma dentadita ali, uma mordiscadela aqui, mais uma perseguicao por ai, dentro de algum tempo, pode levar anos, so vai haver serpae (ou viuvas negras) no aqua. Um mito (mais um)? Eu achei um exagero. Mas lembro-me que tive ha muitos anos um aqua de 55L. Adoro os Serpae e ao fim de cerca de 1,5 anos so restava um par de Serpae dos peixes originais. Nunca os vi demasido agressivos, ate porque acabei por colocar la Puntius Tetrazona! Mais recentemente, aqua 120L, 7 Serpae: caudas de escalares mordidas, peixes cauda de veu a serem perseguidos, Tetras pequenos sob pressao constante. Ate um olho de um ancistro L120 enorme deve ter sido mordido. Ainda tenho os 3 escalares, mais o casal de L120. Mas ofereci os Serpae a um amigo aqui do forum ao fim de +- 1 mes. Quero salientar que estas 'feras' sao um dos meus peixes favoritos, mas na minha experiencia para um setup muito especifico, quase aqua de especie. Nao que dizer que outros nao reportem experiencias diferentes, mas na maior parte das lojas, aquas com serpae ou viuvas negras = caudas ratadas. Quando so ha Serpae sao as caudas dos proprios que estao ratadas.
  7. 35cm e muito baixo, com o areao as plantas nao vao ter altura de coluna de agua para se desenvolverem. Escalares nem pensar, etc. Mete 45cm e vidro grosso, sem travessas.
  8. Ha varios tipos de botias que resolvem. Aqui perto de Lisboa ha os Sidthimunky que sao mto vivos e nao crescem muito, pra'i 5-6cm. Tambem os gobis carnivoros costumam dar cabo deles: um par de Mugilogobius Rexi limpou uma praga de 4 anos num aqua de 26L em dois dias. Agora os gobis nao sao faceis de encontrar e e necessario conhece-los para os tratar bem (tambem ainda ha naquela lojita, acho...). Os Rexi sao tropicais (melhor a partir dos 26) mas alguns atencao sao de agua fria, mesmo que os 'fabricantes' digam o contario.
  9. Mais uma vitima do Gyrinocheilus Aimonieri
  10. Este aqua esta muito forte. O tronco solitario e central tira o maximo partido da opcao octogonal, que a partida parecia pouco verosimil. E um troco/raiz solitario, vertical, joga bem com os angulos geometricos envolventes, ate porque esta 'invertido', logo quebra a monotonia. As valisnerias atras estao bem, um tapete vasto de plantas por tras ou no solo pode vulgarizar o resultado. Devo dizer que nao gosto deste tipo de solo, demasiado texturado e vermelho, mas este conjunto ainda assim desperta uma emocao invulgarmente intensa. O toque preto das pedras entre as folhas verdes da frente da uma classe especial. Ok, acho que gostei.
  11. Epa, ja nao se pode ser so um bocadinho snob?! Na verdade, fora de brincadeira, nao gostei muito do resultado, ha trabalhos dele que me encantaram deveras, este transmite-me 'demasiada' monotonia.
  12. Demasiado grande. Demasiados peixes.
  13. Cuidado com os Serpae, em aquas de pequena ou media dimensao. Os Fantasma vermelho ou Tetra Rosie sao apostas mais seguras. Para plantado ja tem peixes suficientes. Segui a evolucao, o resultado e simples mas eficaz, estou muito surpreendido. Um dos melhores aquas que vi recentemente.
  14. Se quer um nano aqua pronto com filtro e aquecimento ha muita coisa por ai baixo-custo, por ex: http://www.leiloes.net/Nano-aqua-35cm-c-filtro-Rena-e-termostato-25w,name,195623435,auction_id,auction_details No forum e so colocar uma opcao de compra de um aqua de 15-20L e chovem respostas! O problema de um nano nao e escolhar as especies, e a experiencia. So aquariofilistas experientes devem manter peixes em nanos, o GRANDE problema e que muitos iniciados por razoes economicas e de oportunidade tentam comecar com pequenos aquas: erro. Um iniciado deve ir para 50L pelo menos, melhor 60L ou mais. Os aquas maiores tambem podem dar mais trabalho e exigem mais espaco, requerem filtro exterior mais caro etc. mas claro sao melhores.
  15. Dario-dario, ja viu bem o tamanho deles? Em 8L estao num grande aqua! E valem bem a pena, sempre que vou a uma certa loja fico varios minutos a olhar para eles. Cuidar dum casal num grande aqua e que pode ser um quebra cabecas, so de encontra-los! Quanto aos killies tem razao, e necessario escolher bem a especie, mas os Aphosemion australe por exemplo vivem bem ate 17 graus, embora abaixo dos 19-20 a reproducao praticamente cesse.
