Fishroom de Ciclideos Anões


Recommended Posts

Olá a todos.

 

Vou criar este tópico de forma a centralizar todos os meus antigos tópicos e informação dos ciclideos anões que tenho, já vão perceber porquê...

Sei que tenho andado ausente destas bandas mas tudo por bons motivos...

Motivo nº 1 - Mudei de residência e agora tenho mais espaço para dedicar à aquáriofilia.

Motivo nº 2 - Por causa do motivo nº 1, decidi criar uma fishroom apenas para Ciclideos Anões.

 

Ora, pelos motivos que já vos disse o meu tempo tem sido limitado devido ao excesso de trabalho, mas acho que chegou a altura de fazer uma actualização daquilo que tem sido um projecto estudado à muito e tão desejado como podem calcular!

 

O projecto ainda está em evolução e continuará assim, até adquirir todos os casais que pretendo para funcionar em pleno.

Neste momento tenho dois aquários de crescimento, com Apistogrammas Agassizi Fire Red e Apistogrammas Hongsloi, e um de reprodução de Ivannacara Adoketa.

Está em fase de montagem outro para voltar a reproduzir Agassizi Fire Red, com a fêmea reprodutora e com um macho lindissimo que guardei para mim e que também já é conhecido por todos vós.

Decidi dar descanso aos Hongsloi, após varias posturas bem sucedidas, e por isso estão neste momento num dos aquários de crescimento.

 

Adquiri também um jovem casal de uma espécie unica (obrigado Sr. Vanconcelos - AQUAPORTO), que ainda está na fase da engorda, também num aquário de crescimento.

Trata-se da unica espécie do género Apistogrammoides, são os Apistogrammoides Pucallpaensis, neste caso selvagens.

 

A fishroom na sua totalidade é composta pelos seguintes aquários:

 

- Aquário de 80Cx30Lx40A - Casal de Ivannacara Adoketa

 

- Aquário de 60Cx40Lx40A - Brevemente casal de Agassizi Fire Red

 

- Aquário de 60Cx40Lx40A - Ainda vazio, já idealizei a espécie que vou colocar mas para já é surpresa.

 

- Aquário de 60Cx40Lx40A - Ainda vazio, já idealizei a espécie que vou colocar mas para já é surpresa.

 

- Aquário de 80Cx30Lx40A - Crescimento de Agassizi Fire Red, tem o casal Hongsloi e o casal Apistogrammoides.

 

- Aquário de 45Cx45Lx45A - Crescimento de Apistogrammas Hongsloi (muitos), já vão dando para distinguir, machos com bastante potêncial, espétaculares.

 

- Aquário de 30Cx30Lx30A - Antigo aquário do casal Hongsloi, vazio para já, futuramente para casal Apistogrammoides.

 

 

Brevemente vou fazer uma descrição mais detalhada de cada aquário, das espécies que habitam nele e vou actualizando conforme for havendo evoluções.

 

Lamento mas também vão ter que aguardar pelas fotos, fica para o próximo post :D

Link to post
Share on other sites
  • Replies 772
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Os nossos amigos com 2 semanas de natação livre. Vejam bem a diferença  

Boas Pol,   Não é por mal mas eu só respondo aquilo que sei Os Abacaxis se não estou em erro demoram cerca de 4 a 5 meses para terem idade suficiente para se distinguir os sexos. Eu tenho agora p

Viva pessoal.   Então aqui fica para já um video dos Ramirezis Orinoco. Este é ainda um casal jovem, por isso acredito que quando atingirem toda a sua maturidade ficarão ainda mais bonitos.  

Olá a todos.

 

Vou criar este tópico de forma a centralizar todos os meus antigos tópicos e informação dos ciclideos anões que tenho, já vão perceber porquê...

Sei que tenho andado ausente destas bandas mas tudo por bons motivos...

Motivo nº 1 - Mudei de residência e agora tenho mais espaço para dedicar à aquáriofilia.

