Daniel Almeida

.Membro Ausente
  • Content Count

    1,998
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

6 :)

About Daniel Almeida

  • Rank
    Membro Entusiasta
  • Birthday 06/30/1993

Contact Methods

  • Website URL
    http://
  • ICQ
    0

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • País
    Portugal
  • Concelho
    Amadora (Lisboa)
  • Localização
    Amadora, Portugal

Recent Profile Visitors

6,729 profile views
  1. Daniel Almeida

    Daniel Almeida

  2. Boa noite Já não actualizo este tópico há muito tempo, no entanto não está esquecido, e tenho-o actualizado pararalelamente no fórum dos bettas (deixarei o link no fim para os interessados). Resumindo os acontecimentos, recorri à tecnica de retirar os ovos da boca do macho e incubá-los artificialmente. à segunda vez que utilizei este método, as coisas correram bem e eis o resultado até agora: Para quem quiser seguir o diário mais detalhado, está aqui: http://www.bettaportugal.com/viewtopic.php?f=29&t=5118 Cumprimentos Daniel Almeida
  3. Boa noite! Tiveram 4 desovas até hoje, sem sucesso por erro meu de timing, tentei calcular o dia da desova para os estimular com mais comida e fazer uma TPA o mais tarde possivel, para ter a água o mais limpa possivel para o periode de incubação. Tinha prevista uma desova para dia 10, mas até agora nada, vamos ver como estão amanha! De resto aumentei o numero de plantas para lhes dar mais abrigos e uma maior sensação de segurança, agora é esperar!
  4. Boa noite a todos Já faz algum tempo que não actualizava o tópico. Pouco se passou, o casal continua em excelentes condições. Já se alimentam de comidas congeladas, papa de coração de boi, e inclusive comida seca (attison betta pro). Durante este tempo fui sempre mantendo a qualidade da água, e tentando replicar as condições que tinha quando os recebi. Experimentei água carregada de taninos, amarela, e água cristalina. Usei água mais ácida e mole (vitalis com pH de 4.7 e mineralização total de 26 mg/l), sem sucesso. Notei que o macho não se exibia para a fêmea como quando os introduzi no aquário (nota: vinham em sacos separados) então tive a ideia de os separar fisicamente com uma divisão opaca, com uma 'janela'tapada com rede, para circulação da água. Nos primeiros tempos, e até hoje, esta barreira serviu para comprovar os relatos que parecem aparecer em todos os sites com fichas informativas acerca dos macrostoma: aquário SELADO, porque estes peixes são saltadores exímios, com uma precisão incrível. De 2 em 2 dias lá tinha eu de colocar a fêmea no seu lado (nata: era sempre a fêmea que saltava). Recentemente, há 2 ou 3 dias, aspirei o aquário, havia alguns desperdícios de comida no fundo e deve ter sido a vez em que a água ficou mais poluída. Então deixei o aquário com cerca de 25cm de altura de coluna de água, uns 15cm de barreira fora de água, e com um espaçamento da tampa de cerca de 4cm. Isto ontem. Hoje ao ir ver deles lá andava ela do outro lado. Vejam o salto e a precisão. Deixei, e reparei que estavam ambos com as cores características de reprodução, mas como a qualidade da água estava tão má, comparada com as outras vezes, não quis deitar foguetes antes da festa. Umas horas mais tarde voltei com água para TPA e lá estava o macho com o seu papo protuberante. Ainda assim retirei mais uns litros da água e acrescentei água nova, isto no lado da fêmea. Estou a pensar manter a coluna de água com a mesma altura que estava, e deixar a fêmea juntamente com o macho, sem os alimentar. No final acrescentei duas folhas de amendoeira à superfície para criar um ambiente mais acolhedor e abrigado. A partir de hoje, the clock is ticking, 14 dias +-, siga reproduzir uma espécie ameaçada na natureza Para muitas pessoas são só peixes, e se se extinguirem não vão afectar a vida de ninguém. Mas para estes peixes, a vida é tudo o que eles têm. e como aquariofilista, sabe bem mudar um bocadinho do mundo, mesmo que sejamos apenas nós a notar. Cumprimentos Daniel Almeida
  5. Obrigado Rui! Vou ver se arranjo num desses sitios então.. Ricardo, tudo bem? Nahh, por enquanto não.. a morte dos abacaxis foi um desgosto nos apistos. Mas já vi que o pessoal tratou de os divulgar, muito bem ! Agora estou nos betta macrostoma, vê o meu tópico no separador dos bettas selvagens! Abraço
  6. Boa noite Queria fazer uma divisão para o meu aquário com uma rede tipo as que se encontram nas redes de apanhar peixes, d aquário, com malha fina. onde é que consigo encontrar esta rede? Obrigado desde já Cumprimentos
