David Cabete

Membro
  • Posts

    3,110
  • Joined

  • Last visited

  • Country

    Portugal

Posts posted by David Cabete

  1. Não é nada... eu aprendi a melhorar a maneira de tirar macros foi nas flores do jardim da minha avó e acredita que foram muitas fotos, AH! e não é por causa disso que sou bicha :lol:

     

     

    Boas

     

    A Lingua Portueiura é muito traiçoesa love you .

    AH! e não é por causa disso que sou bicha
    Não és mesmo ou és por causa de outra razão que não esta?! :lol: . É preciso ter muito cuidado com o que se escreve...

     

    Não leves a mal, estou na brinca! Apenas costumo reparar em certos "erros"! :lol:

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  2. Boas.

     

    Se providenciares esconderijos bem pequenos e em quantidade, certamente que grande parte deles irão sobreviver. Vai haver sempre "baixas" como é óbvio. Pessoalmente prefiro retirar eu mesmo os filhotes de dentro da boca, mas para isso é preciso controlar bem as datas, o que por vezes se torna um bocado complicado. Depois disso tens o "problema" de ter de apanhar o peixe em questão, e de o segurares na mão para lhe retirares os alevinos, ( Stripping Fry )... acho que se torna um pouco "stressante" para a fêmea. No meu caso particular, tenho mesmo de fazer isso porque tenho dois peixes que tudo o que lhes caiba na boca é para comer... um Sciaenochromis Fryeri e um Mystus Leucophasis. Normalmente tiro os alevinos antes de completarem os 20 dias, porque achamos que asim a fêmea não fica tão débil devido ao tempo que fica sem se alimentar convenientemente. Mas isto é uma opinião. Certo está que haverá alguém com opiniões diferentes. Todas elas serão válidas desde que tenham bons resultados.

     

     

    Cumps

     

    Davs

     

     

    P.S. Viveiro de rede acho que não seja boa onda... os peixes maiores tentam "sugar" os alevinos. Se possível coloca-os num outro aquário, dos pequenos, mas utilizando a mesma água do aquário principal. Volto a dizer, isto é a minha opinião.

  3. mas a questão de soltarem as plantas julgo que continue né. Que peixes aconselham?

     

     

    Boas.

     

    Tenho dois bótias paquistaneses e estaõ constantemente a arrancar as plantas... parecem que "têm" prazer nisso. A técnica da alface semper ajuda! Durante vários dias és capaz de apnhar uns quantos desses caracolitos, mas voltam sempre...

     

     

    Cumps.

     

    Davs

  4. Boas

     

    Relativamente à periocidade da limpeza dos filtros, tem muit a ver com a capacidade do filtro relativamente ao volume de água do aquário e o tipo de peixes que tens! Pessoalmente,limpo os meus filtros, todas as semanas. Parece muito mas quanto a mim só traz vantagens. Nunca ficam sobrecarregados de detritos, o caudal é sempre bom, ou seja, não noto percas na saída de água. Por último é mais fácil limpar pouco muitas vezes do que ter de passar bué de tempo a limpar esponjas e mais esponjas. Outra coisa muito importante também é a limpeza dos tubos, tanto de entrada como de saída de água. Não imaginas o estrangulamento que um tubo sujo faz na caudal de água! Há escovilhões próprios para esse efeito. Os tubos, ou mangueiras, limpo de 15 em 15 dias. Parece muito trabalho mas até nem é. A limpeza de todas as massa filtrantes é feita com água do aquário, aproveitando uma das Tpa's que devemos fazer frequentemente. As cerâmicas também se podem "lavar" com a mesma água do aquário. Podem não, devem! Acredita que assim mantenho a água dos meus aquários sempre limpa e os peixes de óptima saúde. Um dos meus aquários é de Ciclideos, Lago Malawi, e o outro é um plantado comunitário. O dos Ciclideos está sempre mais sujo que do plantado, daí termos de saber que quantidade de "lixo" fazem os peixes que temos no aqua.

     

    Cumps

     

     

    Davs

  5. Boas... estou a pensar comprar um filtro externo.

    Fui a uma loja andei a ver preços e capacidades, mas como não há nada melhor do que perguntar a quem percebe (ou supostamente deve perceber), lá perguntei eu que filtro é que me aconselharia para um a aquário de 80L, ao que a dita senhora me aconselhou um eheim 2213 com capacidade ate 200l... perguntei-lhe se era necessário um filtro com tanta capacidade e ela disse-me que para comprar um filtro externo convem sempre comprar com o dobro da capacidade.