Motivo nº 2 - Por causa do motivo nº 1, decidi criar uma fishroom apenas para Ciclideos Anões.

 

Ora, pelos motivos que já vos disse o meu tempo tem sido limitado devido ao excesso de trabalho, mas acho que chegou a altura de fazer uma actualização daquilo que tem sido um projecto estudado à muito e tão desejado como podem calcular!

 

O projecto ainda está em evolução e continuará assim, até adquirir todos os casais que pretendo para funcionar em pleno.

Neste momento tenho dois aquários de crescimento, com Apistogrammas Agassizi Fire Red e Apistogrammas Hongsloi, e um de reprodução de Ivannacara Adoketa.

Está em fase de montagem outro para voltar a reproduzir Agassizi Fire Red, com a fêmea reprodutora e com um macho lindissimo que guardei para mim e que também já é conhecido por todos vós.

Decidi dar descanso aos Hongsloi, após varias posturas bem sucedidas, e por isso estão neste momento num dos aquários de crescimento.

 

Adquiri também um jovem casal de uma espécie unica (obrigado Sr. Vanconcelos - AQUAPORTO), que ainda está na fase da engorda, também num aquário de crescimento.

Trata-se da unica espécie do género Apistogrammoides, são os Apistogrammoides Pucallpaensis, neste caso selvagens.

 

A fishroom na sua totalidade é composta pelos seguintes aquários:

 

- Aquário de 80Cx30Lx40A - Casal de Ivannacara Adoketa

 

- Aquário de 60Cx40Lx40A - Brevemente casal de Agassizi Fire Red

 

- Aquário de 60Cx40Lx40A - Ainda vazio, já idealizei a espécie que vou colocar mas para já é surpresa.

 

- Aquário de 60Cx40Lx40A - Ainda vazio, já idealizei a espécie que vou colocar mas para já é surpresa.

 

- Aquário de 80Cx30Lx40A - Crescimento de Agassizi Fire Red, tem o casal Hongsloi e o casal Apistogrammoides.

 

- Aquário de 45Cx45Lx45A - Crescimento de Apistogrammas Hongsloi (muitos), já vão dando para distinguir, machos com bastante potêncial, espétaculares.

 

- Aquário de 30Cx30Lx30A - Antigo aquário do casal Hongsloi, vazio para já, futuramente para casal Apistogrammoides.

 

 

Brevemente vou fazer uma descrição mais detalhada de cada aquário, das espécies que habitam nele e vou actualizando conforme for havendo evoluções.

 

Lamento mas também vão ter que aguardar pelas fotos, fica para o próximo post :D

Muitos Parabens Para esse teu projecto vai ficar expectacular de certeza!!!

Link to post
Share on other sites

Olá mais uma vez companheiros de aquáriofilia.

 

Desde já muito obrigado a todos pelas felicitações!!

Bem, como devem calcular não vos vou mostrar tudo de uma só vez, até porque dia após dia há evoluções dentro na fishroom.

 

Desta vez vou-vos deixar com umas fotos tiradas ontem, de um casal já vosso conhecido bem como das 4 gerações bem sucedidas com o qual me presentearam e que se desenvolvem a olhos vistos.

 

 

Ora aqui está a fêmea Hongsloi:

Pic_20123_1.jpg

 

Não se encontra tão amarela porque como vos disse está no aquário de crescimento. Achei por bem dar-lhe descanso depois das 4 posturas seguidas a que se sujeitou.

 

Fica uma do macho também:

Pic_20123_2.jpg

 

Também ele está com as cores um pouco "pálidas" devido à mudança de aquário feita à relativamente pouco tempo.

A parte mais acinzentada que vêm dele fica toda amarela, o resto é vermelho/rosado que vêm. É também o mesmo macho que se vê no meu avatar.

