Classificação


Popular Content

Showing content with the highest reputation since 11/09/18 Em todas as areas

  1. 7 points
    Boa noite, ontem li este tópico e realmente fiquei bastante incomodada, daí preferi não responder a quente e esfriar as minhas ideias, só tenho que LAMENTAR QUE MEMBROS NÃO SE RESPEITEM E NÃO MANTENHAM A BOA EDUCAÇÃO num fórum que se dedica precisamente à entreajuda num hobby que em princípio todos gostamos! Estamos cá para impor esse respeito, mediar de forma imparcial e justa! E obviamente ajudar quem precisa de respostas, mas também quem as queira aceitar. Obviamente que quem cria um Tópico está sujeito a um role de opiniões, que podem ser do seu agrado ou não, mas que quase sempre são construtivas e querem SALVAGUARDAR A BOA CONDUTA NA AQUARIOFILIA , afinal trata-se de manter seres vivos e todos se devem esforçar por lhes dar as melhores condições. Ora é normal que nem sempre estejam de acordo mas com isso não quer dizer que se criem desarmonias, faltas de educação, ora posto isto, @Gabriel Boccia SÓ LHE FICAVA BEM UM POUCO DE HUMILDADE E UM PEDIDO DE DESCULPAS aos membros e ao fórum! Mesmo assim, vou responder às suas dúvidas se se der ao trabalho de as ler, pode ser que o ajudem a tomar boas decisões num futuro próximo, pelo menos é o que espero pelo bem da fauna que agora mantém. Acabei de montar um aquário de ciclídeos com as seguintes especificações: - 63 litros (45x40x35) Totalmente inadequado para ciclídeos africanos no geral. Sendo que para ciclídeos dos Lagos Malawi e Vitória é impensável. 120cm de frente é o mínimo dos mínimos para um aquário do lago malawi, apartir dos 150cm de frente é o aconselhável. No entanto, para uma espécie de conchiculas do lago Tanganyika até seria possível, se tivesse cuidado com o layout. - Filtro Aquaclear 200 Filtro inadequado para as dimensões desse aquário, de mochila com pouco caudal. Informo-o que ciclídeos sejam de que parte do mundo forem, precisam de bons filtros, é um equipamento indispensável para o bem estar da fauna, pois são eles que providenciam a boa qualidade da água no aquário. Para africanos devem ter um caudal de saída de 7X o volume do aquário, guiando-me pelo caudal anunciado pelos fabricantes sem matérias filtrantes, porque na prática com as matérias filtrantes perdem 30%a 50% do anunciado, dependendo das marcas. - Substrato Samoa Pink Sem problema. - Rochas Sansibar Aqui deve-se ter cuidado e ter em atenção na escolha da rocha, porque esta às vezes apresenta buracos que se tornam pequenos e os peixes podem ficar entalados ou até arestas onde se podem magoar. Mas é uma rocha comum nas montagens de africanos, tendo em atenção também a disposição das mesmas. - Aquecedor com termostato Roxin 100w Sem problema - Iluminação Led calha comúm Sem problema, não precisam de grandes calhas de iluminação e às vezes as suas cores até sobressaem mais que menos intensidade de luz. A fauna do aquário é a seguinte: - Aulonocara nyassae pink 5 cm - Tropheus Duboisi 3 cm - Demasoni Pombo 5 cm - Labidochromis yellow 4 cm Aquários de ciclídeos africanos devem ser montados consoante o lago que escolhemos! Portanto, outro ponto a ser levado em consideração é o facto de não se dever misturar espécies de lagos diferentes. Ora dessa lista tem espécies de Malawi e uma de Tanganyika, nomeadamente Tropheus, logo a partir daí começam as incompatibilidades entre espécies, fora por exemplo ter um Mbuna com um tropheu com cores idênticas, coisa que não suportam gerando conflitos entre si, fora guerras por território, etc.  Montei este aquário para deixa-lo com o aspecto de marinho e gostaria de saber a opinião de vocês sobre layout e fauna, por exemplo, "Quais peixes posso colocar?" "Devo colocar mais rochas?" Pois, a começar pelo aspecto marinho que não entendo o porquê de se preocupar com isso, já que não são espécies de água salgada. Que peixes pode colocar, a resposta é nenhum, pois não são as condições adequadas para eles, para além de que se adiciona-se mais alguns, supondo que os compra juvenis, não iam chegar a adultos... Quanto às adicionar rocha também não vale a pena, por todos os motivos que identifiquei desde o início, para mais que 45cm de frente não são de todo minimamente suficientes para para albergar a fauna que mantém, por isso não é isso que vai ajudar para não haver confrontos entre eles. Sei que o aquário é pequeno, mas pretendo ficar com ele por só mais 1 ano e depois aumenta-lo para um maior (ainda não sei quantos litros). É notório o seu desconhecimento sobre o tema, o que de todo não é um comentário depreciativo nem pretende sê-lo, pois todos começamos por algum lado e vamos aprendendo ao longo da nossa vida, com isso evoluímos em todos os aspectos. Duvido muito que algum desses peixes chegue até lá, o que devia fazer era devolvê-los a quem lhos deu ou vendeu e optar por outro caminho, outras espécies, outro tipo de layout, etc. Acho que esta é a informação indispensável, não vale a pena dizer mais para já. Espero que o tópico prossiga sem mais incidentes, obrigada aos outros membros que por aqui passaram até ao momento.
