zezinh0

Da doce para a salgada

Recommended Posts

Boa noite a todos. Alguns já me devem conhecer, pois tenho uns quantos aquarios de água doce e já necessitei várias vezes de ajuda neste fórum e felizmente agora tudo está a correr bem !

Mas não quero ficar por aqui e quero agora, com calma, entrar no mundo dos salgados. 

Para já vou usar o meu antigo aquário hospitalar (25L) para ir ganhando calo como se costuma dizer 😂

Ir aprendendo, fazendo “experiência”, ver resultados e problemas sem gastar muito dinheiro. Quando já tiver mais um bocado de sabedoria neste campo então arrisco-me num de 400/450L. 

É 100% necessário usar skimer ? (acho que é assim que se diz)

Se fizer um sump, que matérias filtrantes devo ter. 

Quais os corais mais fáceis para ter e como faço para os dividir quando já tiverem maiores. 

Em relação à iluminação, funciona como a água doce ou tem diferenças ?

 

obrigado a todos

Share this post


Link to post
Share on other sites
há 8 horas, zezinh0 disse:

Para já vou usar o meu antigo aquário hospitalar (25L)

25L é complicado, se realmente fores com isso para a frente aconselho só corais de fácil manutenção.

há 8 horas, zezinh0 disse:

Quando já tiver mais um bocado de sabedoria neste campo então arrisco-me num de 400/450L.

Se já conheces a água doce quando entrares na água salgada vais perceber que não é tão complicada quanto parece(só acho que dá mais trabalho)

há 8 horas, zezinh0 disse:

É 100% necessário usar skimer ? (acho que é assim que se diz)

Diz-se Skimmer não falhaste por muito, não é obrigatório como nada na aquariofilia é obrigatório, no entanto, está lá para facilitar a nossa vida, o Skimmer retira a sujidade da água antes mesmo desta se decompor, o que ajuda bastante dado que a amónia é mais tóxica em pH's elevados, o Skimmer ajuda a diminuir a quantidade de amónia gerada ao colocar a sujidade fora do contacto com a água.

É possível não ter Skimmer? É mas vai ter de fazer mais tpa's

há 8 horas, zezinh0 disse:

Se fizer um sump, que matérias filtrantes devo ter. 

O mesmo que se usa na água doce.

há 8 horas, zezinh0 disse:

Quais os corais mais fáceis para ter e como faço para os dividir quando já tiverem maiores.

GSP(Green Star Polips), Zoanthus, Ricordeas, Carpet Brown, Actinodiscus, Xenias, cloves, Sarcophyton, procura por corais moles são os mais fáceis, todos os que citei precisam apenas de ser cortados e colados noutro local et voilá no entanto se tiveres dúvidas vai ao Youtube e vê como se faz, pode parecer assustador ao inicio, aconselho-o usar proteção adequada quando fôr fazer frags(dividir corais) alguns libertam toxinas como por exemplo as Zoanthus e Palythoas, atenção que essa toxina não é brincadeira...

"Essa toxina esta presente no muco da cavidade interna dos corais Zoanthus e Palythoa, podendo ser expelido em forma de jato quando o coral é cortado para produção de mudas. Em contato com os olhos ou mucosas pode causar graves ferimentos ou levar a morte"

Há quem o faça sem proteção nenhuma mas cada um corre os riscos que quer..

há 9 horas, zezinh0 disse:

Em relação à iluminação, funciona como a água doce ou tem diferenças ?

A iluminação tem diferenças sim, mas não sou o melhor para abordar este assunto.

 

A água salgada é cara... custa mais a montar, mas por vezes até se torna um aquário mais fácil porque por ser mais caro há mais respeito(dificilmente vai exagerar na quantidade de peixes) e mais gosto pelo aquário(terá menos preguiça em fazer manutenções).

Em 25L não aconselho meter peixes.

Share this post


Link to post
Share on other sites