 

Agora deixo-vos com pupilos que se vão desenvolvendo bem, a ganhar cada vez mais cor como já é visível:

Pic_20123_3.jpg

Pic_20123_4.jpg

Pic_20123_5.jpg

Pic_20123_6.jpg

Pic_20123_7.jpg

Pic_20123_8.jpg

Pic_20123_9.jpg

Pic_20123_10.jpg

Pic_20123_11.jpg

Pic_20123_12.jpg

Pic_20123_13.jpg

Pic_20123_14.jpg

Pic_20123_15.jpg

Pic_20123_16.jpg

Pic_20123_17.jpg

Pic_20123_18.jpg

Pic_20123_19.jpg

Pic_20123_20.jpg

Pic_20123_21.jpg

 

 

Desculpem lá o carregamento de fotos :D

Estes meninos que vêm a cima estão em óptimo estado de saúde e comem de tudo um pouco, desde Sera granulado para Discus, outro granulado que não é para Discus, Spirulina, Artémia congelada, por aí...

 

Por hoje e também porque já é um bocado tarde fico-me por aqui.

Espero que gostem. Assim que me for possível coloco uma geral da fishroom.

 

Boa noite a todos.

Link to post
Share on other sites

Boas Fábio,

 

Eles estão fantásticos, se mora-se perto de ti, ia já buscar uns 3 a 4 para manter no meu aquário...

 

Boa sorte e vai apresentado os resultados da evolução

Link to post
Share on other sites

Boa noite pessoal.

Hoje é dia de actualizações!! :D

Tenho estado ausente e daí a demora nas novidades..

 

António ainda bem que gostas, obrigado pelo elogio aos pequenos.

Espero que tu e o restante pessoal também goste do que vou meter a seguir..

 

Vou-vos mostrar aqui a minha primeira montagem da Fishroom, o aquário dos Ivannacara Adoketa.

Achei que não estavam muito bem no aquário antigo e resolvi muda-los de casa.

Esta montagem também teve algumas mudanças como já vão ver.

 

Aquário de 80Cx30Lx40A

Pic_20123_22.jpg

Pic_20123_23.jpg

 

Já lavado e no sitio

Pic_20123_24.jpg

 

Dois troncos RedMoor que tinha no meu antigo comunitário, parece um mas são dois

Pic_20123_25.jpg

 

Já com areia de sílica e em fase de enchimento

Pic_20123_26.jpg

Pic_20123_27.jpg

Pic_20123_28.jpg

Pic_20123_29.jpg

 

Foi após dois dias desta montagem que resolvi fazer uma mudança, para melhor espero eu!

Por se tratar de selvagens, decidi substituir a areia de sílica por uma mistura de substrato ADA Amazónica Soil com Akadama.

O layout mantive e o desenvolvimento foi mais ou menos este:

Pic_20123_30.jpg

Pic_20123_31.jpg

Pic_20123_32.jpg

Pic_20123_34.jpg

Pic_20123_35.jpg

 

Aqui vemos um dos poucos habitantes:

Pic_20123_33.jpg

Pic_20123_39.jpg

 

Nesta vemos as duas meninas, sempre juntas! Corydoras Sterbai:

Pic_20123_38.jpg

Pic_20123_40.jpg

 

E por ultimo a estrela da companhia! Infelizmente não consegui uma foto do macho. Tomou conta do território em volta do tronco e não é facil pousar para a foto.

Segue a fêmea Adoketa:

Pic_20123_36.jpg

Pic_20123_37.jpg

 

Posso dizer-vos que os noto muito mais à vontade e espero que assim se mantenham, quem sabe se um dia não me brindam :D

 

Ora e como o prometido deve ser cumprido, aqui fica uma geral da Fishroom:

Pic_20134_1.jpg

 

 

Por hoje é só. Depois vou mostrar mais detalhadamente cada aquário e talvez com mais novidades ;)

Link to post
Share on other sites

Boas

 

Tens ai um belo espaço, já dá para muita coisa.