  7. E a questão da poluição? Há alguma maneira de testar a água? Estou a apanhar água numa caixa desde esta tarde, talvez a teste com algum peixe. a água é cristalina pelo menos. e como já choveu ontem se calhar já limpou muita da porcaria que há pelo ar. Amanha já deverá estar cheia
  8. Obrigado Tiago! Espero que assim seja Caso não aconteça vou ver se consigo arranjar uma osmose baratinha. A não ser que haja à venda água de osmose, alguém tem conhecimentos acerca disto?
  9. Boa tarde! Não há grandes novidades acerca do casal, não houve mais posturas, mas têm estado muito bem, à vontade e bastante saudáveis. Já comem (à mão) facilmente comida congelada e ocasionalmente alguns grilos. Das vezes que já lhes troquei a água não aspirei o fundo, se calhar isso está a prejudicar um pouco a qualidade da água e a impedir que haja desovas, a próxima TPA será com aspiração. Deixo aqui umas fotos com uma qualidade fraquinha mas dá para ter uma ideia das cores e de como eles estão. Tenho de atinar com as fotos e arranjar uma solução para virem nitidas sem necessitar do flash Próximo passo: Limpar os vidros do aqua hehehe
  10. Se calhar foi disso mesmo.. Vou fazer um separador para dividir o aquário, talvez em rede para a água circular. Os peixes parecem me saudáveis o suficiente para eu poder intervir no aquario. Nestas fotos de agora o macho estava a vir ao encontro do tlm, e a femea tambem mas menos. Estao à vontade ja. Tentativa e erro, assim e que se vai lá! Abraço
  11. Boa tarde a todos! Foi o possivel de hoje, com o telemovel. Infelizmente como podem perceber, o macho já não está de papo, engoliu os ovos. Notem que as cores agora estão mais vivas, o laranja e o preto estão bem mais carregados. Mas não faz mal, o casal está a alimentar-se bem, e brevemente farei uma TPA, aspiro o fundo e aí de certeza que haverá nova postura. Tiago, obrigado! Espero poder ter descendência para divulgar pela comunidade Só não será tão cedo quanto pensava hehehe. Cumprimentos
  12. Hoje, terceiro dia, o macho continua de papo Alimentei com gammarus congelado, a femea pegou e o macho acho que se alimentou tambem, pouco e pedacos pequenos, mas continuou com os ovos. Quanto aos parasitas, podiam ser infectados por outros parasitas diferentes dos encontrados no habitat natural, ou nao? Eu estou receoso de alimentar com larvas vermelhas, ate hoje comem daphnias, reds, gamarus e grilos. Quero introduzir ainda artemia, que nao tenho, e krill. Sim ja estou familiarizado com esse processo dos incubadores, os splendens tambem nascem com o saco vitelino, e os outros claro, por isso é que nao comecam logo a nadar livremente. Mas estes teem ovos bem grandes! E ha quem faca como as arowanas, e incube os ovos artificialmente com os macrostoma mas quero fazê-lo naturalmente. Tenho conhecimento de que se encontram ameacados, é uma pena que deixem acontecer isto com estes animais, mas o que sao uns peixinhos comparados com dinheiro e negocio? Enfim o meu objectivo é mesmo esse, prolongar a existencia desta especie no mundo e divulgá-los por cá. Sei que há quem em varias partes do mundo e isso é bom. Espero que comecem a surgir mais especimes de cativeiro. Já conhecia o site, todos os resultados do google com as palavras chave 'Betta Macrostoma' estao a roxo, investiguei bastante! Vou tentar colocar fotos hoje. Cumprimentos
  13. Boas João! Hehe obrigado, mas ainda assim sinto que alguma coisa pode vir a correral. Tenho sempre o pé atras mesmo tendo tantos sinais de que a situação está no bom caminho. Tenho receio que a fêmea tenha parasitas internos, ela reproduzir-se-ia se estivesse infectada? Ainda não preparei nenhum alimento por ainda ser cedo, caso veja que a postura está bem encaminhada então ai eclodirei artémia, assim como alimentarei com microvermes e daphnias. Quanto ao tempo de eclosão, relatos pelos quais me tenho guiado reportam uma consistencia nos 14 dias. Isto porque os alevins se ficam a alimentar do saco vitelino, e apos isso deverao alimentar se na boca do macho de outros alimentos. Não sei se ja viste as arowanas quando sao pequenas e teem aquele barrigao do resto do ovo. Os macrostoma sao assim, por isso é que demoram mais tempo ate serem independentes. Cumprimentos!
  14. Obrigado Aurélio! Quem sabe se nao te convertes daqui a algum tempo. Existem espécies muito bonitas, as minhas perferidas sao os albimarginata, channoides, rutilans, simplex. E isto com varios rituais e comportamentos reprodutivos, bubblenesters, ninhos subaquaticos, incubadores bocais. É pena nao estar tao desenvolvido quanto os splendens, pensa nisso porque tens boas condicoes, é so substituires todos os teus splendens hehehee cumprimentos!
  15. Boas! Dia 2 de 'papo', continua tudo bem! A fêmea também parece ter voltado a alimentar-se, parece estar tudo bem encaminhado.