  2. 4 points
    Ora é como não podia deixar de ser, lá vieram as filamentos as fazer uma visita, e então o fim de semana passado fiz uma limpeza com a escova de dentes, e seguida de tpa de 60%. Na terça feira fui comprar um SAE, o mais pequeno e magricela que lá havia, para a limpeza das malditas, na verdade a alga que acho mais feia de se ver, gosto mais das diatomáceas, lol. Ao trazer o peixito, o qual fiz uma ambientação como sempre gosto de fazer, lembrei-me que tinha de colocar o termostato a funcionar, o que fiz. Certo é que o peixe entrou no aquário e nunca mais o via, durante um dia e meio as algas continuavam na mesma, o que achei estranho, pois são exímios a comê-las. Pois cheguei à conclusão que o termo estava a fazer mau contacto na tomada e estava desligado, lá resolvi o assunto e passado umas horas lá vi o peixito a começar a trabalhar, deve ter passado um mau bocado já que a temperatura estava nos 21° graus. Mas a situação não ficou por aqui, e eu que tinha o termo que é de 100W para 26° mas a temperatura estava a 30°, tive de ajustar o termo para os 22° para ficar com uma temperatura de 27 reais. Acho que tenho de investir num termo de 50W da elite, pois são pequenos e como vi o Gonçalo a colocar um eheim dentro do filtro vou optar por fazer o mesmo. Aqui ficam as fotos gerais do dia 6 de Novembro e de hoje dia 10, já se nota a diferença, embora ache que ele continua um pouco preguiçoso.
  3. 3 points
    Ora Viva... Mais uma semaninha e a coisa entrou em velocidade cruzeiro. Neste momento conta com 20 e tal Red Cherrys Entrou-se na fase de corte e replantação em diferentes zonas para ajustar os detalhes finais do layout. A Ellatine foi a única planta que embora não tenha morrido, também não arranca e decidi replantar a UG, que se está a desenvolver muito bem, também nesse lado do aquário. Abraços
  4. 2 points
    Bem, ando a cortar isto com uma tesoura normal, não é nenhuma ADA... fico sempre é com pena de tirar de mais! Ontem desbastei muito que isto ja estava uma selva, e no lado direito já é a 3º poda que faço! (desta vez foi mais rente ao substrato para ver se alarga mais) A UG diziam que era a mais dificil e coiso e tal, mas tem se safado lindamente!! Não faço TPA à mais de 2 semanas, apenas acrescento agua que evapora com agua dos ciclideos Ainda nao limpei o filtro, só limpo o vidro da frente ahaha Pus umas quantas crias de guppys endler e 2 caracois que ja se reproduziram! 😕 Alimento com northfin comunity de 3 em 3 dias, de resto andam a picar algas
  5. 2 points
    Fotos frescas de hoje Aqui é só para mostrar como estou a fazer o aquecimento Tudo a correr bem!
  6. 1 point
    E ao fim de muitos meses de sangue, suor, e lágrimas (ao analisar o saldo bancário)... HABEMUS AQUARIUM!!!! 😄 Mais novidades durante os próximas semanas...
  7. 1 point
    Ok. Se 6.5 não é mau para guppys então ótimo. Assim escuso de estar a corrigir sempre o ph.
  8. 1 point
    A primeira vez e como novato que ainda sou, a quantidade de vaselina ressentiu-se no aquário. . . apareceu um género de bolhas que parecia espuma e que depois acabei por descobri que era da vaselina do filtro. Mesmo assim como não pus em causa o que me tinham dito deixei estar. Mas não aconteceu nada de mal acho eu. Fico a aguardar a resposta a sua questão inicial que me ajudará a mim também. 🙂
  9. 1 point
    O português é burro mas tem um fórum onde brasileiros vem tentar resolver as suas dúvidas. Porque será? E o que é um brasileiro que coloca 4 ciclídeos num aquário de 60 Litros sabendo que é pequeno? O aquário é pequeno, não interessa se vão estar apenas um ano ou meio ano nele. Nem para um mês é suficiente.
  10. 1 point
    Não li o tópico todo, sou muito burro para ler isto tudo, mas o que tenho a dizer é: - O aquário é pequeno.