 

Já conseguiste tirar alguma ninhada dos Adoketa? Penso que sejam uma espécie bastante difícil.

 

Manténs os Apistogrammoides com A. Agassizi e A. Hongsloi sem problemas? Recebi hoje 5 Apistogrammoides da Aquoporto, são uma espécie fantástica.. sempre a remexer a areia à procura de comida. Quando puderes e se não te importares coloca umas fotos dos teus.

 

Cumps.

Link to post
Share on other sites

Boas pessoal.

 

É verdade D.André, o espaço que aqui tenho para já chega-me perfeitamente para aquilo que pretendo manter e tentar reproduzir.

Infelizmente dos Adoketa ainda não consegui nenhuma postura. São peixes selvagens e raros, sendo que a sua reprodução é de extrema dificuldade, mas a esperança é a ultima a morrer...

Quanto à tua outra questão, sim posso-te dizer que os mantenho sem problemas, lá de vez em quando dão umas bicadas uns nos outros mas nada de preocupante, como são muitos a porrada é bem distribuída :D

 

Ora hoje vou-vos mostrar mais daquilo que tenho por cá...

Começo por um casal que ainda está a crescer mas que promete bastante, também selvagens, e os únicos dentro do seu género, são os Apistogrammoides Pucallpaensis.

 

O macho (já se vai notando umas tonalidades azuis e amarelas):

Pic_20134_4.jpg

 

A fêmea:

Pic_20134_2.jpg

Pic_20134_3.jpg

 

Já tenho o aquário para este casal a ciclar. Vou colocar no cubo que tenho de 30x30x30, com areia de sílica, casca de coco e musgo de java, praticamente o que tinha enquanto habitavam la os Hongsloi.

Por ser uma espécie pequena, em que o macho sendo o maior exemplar não passa muito além dos 5cm, penso que se irão adaptar à sua nova casa.

 

Também vos quero mostrar o macho Agassizi Fire Red com o qual vou continuar a reprodução.

Este foi um exemplar que guardei para mim, já está completamente adulto e acho que tem um grande potencial.

 

Aqui está ele:

Pic_20134_5.jpg

Pic_20134_6.jpg

 

O aquário para o casal dos Agassizi já está praticamente ciclado, em principio mudam-se para lá na próxima semana. Nessa altura actualizo com fotos já da nova casa.

 

Por hoje é tudo.

 

Boa noite a todos.

Link to post
Share on other sites

Boas Fábio!

É bom saber que continuas nos apistos :)

Já não falávamos há montes de tempo! Não adianta perguntar como é que tem corrido a coisa, por este tópico vê-se que correu muito bem :)

É um projecto muito interessante, que vou seguir atentamente. Infelizmente por motivos económicos não me é possivel ter vários aquários montados para me dedicar ao estudo e criação de algumas ou de uma sequer espécie de apistogrammas, tenho apenas o aquário de 250L, que pode levar mais água, mas não é a mesma coisa que ter vários aquários pequeninos :)

De momento, de ciclideos anões, só tenho a femea iniridae, o macho morreu e nem percebi bem porque porque a fêmea continua impecável, e na altura também estava, é pena porque o macho era lindo e a espécie magnifica, e deixei de a ver constantemente amarelinha. Se estiveres indeciso quanto a allguma espécie e tiveres um aquário livre empresto-te a fêmea, se arranjares um macho!

Essas adoketa estão com muito bom aspecto, pena ainda não teres conseguido uma desova!

Se me permites, acho que podias melhorar algumas coisinhas no aquário delas: os peixes que escolheste para companheiros não são os melhores, porque ocupam o mesmo nivel que elas, o nivel do fundo, e isso pode ser um problema em eventuais posturas, tanto pelo stress (corydoras) como pela eventualidade de os ovos serem comidos ou o local da postura perturbado (pleco). O ideal eram mesmo alguns dither de cardume, tetras.