  16. Betta macho sozinho 3 ou 4 borara maculatos 4 a 6 borara urophtalmoides Um par de dario-dario (micro badis-badis) Um casal de killies dos mais pequenos, ou so o macho (na Natureza chegam a ser encontrados em pocas de 1 a 3L). Uma opcao so, claro. Manutencao exigente com um pequeno filtro interior proprio para nanos ou mochila e mudanca de agua 2-3 vezes por semana 30 a 50%. Atencao que para os pequenos borara e necessario que o filtro nao os aspire: ha varias opcoes com espuma a proteger a entrada do filtro. Quase todos necessitam de aquecimento com resistencia/termostato, excepto os killis numa casa aquecida ou por exemplo uma hipotese mais exotica, como um Gastromyzon. Alguns pequenos gobis tambem sao de agua fria, apesar de vendidos como tropicais. Ex: Schismatogobius ampluvinculus. Nota: ve o topico de peixes para nanos no forum.
  17. Sabes que o ciclo esta feito em +-90% dos casos quando passaram duas semanas com o filtro ligado.
  18. Pois os gobios sao para aquas dedicados, nao para comunitarios gerais: opiniao pessoal. Os gastromyzon sao herbivoros excelentes e na minha experiencia nao necessitam de nenhuma torrente. Um filtro de cascata com debito medio chega. Nao se pode e subir muito a temp. mas aguentam bem os 22-23 graus e ha muitos peixes tropicais que vivem na Natureza com essas temperaturas. A principal razao da temp. e que o O2 dissolvido baixa muito a partir das temp. tropicais (24-25) e esses peixes nao teem hemoglobina preparada para essas concentracoes baixas. Agora um peixe de clima temperado, como o nosso, nao deve ser mantido em aquas tropicais. Para os vendedores vai tudo a 25 graus, porque sabem que a esmagadora maioria dos clientes teem os aquas entre 24 a 26 e nao vale a pena espantar os clientes... Mas numa nota positiva, e bom ver cada vez mais lojas a apostar em peixes menos comuns, muitos dos quais enquadraveis em pequeno aqua ou mesmo um nano de especie. So por isso hoje a aquariofilia e muito mais interessante do que ha 20+ anos. PS: quando falamos de rexi ja estamos a falar de 26 graus!
  19. Pois, mas eu nunca consegui encontrar camaroes de rio. Ate penso que e proibido apanha-los por ca. Mas ha pessoal que sabe como encontra-los.
  20. Pois, aqui no Tejo as tainhas comeram-nos todos!
  21. A loja costuma anunciar novos peixes aqui no forum, procura aqui 'mugilogobius rexi', ou so rexi... Nunca tive os pequenos Schismatogobius ampluvinculus, tudo o que sei e de pesquisa net. Sao Japoneses, logo as temperaturas sao identicas as nossas, nao sao peixes tropicais, o que deve dar 10-20 graus, ao contrario do que se le por ai. Os da Formosa (Taiwan) podem ser de aguas mais quentes, mas na fishbase sao classificados de clima temperado (nem sequer sao sub-tropicais). Temp ar -08 a 30 graus, temp agua 10 a 15, toleram abaixo de 10 e podem ter problemas acima de 15graus! Parecem crescer no maximo 2,7cm e sao carnivoros. http://fishbase.sini...e=ampluvinculus Para herbivoros asiaticos recomendo vivamente investigar tambem os gastromyzon, que ha (havia) na mesma loja, embora incorretamente identificados como pseudogastromyzon. Tambem sao de climas temperados a subtropicais. Ph a volta de 7 esta bem. SE os ampluvinculos forem de facto tao pacificos como apregoam, entao ate poderiam ser misturados os 2.
  22. Podes visitar a loja. E mais facil ver ao vivo se as femeas la sao iguais a este peixe ou nao. Se for um juvenil tambem pode ser uma das muitas variedades de Rhinogobius. Os Rexi se bem ambientados costumam nadar e ficam algum tempo em posicao de 45 graus com a cabeca para cima, parados no mesmo sitio. Se so anda no fundo e nunca nada ja nao sei. Se os caracois sao grandes nao ha problema: mas numa das fotos parece que esse exemplar tem uma certa afinidade por eles... Para mim a grande questao doa gobis e primeiro saber se sao carnivoros ou homnivoros, estes em geral alimentam-se do biofilme das algas. Valem bem a pena, apesar das dificuldades.
  23. Gobio: Parece ser um Mugilogobius Rexi femea. Os machos sao mais amarelados com bordo preto nas barbatanas. Se forem estes sao carnivoros e adoram congelados: artemia, larvas de todas-as-cores, tubifex, etc. Peixes pequenos e lentos vao aparecer com as barbatanas caudais comidas. Penso que ha uma loja na Amadora junto ao Continente que ainda tem um trio: sao bem interessantes. Temp para 26 graus. De resto bem aclimatados toleram tudo menos mta poluicao. Ja agora, acabam com a praga de carocois pequenos em dois ou tres dias.