Hugo Duarte

.Membro Ausente
  • Content Count

    116
  • Joined

  • Last visited

  • Country

    Portugal

Community Reputation

0 :)

About Hugo Duarte

  • Rank
    Membro Júnior
  • Birthday 02/02/1978

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • País
    Portugal
  • Concelho
    non portuguese
  • Localização
    Coimbra

Recent Profile Visitors

3,623 profile views
  1. Hugo Duarte

    Hugo Duarte

  2. Viva, Usas osmose? Abr Enviado do meu SM-G850F através de Tapatalk
  3. Boas, Então como vai o projecto? A estrutura original foi alterada ou essa é toda feita de raiz? O aqua de 430l foi e agora tenho uma brincadeira mais pequena. Pode ser que ainda volte a comprar qq coisa de jeito. Abr. e boa sorte com o projecto
  4. Ola estou interessado na bomba eheim 3000 mas nao consigo mandar PM???

    Cump

  5. Boas, então novidades deste aquário? Abr.
  6. ola amigo e da marca blau aquaristc

  7. Boas, Então novidades do penico? Vai postando umas fotos para vermos a evolução. Abr.
  8. Boas, Finalmente o penico montado. Estou a ver que os eremitas se safaram no meio desta luta toda. Quanto à massa amarela e se ainda me lembro (agora é mais plantas) será uma esponja. Sempre a tive no meu aquário. Vai pondo fotos da evolução e tem mta calma para isso correr bem! Já agora, quando fui apanhar água à Figueira medi os silicatos e estavam no máximo. Aconselho-te a testar também. Abraço
  9. Olá Paulo, É verdade que o tempo que tenho disponível para o aquário cada vez é menor e com tendência para piorar. Já tinha vindo a pensar em transformar este aquário em algo menos exigente, lps e moles (algumas alturas até pensei voltar à água doce), tal como sugeres. A sugestão é óptima e ainda bem que há frontalidade. Para mim, o interesse é salvar os corais e peixes que ainda tenho. Não quero desistir do hobbie mas também tenho consciência que o que vem a seguir tem que ser de acordo com as minhas possibilidades (temporais e financeiras claro) e que por outro lado, o facto de haver alguma ausência não coloque em risco toda a vida que existe no aquário. Os corais já vão sair do aquário amanhã ou 3ª e vão para o aquário do amigo Paulo Rolim. É o melhor a fazer no momento e os peixes vão para um aquário temporário. Terei é que arranjar 1 estrutura para lá colocar o ATB a funcionar. O escumador só funciona com uma altura de água até 20 e poucos cm. Garantidamente fiz demasiadas intervenções no aquário e que levaram a que esteja como está no momento. Se há algo importante nos reefs é estabilidade acima de tudo. Acho que o meu aquário foi mal projectado logo de início, com equipamentos deficientes, rocha mal escolhida, excesso de peixes, etc.., e depois fui tentando resolver problemas atrás de problemas. Por vezes resulta, por vezes não resulta... Para além de todos os passos que terei que tomar, já andava a tentar perceber quais as melhores opções de equipamentos para este tipo de aquário (LPS e moles). - Que iluminação é necessária? Neste momento tenho 8x54 T5 - Circulação: as bombas que tenho não valem nada. - Bastará reactor kalk ou é preciso manter o de cálcio?
  10. Vai ser mesmo uma luta e pêras. Mas com calma hei-de lá chegar. Fiquei com dúvida se o estado dos corais (corais moles e LPS fechados e perda de cor nos SPS) pode estar associado à presença dos ditos dinoflagelados ou se isto foi tudo coincidência e algo mais tenha afectado os corais? O RTN deve ter sido pela "flood" do ATB. Já desliguei o CO2 e tenho feito TPAs certinhas com aspiração da sump. Vou tentar seguir os passos que indicaste e vou postando os resultados. Medi agora o SiO2 à saída da osmose e não deu nada. O que não quer dizer que esteja boa. Foi só 1 teste. Mas aqui vou ter que gastar uns €€. Abraço