Outra coisa que percebi por observação, é que elas se escondem muito nas sombras, pelo que umas (P i s t i a) Espécie inserida no DL 565/99. Lista de espécies cuja venda é proibida em Portugal com umas raizes grandes ou até uns jacintos, e um leito de folhas secas não seria nada mau. São todos estes componentes que formam o ambiente que poderá ser ideal para elas, e que sem duvida dará um ar mais acolhedor, já para não falar nos infusórios que se criam nas raizes das plantas flutuantes e na matéria orgânica que se decompoe. Atenção é para não deixares saturar muito a água.

Quanto aos apistogrammoides, são como os que o Ricardo Gomes tem, certo?

São sem dúvida selvagens, pelas manchas pretas. Não é uma espécie que me atraia muito, mas o comportamento certamente que será interessante.

Os hongsloi e os agassizzi, são aquela coisa, já te tinha dito :)

PArabens pelo sucesso que tens tudo, revela muito empenho, e condições claro, que são tão importantes como o resto.

Estava a falar a sério quanto a femea iniridae, se quiseres está aqui disponivel.

Para os outros aquas, bonito bonito era conseguires Ap. elizabethae ou Ap.diplotaenia :P

Grande abraço, e vai actualizando!

Link to post
Share on other sites

Boas Daniel!

É verdade, a saga cá por casa ainda continua :D é um vicio muito grande e só quase em ultimo caso é que me vejo largar os Anões! :D

Como viste e viste bem, o projecto está a correr muito bem e espero poder partilhar todas as alegrias que vou tendo com os anões que tenho neste momento e com os que tenciono vir a ter.

Fico triste por saber que o teu macho Iniridae morreu :( Já agora muito obrigado pela tua disponibilidade em emprestar-me a fêmea. Só demonstra que confias no meu trabalho e acredita que lhe ia tratar muito bem. O difícil nisto tudo é arranjar outro macho para ela... :( Eu pelo menos de momento não sei onde o arranjar.

 

Quanto aos Adoketa, obrigado pelas observações e pelas criticas construtivas. Quanto à flora vou ter em atenção ao que me disseste. Já tinha a ideia de meter uma Lotus. Talvez umas anubias anãs não ficavam mal.

Quanto ao ter um cardume de Dither´s, por um lado se os ovos estão em risco com as Corys e o Ancistrus, caso houvesse nascimentos os pequenos alevins iam ser devorados pelas investidas do cardume. Por isso, caso haja desova, o casal passa imediatamente a estar sozinho.

 

Em relação aos outros aquários, todos eles já estão a ciclar, apenas com água, filtro de esponja, substrato e musgo.

Os casais que tenciono lá pôr (e ainda não tinha revelado isto antes) são os Inka e os Abacaxis :)

Sem duvida que adorava ter um casal de Elizabethae, mas isso era sinónimo de um grande investimento, coisa que nem as próprias lojas estão dispostas a fazer, logo não temos acesso a esses raros exemplares :(

Grande abraço!

Link to post
Share on other sites

E por falar em actualizações...

 

À pouco meti os fundos pretos nos aquários dos Adoketa e dos vizinhos do lado que são os artistas que se seguem!

 

Geral do aquário do casal Apistogrammas Agassizi Fire Red:

Pic_20134_10.jpg

 

Aquele macho:

Pic_20134_9.jpg

 

A fêmea:

Pic_20134_8.jpg

 

Aqui o casal:

Pic_20134_14.jpg

 

Acreditem que a mudança lhes fez muito bem! Passadas 2 horas após a mudança de aquário, a fêmea começou a provocar o macho lá com as danças próprias deles, e a explorar imediatamente os cocos, local que será certamente escolhido para desovar.