    E já agora eu gostava de saber se é mesmo assim? Convém mesmo comprar um filtro com o dobro da capacidade do aquário?

     

    Boas

     

    Foste bem informado. Tanto quanto à capacidade do filtro em relação à do aquário, como a marca Eheim é uma óptima compra. Há quem diga que o filtro deve fazer por hora, 4 a 10 vezes a litragem do aquário. Se fizer umas 5 vezes já é bom. Como tens um aquário relativamente pequeno, o 2213 serve perfeitamente,o problema é se depois mais tarde quers evoluir para um aqua de maior capacidade... lá tens de adquirir outro Eheim com maior capacidade. Ou isso ou ficas com dois aquários, que dá sempre jeito.

    Podes comprar, não estou a "obrigar-te", mas que ficas com um óptimo equipamento, disso não há dúvida nenhuma.

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  6. Boas

     

    A ideia está realmente boa, mas tens de explicar como funciona a coisa... Apenas pela foto não dá para perceber como se retira a água e se coloca em seguida. Coloca uma legenda na imagem e dáuma explicação breve sobre o seu funcionamento.

    É uma ideia a ter emc onta num futuro próximo.

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  7. Como perguntei no 1.º post, será possivel cobrir o areão com algum tipo de musgo de forma a evitar as escavações?

     

     

    Boas

     

    Não sei não... esses peixes são essencialmente vegetarianos, logo, musgo deve ser um petisco para eles. Não há nada como tentar, mas que se cheguem à frente os mais ententidos.

     

     

    Cumps

     

     

    Davs

  8. epa...eles sao muito engraçados...andam todos em cardume e sempre aos esticoes como se andassem sempre assustados...

    em relaçao a distinçao dos sexos, n sei bem como se destinguem...mas se ajudar, dois deles têm o amarelo mais "electrico" enquanto os outros têm um amarelo bebe

     

    obrigado por tudo

    fika bem

    carlos

     

     

    Boas

     

    Fêmea:

     

    lcf.jpg

     

     

    Macho:

     

    lcm.jpg

     

     

    Como podes reparar, há diferenças óbvias. O macho apresenta riscas preto carregado em todas as barbatanas, enquanto a fêmea não. Por vezes, pode acontecer que num grupo desta espécie, num aquário, uma das fêmeas, a "Fêmea Alfa", apresente também essas riscas, mas mais subtis. É uma forma de enganar as outras fêmeas. Uma outra caracteristicas dos machos é aparecer de vez em quando uma risca vertical, também preta, que lhe "atravessa" os olhos. Acho que na altura de acasalamento e quando se querem "impôr" a outro macho não dominante.

     

    Nos irmãos dos tes, que ficaram cá, já consigo distinguir dois machos. O resto presumo que sejam fêmeas, mas ainda é muito cedo para ter a certeza. Com 3 meses já não restam dúvidas. Se quiseres mais, é esperar mais um mesito, porque tenho duas fêmeas com a boca cheia de alevinos. Raio dos amarelos andam sempre no truca truca...

     

    Nas fotos acima, os calhaus que se vêm, foram branqueados com ácido cloridrico, ou muriático. Como podes ver, ficam branquinhos e sem arestas cortantes. O ácido corrói tudo! Até o chão da minha varanda... Com o passar do tempo, perdem o branco e passam a tom amarelado. Com uma escovadela, ganham de novo o branco, embora menos.

     

    Espero que tenha respondido bem à tua pergunta, e se cometi alguma gafe, façam o favor de me corrigir.

     

    Entretanto vai dando notícias dos amarelitos, para eu comunicar ao resto da família, deles claro :) .

     

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  9. Boas.

     

    Pela minha experiência, ainda pouca, quando esses bixos decidem "arrumar" a casa, não há nada a fazer em relação ao areão. Podes substituir todo o areão por pedras mesmo, de modo a que eles não lhes consigam pegar, mas isso implica mudanças muito profundas. Deixa os rapazolas escavarem à vontade deles! Tens é de ter cuidado para ver se alguma pedra maior não cai devido à falta de suporte, quando eles decidem tirar o areão debaixo. Pode bater num vidro e rachar!

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  10. depois de ter passado pelo acido, tem de se passar por muita agua, como foi dito em cima....

    a minha questao, eh , se depois do acido se posso por as pedras no autoclismo(n sei se eh assim k se escreve lolol) ??

