Mega Nano Reef 10 Lts


Jorge N. Ferreira

Recommended Posts

é preciso ter vontade de aprender, ler muito em vários fóruns, falar com outros hobbystas e nas lojas da especialidade.

 

É isso mesmo que tenho andado a fazer. Já pensei em fazer um reservatório de água com uma caixa (conforme escrevi mais a cima) para, penso eu, tendo mais água consiguir manter melhor os parâmetros.

Já me deram a informação que não adianta para colocar mais peixes, mas já me sentia feliz com um palhaço, uma anémona para ele "brincar" e uma rochazita :)

 

*deixo um link de um fórum exclusivo para nanos - http://www.nano-reef.com/

 

Gracias

 

Este projecto é para avançar, a não ser que continue a ser mais desmoralizado do que ajudado com ideias. Mas estou a absorver o máximo de informação antes de fazer (muitas) asneiras.

Link to comment
Share on other sites

Eu mantive durante mais de 6 meses um 8L. A experiência foi excelente, correu muito bem, mas não é de todo recomendada para o longo prazo.

Ao longo deste tempo tive um par de Sexy Shrimp, 2 turbos, 1 feather duster, GSP e Zoanthus. Tentei também manter Xénias e uma Montipora, mas em ambos os casos não tive sucesso, provavelmente por causa da instabilidade dos parâmetros da água. Peixes... nem pensar nisso é boa ideia!!

 

O ponto chave da manutenção de pequenos nano-aquários de recife é na minha opinião a reposição de água evaporada. Vale a pena o investimento num sistema osmoregulador. Eu tinha um DIY muito simples mas às vezes dava problemas, por isso acho que os 50€ de um osmorregulador fiável do ebay são mais que justificados.

 

Em termos de filtragem, acho útil a utilização de um filtro de algas, no aquário principal, num filtro externo ou numa sump. Resinas ou carvão activado também são úteis. Escumador, só se for de superfície, utilizado em conjunto com lã filtrante e trocada com muita frequência. Outros escumadores são complicados para volumes pequenos.

 

Dois problemas ditaram o final do meu nanissimo: temperatura e sujidade. Num volume pequeno, a temperatura do verão português é incompatível com a manutenção de espécies de reef. Mesmo ventoinhas são limitadas para a redução da temperatura e tornam a evaporação exagerada. A sujidade acumulada em zonas de difícil acesso foi outro problema que verifiquei. Como o aquário era muito pequeno, tinha fortes dificuldades em limpar zonas onde não conseguia colocar nem as mãos, nem um tubo, nem uma pinça sequer. Ambos os factores em conjunto com falta de tempo para o manter, me levaram a desmontar o aquário.

 

03-12-2010.jpg

 

Espero que o meu testemunho ajude.

dmscaping_mini_forum.jpg

Link to comment
Share on other sites

pra quem acha impossivel ou absurdo....

 

dificil sim , concordo mas impossivel nao me parece , ha meses que ando a pesquisar e esta semana vou montar algo com 20 litros , bem simples e pra manter rocha viva , corais , caracois e pouco mais.

nao desista da ideia , jorge ferreira , mas pesquise bastante e aconselhe se bem , se possivel com algum vizinho , ou da sua area que mantenha salgados .

http://www.squidoo.com/pico-reef

lg_27289_36965_aquarium.jpg

 

picotope.jpg

Edited by nelsomsdias
Link to comment
Share on other sites

Obrigado pelas dicas.

O melhor será esquecer as anémonas.

Proximo passo: ir na próxima semana levantar o outro áqua, prepará-lo para receber os habitantes que estão neste (e mais alguns) e depois começar a projectar a situação de ter mais litros de água em circulação sem sair deste mini-tanque de 10 litros.

Link to comment
Share on other sites

Obrigado pelas dicas.

O melhor será esquecer as anémonas.

Proximo passo: ir na próxima semana levantar o outro áqua, prepará-lo para receber os habitantes que estão neste (e mais alguns) e depois começar a projectar a situação de ter mais litros de água em circulação sem sair deste mini-tanque de 10 litros.

 

Eu por experiência própria, faria o contrario... um aquário ligeiramente maior como display e um mais pequeno como sump ou reservatório de água para reposição. Mas nada como testar as suas ideias!

dmscaping_mini_forum.jpg

Link to comment
Share on other sites

Eu por experiência própria, faria o contrario... um aquário ligeiramente maior como display e um mais pequeno como sump ou reservatório de água para reposição. Mas nada como testar as suas ideias!

 

o problema é que tenho pouco espaço e muito peixe de água doce. A minha idea neste momento é manter a água doce e, conforme j+a disse, ter uma maior caudal de água para evitar muitas variaçõs (picos).

Já desisti da anemona, para tão pouca água, transmite mais doenças do que segurança.

Continuo-me a cultivar... um palhaço e quem sabe um pouco de coral.

Mas continuo a absorver informação antes de fazer disparates.

Quero todas as ideias.

Link to comment
Share on other sites

ola

 

deixo vos aqui um link que talvez seja util e possa ajudar

 

 

http://home1.gte.net/rhe1/nanoreef/nanofaq.htm

 

por acaso ate fala da opçao de ter um vidro mais pequeno que a sump , tem a ver tb com o factor euros e com a estabilidade do sistema....sao opçoes de cada um e com a sua razao de ser

cumps

Link to comment
Share on other sites

o problema é que tenho pouco espaço e muito peixe de água doce. A minha idea neste momento é manter a água doce e, conforme j+a disse, ter uma maior caudal de água para evitar muitas variaçõs (picos).

Já desisti da anemona, para tão pouca água, transmite mais doenças do que segurança.

Continuo-me a cultivar... um palhaço e quem sabe um pouco de coral.

Mas continuo a absorver informação antes de fazer disparates.

Quero todas as ideias.

 

Palhaço em 10 litros também é impossível. Eles não precisam de muito espaço, mas dá-lhes pelo menos espaço para se virarem dentro do aquário...

Consulta esta lista: peixes para nanos salgados.

 

Não te pretendo desencorajar, pelo contrário. Mas é essencial ter-se noção do que pode ser suportado por um pico aquário: rocha viva, corais moles e poucos invertebrados (máximo 4-5).

Edited by Diogo HC Matias

dmscaping_mini_forum.jpg

Link to comment
Share on other sites