 

 

E agora os mais difíceis cá de casa! Desta vez com fotos do macho :D

 

Geral do aquário de Ivannacara Adoketa:

Pic_20134_7.jpg

 

A fêmea:

Pic_20134_12.jpg

Pic_20134_13.jpg

Pic_20134_17.jpg

Pic_20134_15.jpg

 

O macho:

Pic_20134_16.jpg

Pic_20134_11.jpg

 

 

As fotos além da fraca qualidade, foram tiradas com flash, o que dá uma ideia errada da tonalidade da água e do meio ambiente que têm nos aquários. Na realidade as águas estão mais escuras e não há tanta claridade como parece.

 

Em principio os próximos a mudarem de casa são os Apistogrammoides.

Link to post
Share on other sites

Infelizmente foi o que me aconteceu, mas hei de voltar, mantém-te por aqui :)

Por agora vou remodelar o meu aquário de 250 para uns heros, estou a ver se arranjo uns a um bom preço, claro que o estilo amazónico é para manter!

Onde arranjas os abacaxis? Eram talvez a unica espécie para a qual eu faria o esforço de montar mais um aquário, ainda não consegui aceitar muito bem a perda do outro casal, foi mesmo terrivel, são apistogrammas únicos. Se comprares, apita para eu preparar um aquario para um casal :)

Quanto ao macho iniridae, também não vi mais a venda, havia 2 na aquaplante mas já lá não estão, teem lá so uma femea perdida que nem está identificada.

Epá, e sobre os baenschi.. um gajo quemonta um aquário para adoketas, pulcapaensis e abacaxis, estraga-se com os baenschi :D que tal bitaeniata, ou outros, se quiseres puxo pelo atlas do José, que imprimi e resultou em 3 dossiers que pesam na boa 10Kg!

Um abraço e bom trabalho, vai actualizando

Link to post
Share on other sites

Infelizmente foi o que me aconteceu, mas hei de voltar, mantém-te por aqui :)

Por agora vou remodelar o meu aquário de 250 para uns heros, estou a ver se arranjo uns a um bom preço, claro que o estilo amazónico é para manter!

Onde arranjas os abacaxis? Eram talvez a unica espécie para a qual eu faria o esforço de montar mais um aquário, ainda não consegui aceitar muito bem a perda do outro casal, foi mesmo terrivel, são apistogrammas únicos. Se comprares, apita para eu preparar um aquario para um casal :)

Quanto ao macho iniridae, também não vi mais a venda, havia 2 na aquaplante mas já lá não estão, teem lá so uma femea perdida que nem está identificada.

Epá, e sobre os baenschi.. um gajo quemonta um aquário para adoketas, pulcapaensis e abacaxis, estraga-se com os baenschi :D que tal bitaeniata, ou outros, se quiseres puxo pelo atlas do José, que imprimi e resultou em 3 dossiers que pesam na boa 10Kg!

Um abraço e bom trabalho, vai actualizando

 

 

Boas Daniel.

Lembro-me bem do que aconteceu aos teus Abacaxis. Acompanhava o teu tópico de perto quando se deu esse desastre :/

Tinhas uns exemplares espetaculares. Pois lá está, quando ao não haver macho para a tua fêmea, é o problema das especies menos comuns e não reproduzidas no nosso País, tanto aparecem como desaparecem e deixamos que vê-los durante montes de tempo.

 

Tás a ser mau para os Inkas, olha que até são peixes bastante bonitos e nem são tão comuns quanto isso :D

Olha bem que podes partilhar esse Atlas comigo. Na altura lembro-me que o pessoal deu o email para receber esse Atlas, eu dei o meu inclusive, mas nunca me chegou nada...

Abraço.

Link to post
Share on other sites

Boas Fábio

Sim os inkas são bastante bonitos! Mas são peruanos, lixados! São muito agressivos, para o aqua de 60 cm não sei.. Eu tive os meus num de 60 e a fêmea passava a maioria do tempo escondida do macho..

Eu vou ver do mail do atlas, ou do ficheiro, já te dfigo alguma coisa.

Link to post
Share on other sites

Boas Fábio

Sim os inkas são bastante bonitos! Mas são peruanos, lixados! São muito agressivos, para o aqua de 60 cm não sei.. Eu tive os meus num de 60 e a fêmea passava a maioria do tempo escondida do macho..