     

     

    Boas.

     

    Podes pois! Além de limpar as pedras do ácido, sempre vai ajudando a limpar a canalização da casa de banho. Agora vê lá se não vais partir o autoclismo com o peso dos calhaus! E já agora vê se cabem dentro do dito.

    E os amarelitos como se portam? Já se consegue distinguir os machos das fêmeas ou ainda é uma incógnita?

     

    Cumps

     

     

    Davs

     

    P.S. - É autoclismo mesmo :D

  11. Boas

     

    Note-se que cada um destes filtros leva a uma diminuição do caudal. Por isso, quem tiver um filtro que esteja dimensionado para o seu aquário, mas perto do limite, pode ter problemas: primeiro, quando o filtro e/ou tubagens está sujo, o caudal fica menor que o aconselhável. Depois, se tiver estes aparelhos ligados ao filtro, em cada um perde-se caudal, e subitamente, mesmo com o filtro limpo, a filtragem biológica deixa de ser suficiente. Se for esse o caso, é aconselhável ter uma bomba de água dedicada ao UV e CO2. Se o filtro estiver mais "às largas", então não haverá problema - excepto claro que se o caudal for grande demais o UV não vai ser suficiente porque a velocidade da água vai ser tão grande que o UV não tem tempo de a esterilizar convenientemente. Isso pode ser resolvido com os tais Ts (um antes do filtro UV, outro depois, de modo a regular à vontade do freguês o caudal que passa pelo UV), mas é outra perda de caudal em cada T. Se o novo filtro que meteres for muito potente, e o UV não (para um Eheim 2232 já tens que ter uns 9 ou 15 W para esterilizar a água!), então o UV vai ajudar no controlo da turvação e das algas, mas nem todos os bichinhos maus (virus, bactérias) vão morrer; aí, convém teres o UV ligado 24h/dia, o que é pouco eficiente, no fundo está ligado muito tempo para compensar o caudal muito elevado. Mais valia ter uma bomba de caudal mais baixo, ou os Ts se pusres um filtro com caudal maior, em que alguma perda não seja crítica!

     

     

     

    O filtro em questão, o Eheim Ecco 2232, faz 400 L/hora. O aquário leva 160 Litros reais e é um plantado médio. Por aquilo que tenho lido, num plantado, o filtro pode ser de menor caudal que num aquário normal. Se depois de colocar em funcionamento todo o sistema, verificar que há uma perda significativa de caudal, das duas uma, ou um filtro mais potente ou uma bomba de retorno. Acho que uma Eheim 1005 resolve a questão. Faz 270 L/hora. Esta última hipótese implica mais dois tubos dentro do aquário… o que queria evitar. O melhor que tenho a fazer é medir o caudal agora, que está só o filtro externo em funcionamento, e depois de tudo ligado, medir de novo. Aí ficam tiradas todas as dúvidas que possa ter. A limpeza do filtro externo, faço-a todas as semanas, assim como a toda a tubagem.

     

    A lâmpada UV que utilizo, é de 15 Watts. O filtro UV em si tem uma capacidade de quase 1 Lt no seu interior. Acho que é um volume de água suficiente para que ele cumpra a sua função. No outro aquário, Malawi de 200 Lts, tenho um filtro idêntico, da mesma potência, que está ligado 30 minutos em cada 2 horas. Cheguei a esta conclusão experimentando várias combinações, e ficou com esta, desde há 3 meses sensivelmente. A limpeza que faço é com a mesma periodicidade que no plantado, uma vez por semana, incluindo tubagem completa.

     

     

     

     

    Eu ja tive o meu sistema ligado assim, ao principio não notei grande redução de caudal no filtro, mas passado um tempo reparei que a comulação de lixo nos tubos de saida para o aqua era maior, até que por fim tive que limpar o filtro externo, (causando um maior desgaste) .Acabei por desistir, optei por adicionar uma powerand (filtro interior) com o filtro UV e o CO2!

    Também reparei que utilizando o filtro UV durante as 24h enfraquecia as defesas dos peixes.

     

     

     

    Acho que esta questão está em parte respondida mais acima. Contudo, acho bem que coloquem as experiências que tiveram com sistemas deste género ou similares.

     

    O tempo de utilização do filtro UV é muito relativo, conforme já foi dito neste tópico. Uns autores sugerem as ditas 24 horas por dia, enquanto outros apenas alguns minutos em cada hora. Pessoalmente acho que cada caso é um caso, e nada melhor que colocar em funcionamento e ir verificando os benefícios do dito filtro, procedendo às alterações, relativamente ao tempo que fica ligado.