  11. 1 point
    Planting time aquaflora plants aquascape by Nigel Aquascaping, on Flickr
  12. 1 point
    Acima de tudo este tipo de conduta é absolutamente inadmissível, apesar de alguns membros terem alertado para os erros aí presentes, recusa-se a reconhecer os mesmos e ainda parte para o insulto! Peço que reconsidere a forma como participa nesta comunidade e como fala com as pessoas que só o estão a tentar ajudar! Esse aquario não só é pequeno como estão aí espécies incompatíveis. Quanto ao tipo de rocha também não é o mais adequado, que apesar de ser calcária tem buracos onde esses peixes podem ficar presos e acabar por morrer. Reconsidere ler bastante sobre ciclideos do malawi se quer manter essas espécies.
  13. 1 point
    Quanto melhor é o substrato mais manutenção precisa mas só ao princípio. E vale a pena!
  14. 1 point
    Sábias palavras. Mais uma vez tinhas razão. Não é que o garra decidiu saltar do aquário? Mas contra todas as probabilidades saltou num dos poucos momentos que tenho disponíveis para contemplar o aquário, e por isso ainda não foi desta que o seu suicídio teve sucesso. Mas como quem salta uma vez, salta duas ou três, já o transferi para outro aquário tapado... Seco já não vai morrer!!! 😉 Entretanto parece estar tudo bastante pacífico. As algas desapareceram quase todas com a entrada dos primeiros habitantes "não minhoca". Só noto ainda alguns pontos verdes nos troncos e nos vidros. Não sei se esta equipa de limpeza come essas algas, ou nem por isso. Queria ver se nos próximos dias sempre conseguia encontrar um SAE pequenito para substituir o garra saltitão! Repeti as análises à água e os valores já estão todos normalizados. Sendo que o nitrato e o fosfato estão muito próximos de zero. Acham melhor aumentar a fertilização de Macros, juntar um cardume, ou as duas coisas em simultâneo? Neste momento estou a usar os fertilizantes da Tropica: - Macros 4 mL 2xsemana; Micros 2mL 2xsemana!
  15. 1 point
    Boas pessoal Vou fazer um pequeno update deste projecto. Isto descuidei-me um bocado e fui deixando crescer até se tornar uma selva que engoliu completamente o hardscape. Como podem ver na primeira foto. Há duas semanas decidi voltar a restaurar o layout original e dei uma poda radical no layout. Por isso podem ver a foto de como o aquario está hoje. Eu pensei enviar este aquario para o web Aquascaping contest, mas depois de fazer as podas tornou-se obvio que algumas das plantas não travam no seu melhor devido a falta de luz. Por isso mais uma vez não passou de uma ideia. A manutencao do aquario é semanal, fertilizacao EI diária e no global o aquario até não dá muito trabalho agora que já criei uma rotina para ele e me habituei a trabalhar com o espaço reduzido deste aquario. Espero que gostam. E espero opiniões. Enviado do meu PRA-LX1 através do Tapatalk
  16. 1 point
    Alguns novos habitantes Enviado de meu ASUS_Z00AD usando o Tapatalk
  17. 1 point
    Boas Pessoal, Venho deixar-vos uma actualização do aquário. Abraço e espero que gostem. Samuel Ferreira
  18. 1 point
    Tás a trabalhar bem (como sempre) hehehe Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
  19. 1 point
    42970346_925091024356171_8754263468128862208_o by Luís Cardoso, no Flickr
  20. 1 point
    Boas Tarde Pessoal, Venho deixar uma rápida actualização do aquário. Replantei 2 vasos de montecarlo e 1 vaso de staurogyne.