Eu vou ver do mail do atlas, ou do ficheiro, já te dfigo alguma coisa.

 

É verdade que os Peruanos têm um feitio complicado. Mas os aquários além de 60cm de comprimento, têm 40 de altura e largura, estamos a falar de quase 100L brutos de agua.. A ver vamos. Nem que lhes separe com uma rede e largo só o "Boi" quando ela estiver para desovar :D :D

Link to post
Share on other sites

Boas,

Grande fishroom que tens para ai!

Isso tem se desenvolvido muito bem!

Aposta agora nuns L's marados para ai. Aconselho L187. Agora para o futuro penso em montar um Amazonico para um casal de Apistos.

Vou acompanhando.

Abraço

warman98

Link to post
Share on other sites

Boas,

Grande fishroom que tens para ai!

Isso tem se desenvolvido muito bem!

Aposta agora nuns L's marados para ai. Aconselho L187. Agora para o futuro penso em montar um Amazonico para um casal de Apistos.

Vou acompanhando.

Abraço

warman98

 

Boas pessoal.

 

Obrigado warman98 pelo comentário e pela sugestão. Infelizmente não é "assunto" que perceba muito os L´s, e a fishroom é exclusivamente para Ciclideos Anões, pelo menos para já.

Acho que fazes muito bem em montar um aquário para Apistogrammas. É sem duvida sempre uma grande aposta e não te vais arrepender de certeza.

 

 

Hoje houve novidades e por isso aproveito para mais uma actualização, com fotos...

 

O resultado de uma boa ambientação deu nisto:

 

Pic_20134_19.jpg

 

Agassizi Fire Red fêmea com ovos no coco. Parecem poucos, mas o lado esquerdo do coco esta carregado de ovos. Não consegui apanhar com a máquina.

 

Deixo outra do macho, com cara de mau, mas que até ficou bem na foto :D

 

Pic_20134_18.jpg

 

Por hoje é tudo amigos.

Boa noite.

Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Ola amigo,

 

Eu aposto que as novidades vao ser uns Elizabethae algo me diz isso. Infelizmente por motivos profissionais estou afastado de casa durante uns meses senão ja ca estavam uns em casa.

 

 

Abraço

Link to post
Share on other sites

Ola amigo,

 

Eu aposto que as novidades vao ser uns Elizabethae algo me diz isso. Infelizmente por motivos profissionais estou afastado de casa durante uns meses senão ja ca estavam uns em casa.

 

 

Abraço

 

 

As novidades estão para quando?? Aposto em Abacaxis :tongue:

 

 

Boas pessoal.

 

As GRANDES novidades que vos falei chegaram ontem, deram entrada na fishroom por volta das 10:30 da manhã e após uma cuidada ambientação de cerca de 2:30h ocuparam em pleno as devidas instalações.

Estou a falar-vos de:

 

- Casal de Apistogrammas Sp. Wilhemi - Rio Abacaxis F1

 

- Casal de Apistogrammas Elizabethae Umarituba F0

 

 

Meus caros, adivinharam os dois!!! :D

 

 

Ainda não tirei fotos para não os stressar. Passadas poucas horas já andavam a explorar o aquário à vontade.

São ambas as espécies espétaculares e que esperava à muito para as ter, principalmente os Elizabethae que são para mim a "Fina Flor" dos Apistogrammas.

 

Assim que for possivel coloco umas fotos dos exemplares bem como dos respectivos aquários que estão bem diferentes do que aquilo que viram (vazios) :D

Tentei fazer o mais parecido com Biotopo, em todos os de reprodução que tenho. À base de troncos, folhas secas, algumas plantas flutuantes para lhes dar ainda mais sombras, enfim, as vezes até eu tenho dificuldade em encontra-los.

 

Actualizações para breve!

Link to post
Share on other sites