     

     

     

    Já está extensa esta resposta e assim sendo vou tratar dos meus bichinhos. Obrigado pelas respostas dadas até aqui, e se acharem por bem que há alguma coisa mais a alterar, não se acanhem! Gosto, gostamos, de "vos ler".

     

     

     

    Cumps

     

     

    Davs

  12. Boas

     

    Reactor de co2 só tem um "pequeno" pormenor que faz toda a diferença e que já foi aqui referido, a entrada e saída de agua têm de estar invertidos,...

     

    Acho que já percebi o problema. Assim sendo terei apenas de trocar a saída com a entrada ficando o CO2 na parte de baixo. Certo ou terei também o passar para a entrada, que depois de modificado o Reactor, ficrá na parte superior?

     

     

     

    Como o nos referiu, se a água está a circular de baixo para cima, e obviamente a impulsão faz com que as bolhas se desloquem de baixo para cima também, elas saíem disparadas pelo reactor fora.

     

    Acho que está respondida a minha questão que pus ao amigo "nos" no parágrafo acima. Nunca pensei que funcionasse melhor deste modo, mas os mais "experts" têm razão. Primeira alteração a fazer ao "projecto".

     

     

     

    Podes sempre arranjar uma caixa de derivação para fios de electricidade (ou lá como se chama), fazer uns furos e colocar o balastro lá dentro.

     

    Enquanto respondia ao tópico, ontem, o filtro UV ficou ligado sensivelmente 20 minutos. O aquecimento do balastro foi de tal modo, que ao colocar o dedo em cima para ver como estava, queimei a ponta do dedo... quem me manda ser estúpido? O tubo PVC não sofreu danos, menos mal. Essas caixas de derivação, também são em plástico, tenho receio que derretam. Ou arranjo um balastro electrónico (mais €€ e não estou para aí virado), ou então coloco-o numa pequena chapa de alumínio com um dissipador acoplado, e em último caso, com uma ventoínha, tipo a dos processadores. Isso aqui por casa é mato!

     

    À noite já faço as alterações necessárias e ponho em funcionamento para ver no que dá.

     

    "Aguardam-se" mais sugestões, opiniões ou críticas.

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  13. Boas

     

    Parabéns pelo projecto, e também por o partilhares com a malta.

     

    De parabéns vou ficar quando estiver a funcionar em pleno, a assim o espero. Partilhar é o meu nome do meio.

     

     

     

    Esse balastro CCG agarrado ao filtro UV yikes Não haverá problemas de aquecimento, e haver deformações no PVC?

     

    Realmente é uma questão que nem passou pela cabeça, tenho de admitir... Liguei-o à cerca de 10 minutos, para ver se aquecia a ponto de deformar o PVC. Comparei entretanto com outro filtro UV que fiz à tempos, com "corpo" em alumínio, e que não tem o balastro quente, apenas está morno! Possivelmente pelo facto de o alumínio dissipar parte do calor irradiado pelo balastro. Se verificar que daqui a umas horitas a temperatura está muito alta, tenho de proceder à troca por um electrónico ou arranjar outra solução.

     

     

     

    De resto, deixa-me a dizer que a ideia de ligar por um T (foi isso que eu percebi) o filtro UV, é boa ...

     

    Devo-me ter explicado mal... não vou fazer com ligação em T's. É directo mesmo. Do filtro externo passa para o UV, do UV para o Reactor e em seguida para dentro do aquário. Daí aquelas torneiras duplas "manhosas". Posso anular uma das coisas sem desligar as outras duas. Como uma imagem vale por mil palavras:

     

    Como está actualmente e à direita como irá ficar:

     

    fur002.1.jpgfur006.jpg

     

    Como se pode ver, a única operação a fazer é desligar a saída do filtro externo e ligar à entrada do filtro UV. O tubo que se desligou do filtro externo vai por sua vez ligar à saída do reactor e CO2. Assim sendo, a água passa do aquário para o filtro externo, em seguida para o filtro UV, depois para o reactor de CO2 e retorna para o aquário filtrada, esterlizada e com o CO2 dissolvido.

     

     

     

    ...obviamente que vais perder um pouco de caudal.

     

    Se não for muito significativo, acho que não há motivos de preocupação. Se o caudal reduzir drasticamente, tenho de fazer um "tunning" à bomba do filtro externo.