  21. 1 point
    Boas O menino nao veio em muito bom estado da PET. O excesso de horas de luz e o facto que o co2 acabou no domingo de manha resultaram no musgo ficar completamente coberto de algas. Para piorar fiquei doente logo no dia a seguir a PET e entao ele ficou uma semana com o Ivo na solucoes. Ele tentou meter-lhe co2 mas nao se entendeu com o meu redutor ingles e o aquario acabou sem co2 uma semana. Quando trouxe o aquario para casa removi o musgo todo das arvores, tinha comprado um pote novo de musgo para plantar mas nao foi preciso, porque ele voltou a crescer na mesma de pequenos restos que ficaram na madeira. As algas nao largaram o aquario durante bastante tempo, no final resolvi o problema com excel, tres dias de dose de cavalo acabaram com as algas quase todas. A semana passada apos uns dias de descanso dei mais tres dias da mesma dose e hoje as arvores estao limpas. O tapete tambem demorou um pouco mas agora esta a ficar decente. Perdi varios peixes com a viajem de regresso da PET infelizmente. Nao foram dois meses muito bons por aqui, a auto europa deixava-me esgotado e sem paciencia para chegar a casa e cuidar dos aquarios e quando finalmente me habituei ao esforco e consegui encaixar os aquarios na rotina semanal, mudei de trabalho e andei mais umas semanas a descuidar-me com eles ate me habituar a uma rotina diferente. Todos os aquarios aqui tiveram problemas com algas, felizmente fui resolvendo os problemas nas ultimas duas semanas. Nao estou a mentir quando digo que este aquario esteve muito perto de ser desmontado, este e alguns dos outros, mas eu sou teimoso e acabei por forcar-me a enfrentar o problema. Resumo do que mudou desde que o aquario chegou a portugal: Janeiro - Remocao do tapete inteiro que ficou danificado apos a viagem de inglaterra, nao consegui recupera-lo e para levar o aquario a PET decidi substitui-lo. - Remocao de uma boa quantidade de substrato na zona frontal, o substrato estava muito alto, por isso baixei o nivel consideravelmente a frente. - Remodelacao do caminho, antes estava numa posicao central, agora curva ligeiramente para a esquerda do aquario. - Adicionei varias anubias petite e pongolino de maneira a povoar mais a area que fica por debaixo das arvores com plantas que nao precisam de muita luz. - Adicionei cryptocoryne parva no lado esquerdo do aquario entre as arvores. - Em desespero de causa para encher um pouco mais a traseira adicionei umas podas de ludwigia super red mini - Aquario foi para a PETfestival Fevereiro - Remocao de todo o musgo da copas das arvores, estava coberto de algas e ao mesmo tempo tinha crescido demais e estava a bloquear o acesso a luz a outras plantas. - Aumento da potencia da luz, isto foi algo que o Ivo notou quando teve o aquario com ele, eu tinha reduzido a luz consideravelmente visto que o musgo ficava sempre coberto de algas. Ele notou que a luz estava muito fraca e dai talvez a principal razao pelo qual o tapete original nao recuperou. Isso misturado ao facto que deixei crescer o musgo demais nas arvores. - Fui aumentando lentamente a quantidade de fertelizante as medida que fui verificando que apesar de ainda ter algas o tapete e o musgo cresciam cada vez mais saudaveis. - A dada altura tive que descolar as arvores completamente, uma enorme quantidade de detritos estava a acumular-se nas zonas entre as arvores, devido ao design do aquario eu nao tenho acesso a essa zona sem remove-las. Fiz uma limpeza a fundo para remover o maximo possivel. Marco - Adicionei uma powerhead junto ao difusor de Co2 para tentar fazer o co2 chegar a todas as zonas do aquario, este filtro da dennerle que tou a usar nao consegue um nivel de corrente forte o suficiente para levar o co2 a todas a areas. - Tratamento com excel. 12 ml por dia durante 3 dias, com 50% de agua tirada a cada dia. - Apos o primeiro tratamento uma pequena quantidade de algas tinha sobrevivido e comecaram a espalhar-se de novo. Na semana a seguir voltei a fazer o mesmo tratamento. O aquario nao esta perfeito e duvido que chegue a ficar, o espaco e muito apertado para fazer manutencao a longo prazo e eu comeco a duvidar que volte a fazer montagens deste tipo. Preciso de algo mais easygoing no que se refere a manutencoes no futuro. Mas aqui vai a foto do aquario apos a TPA de hoje. Espero que gostem.
  22. 1 point
    Viva, o importante não é a capacidade do aquário, o importante é a potência da lâmpada e velocidade com que a água passa pelo UV. Sendo assim, se tiveres uma lâmpada de 16w a água deverá passar a cerca de 150lts/h, se tiveres uma lâmpada de 36w a água já poderá passar a cerca 300lts/h. A litragem do aquário só interfere nas horas em que o UV está ligado. Ex: Um UV de 5w ligado a um filtro de 100lts/h para um aquário de 200lts, deverá o filtro UV estar ligado durante 6h. Um UV de 36w ligado a um filtro de 300lts/h para um aquário de 200lts, deverá o filtro UV estar ligado 2h. Percebeste a relação ?
  23. 0 points
    Isso está bem encaminhado Gonçalo. Tens feito tpas com a água do "90"? Pelo aspecto equilibrado diria que esse é um dos segredos 😉 A circulação extra pelo skimmer também é um ponto a favor. "A inspiração para os nomes está no teu interior Gonçalo San, procura e vasculha que vais encontrar qualquer coisa!" - 緑の火
  24. -1 points
    Acho que vocês têm dificuldade de ler... Deixei bem explícito que vou aumentar o aquário e que sei que este é pequeno. Quero saber sobre compatibilidade de espécies e layout de rochas. Ta difícil entender? Por isso que falam que português é burro, e o pior é que é mesmo pelo visto...
  25. -1 points
    Mais uma vez não respondeu as perguntas simples que fiz no post... Você pode responder?

Tempo de vida do fórum


Data de criação do fórum: March 16, 2003 00:00:00