  11. Boas, Paulo e André, obrigado pelas respostas. No meu caso penso que o problema não passe tanto por utilizar químicos no aquário. Os corais já estão ressentidos o suficiente e iria causar ainda maiores perdas, julgo eu. Há que identificar a raiz do problema e aos poucos tentar recuperar o sistema. Em termos de aspectos que penso poderem estar a influenciar desta forma bem negativa, e já vão ver o quanto negativo está nas fotos, julgo que os seguintes factores poderão estar a contribuir: - Adição de elementos traço da FM (abaixo do recomendado mas nunca se sabe se acima do desejado...) que poderão estar a alimentar os dinoflagelados e quem sabe intoxicar o aquário. Já procurei em vários fóruns sobre este assunto mas nunca li nada em concreto. - Lâmpadas T5 já têm mais de 1 ano. Julgo que poderá contribuir para o boom em questão. - Nunca medi a qualidade da água à saída da osmose. Os filtros podem ter cedido de vez e toda a água que esteja a entrar no sistema não tenha qualidade suficiente. Sei que na torneira os silicatos estão no máximo da escala. Efeito de bola de neve.... Tenho que ver se alguém me empresta um medidor de TDS para aferir a eficácia da osmose. - O "flood" do escumador quase de certeza que foi pelo excesso de epoxy utilizado de uma só vez. Tenho tentado compensar este problema com TPAs. Hoje vou fazer mais uma de 80l. O RTN dos SPS vem daqui garantidamente mas ainda não consigo explicar o porquê dos corais moles (pragas) estarem todos mirrados antes deste acontecimento. - Hoje desliguei a injecção de CO2 no sistema (do reactor de cálcio) mantendo o reactor de fosfatos a funcionar e carvão activado também. Agora vamos à desgraça... Não se assustem pois está mesmo uma miséria e os vidros ainda estão sujos :D Depois disto acho que vou beber umas loiras para acalmar Abraço Hugo
  12. Boas, andava o meu aquário a correr tão bem e de repente....grande stress nos SPS, LPS e moles. Começaram a perder cor, a um ritmo lento, e nas últimas duas semanas RTN em parte dos SPS. Os moles estão todos mirrados (até a praga das Xénias) e as Euphylias quase fechadas. Duas Anthias e 1 camarão também morreram. Claro que estas coisas só acontecem quando estamos fora. Quando cheguei tinha o copo do ATB cheio de água e a sair continuamente pelo topo. Para juntar à festa, quando fui para fora o copo ia já com 1/3 de porcaria. Portanto grande carga repentina no aquário. Por outro lado, ando numa luta há cerca de 2 meses para erradicar de vez diatomáceas/dinoflagelados (não sei bem qual deles tenho ou se os 2: só sei que a RV está castanha clara, o areão também e o vidro do fundo com 1 camada que parecem fios também da mesma cor). Quanto ao escumador penso que possa ter acontecido porque na véspera de ir embora estive a colar uma série de corais com epoxy e provavelmente poderei ter exagerado na dose. As medições não foram conclusivas, mesmo sabendo que nem tudo se consegue medir. Ph - 8,3 No3 - 1 PO4 - 0 Ca - 490 Mg - 1380 KH - 9 Temp - 25,6º SiO2 - 0 Bem sei que a carga orgânica em excesso e de forma repentina poderá ter sido claramente um rastilho para começar o RTN. No entanto, já tinha perda de cor em grande parte dos corais e mesmo os moles já andavam mirrados. Andei a ler e a tentar ver o que poderia estar a influenciar isto tudo. Do que li surgiram as seguintes questões: Excesso de cola epoxy (alteração da posição de vários corais) - poderá ter provocado intoxicação dos corais/sistema? Dinoflagelados - li algures que certas espécies poderão provocar intoxicação, provocando morte em invertebrados por ex. Será mesmo? Vida útil das T5 - poderão influenciar nos dino e nos corais de alguma forma? Para tornar isto ainda mais confuso para mim, já li em vários fóruns que uma das formas de erradicar os dino é não fazendo TPA, diminuindo assim os nutrientes disponíveis para os mesmos. Enfim, dúvidas atrás de dúvidas e sem saber o que fazer ao certo. Alguma dica? Abraço Hugo
  13. Boas, então e novidades deste aqua? Abraço Hugo
  14. Boas, estava a pensar usar este areão Bio-Activ Live® Aragonite Reef Substrate que tem uma mistura de granulometria de 1 a 2,5mm. Só não sei é se a Valencianea se vai engasgar com este areão Que acham? Ou sugerem outro tipo de areão? Abç Hugo
  15. Boas João, de facto tenho que substituir o areão. Começa a perturbar os corais e não pode ser... E vais usar so de 2,5mm? Não será muito grande? Nunca vi nenhum aqua com essa granulometria. Abç