     

     

     

    O reactor de CO2... eu acho que deve ser montado assim como o tens, mas com a água a fluir no sentido descendente, assim as bolhas sobem e por apanharem a água em sentido contrário dissolvem-se mais facilmente...

     

    Será? Não quero contrariar ninguém, mas pelo que me apercebo, estando a entrada de CO2 na parte de baixo do reactor, se a água entra por cima, o gás é imediatamente "empurrado" para fora do reactor pela pressão da água! Não anda aos "trambolhões" nas cerâmicas de modo a dissolver-se melhor. Ou estarei a ver mal a coisa? O CO2 não sai assim com tanta pressão da botija de maneira a contrariar a corrente da água. Acho, e digo acho porque na prática se verá, que assim será a melhor solução. Entra em conjunto com a água, tem de percorrer todo o reactor e consequentemente os obstáculos que tem dentro dele.

     

     

     

    ...há quem defenda que não se deve usar matérias inertes nesses reactores, pois contribuem sempre para uma perda de caudal, sem contar que acumulam detritos (sempre... quem é que não tem as mangueiras de retorno sujas, passado algum tempo?). E que também tornam a regulação (visual) mais complicada.

     

    A perda de caudal terá de ser "estudada" depois de colocar tudo em funcionamento, é inevitável. Acumulação de detritos nas mangueiras de retorno, é como todos sabem, uma das causas para que o caudal dos filtros reduza drasticamente. Como limpo frequentemente tantos as mangueiras de entrada como as de saída, mais uma ou duas coisas para limpar não fazem mal, é só mais uns minutos que passam.

     

     

     

    Por agora é só :(

     

    Venha a próxima banana rock

     

     

     

    Cumps

     

    Davs

  14. Boas.

     

    Mais um projecto DIY aqui do Je que quero compartilhar com todos. Queria também que dessem opiniões sobre o resultado final da coisa, criticas e sugestões para o melhor funcionamento da "jingajoga".

     

    Aspecto geral:

     

    fur001.jpg

     

    - Como se pode depreender pela foto, trata-se nada mais nada menos que a ligação em linha de um Filtro externo, neste caso um EHEIM Ecco 2232 em vias de ser trocado por mais potente, um Filtro UV "home made" e um reactor CO2 também feito "à lá unha".

     

     

    Saída filtro externo/entrada filtro UV:

     

    fur002.jpg

     

    - Como se pode ver pela foto, o sistema ainda não está em funcionamento. Ainda há umas arestas a limar, por isso "peço" a vossa ajuda com sugestões. Legenda: A -Torneira Eheim, macho, que irá ligar directamente na saída do filtro externo; B - Torneira também macho, da mesma marca, que posteriormente irá ligar no final de toda esta linha. O facto de ter colocado estas torneiras, possibilitamente "desligar", ou melhor anular, o filtro UV e/ou o Reactor de CO2, se fôr necessário, para manutenção ou limpeza, sem que os outros componentes deixem de cumprir a(s) sua(s) função.

     

     

    Saída filtro UV/Entrada Reactor CO2:

     

    fur003.jpg

     

    - Legenda: C - saída de água do filtro UV; D - Entrada água Reactor CO2. Entre "C" e "D" vai ser colocada mais uma torneira dupla, da Eheim, para possibilitar desligar o Reactor de CO2, sem que os outros dois filtros tenham de ser desligados também.

     

     

    Reator CO2:

     

    fur004.jpg

     

    - Este é o Reactor CO2 propriamente dito, também DIY, como quase tudo qpresentado neste Post. A entrada de CO2, por botija pressurizada, far-se-á no lado direito na foto, onde está a legenda "Entrada CO2". Este reator já foi "discutido" num Tópico do fórum. Caso estejam interessados podem consultar Aqui.

     

     

    Saída para o aquário:

     

    fur005.jpg

     

    - Esta é a etapa final desta "montagem em linha". Em "F" temos o par da torneira Eheim que foi colocada na entrada do sistema, "A".

     

    Para que tudo fique a funcionar em pleno, basta desligar a torneira "B" e ligá-la à torneira "F", e a torneira "A" fica à saída do filtro esterno, anteriormente ocupada pela torneira "B". Claro está que no Reactor de CO2, no tubo branco do lado direito "Entrada CO2", irá ser ligada uma válvula anti retorno que por sua vez irá ter ligado a si a garrafa de CO2.

     

    Acho que fui explicito em relação à explicação do funcionameto desta "trapalhada" toda, e pedia, aos que tiverem interesse nisso como é óbvio, que me dessem as vossa opinão, criticas, sugestões ou mesmo nas orelhas se assim o entenderem. Brevemente colocarei na secção "DIY" tanto o "Filtro UV" como o "Reactor de CO2", para aqueles que como eu, já andaram a ver navios nestas coisas. Felizmente tive, e tenho, bons colegas marinheiros e marés com pouca ondulação. Assim aprendemos todos mais um pouco... o saber não ocupa lugar, com diy's é sempre a amealhar! (até rimou!! ).

     

    Cumps

     

     

    Davs

  15. Boas

     

    Achei o convívio salutar e a repetir, caso estejam interessados. Essa ideia do fluviário até que me parece interessante! Lá mais pró Verão temos de combinar isso, e claro está extensivo aos restantes membros do fórum, tipo "excursão" para parecer-mos muitos. Segundo sugestão da Menina, era boa ideia fazer um PickNick na mesma altura! Mesmo com o adiantado da hora e o sono até teve uma boa ideia! Agora vou mas é dormir!

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  16. Por mim a Menina pode ficar com a colisa na boa.

    O que eu queria dizer é que se ninguem ficasse com ela eu podia ficar.

    Se alguem quiser uns troncos de videira tambem se podem arranjar, só que nao estao tratados.

     

     

    Boas

     

    Troncos de videira ficavam mesmo a matar no meu plantado! Se não for muito incómodo, eu fico com um! O meu plantado tem 100*45*40. Como vou ter de o remodelar por completo, ou melhor, começar do zero, uns tronquitos não ficavam nada mal.

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  17. bem....falaram com vontade desde o jantar....em relaçao a colisa...fika kem falou primeiro k ficava com ela....k foi a Menina...e como o nome indica, menina ainda tem mais preoridade,lolol

     

    Boas

     

    Não podendo responder a Menina, que já está a dormir com o piolho, respondo eu, que sou sempre o último a ir prá cama. Mais um peixe pra dentro do aquário... até acho graça ao peixito, mas se a Maria quer, venha ele. Acho que tenho é mas de montar outro aquário aqui em casa... já estou é com falta de espaço! Ainda vendo o sofá da sala e sempre fico com espaço pra um aqua de 3 metros! Depois sentamo-nos no chão a olhar pra tanta água!

     

    Acho que também pôr a cabeça na almofada que isto de estar de férias dá uma trabalheira!

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  18. Boas

     

    Está a compor-se, está sim senhor! Ainda nos aparece a ASAE e confiscam peixes, plantas, pedras e com um bocado de sorte nem sequer jantamos! Se isso acontecer era bom que alguém levasse um Discu ou dois! Assim sempre levavam com uma solha pela cabeça abaixo.

    Se alguém precisar de uma placa de esferovite com 150x60x1,2cm, ainda tenho aqui por casa uma disponível. Mais tarde ou mais cedo o piolho ou a parte ou faz farinha pró pão com ela. Se alguém quiser umas algazitas ou uns caracolitos também se arranjam de boa vontade.

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  19. explicaste isso um bocadinho mal, primeiro mete-se a agua, e depois o ácido ;)

     

     

    Boas

     

    Tens toda a razão, mas o adiantado da hora a que respondi ao tópico, já baralha um bocadito as ideias. Duas directas em cima foi no que deu, mas ainda bem que há membros atentos às "asneiras" dos outros. Também esqueci de referir que depois tem de se passar por muita água! Muita mesmo.

     

    Melhor que a lavagem de carros, só mesmo com um jacto de areia! Mas nem todos têm acesso a isso, tem de ser numa oficina de automóveis, que esteja disposta a gastar uns quilitos de areia para limpar uns calhaus.

     

     

    Cumps.

     

     

    Davs

  20. ola a todos,vou montar uma aquario de ciclideos, e vi umas pedras bem gira no maxmat daquelas com buracos,são o que eles chamam de pedra regional.ok alguem aqui conhece alguma forma de por aquelas pedras branquinhas??posso por algum acido proprio?sera que a pedra absorve o acido?alguem please....conhece algum truque?ajudam-me!!!!obrigado a todos. :P

     

     

    Boas

     

    O dito ácido é o Cloridrico. Mas muito cuidado se o utilizares! Além de ser muito corrosivo, emana vapores altamente tóxicos! Colocar dentro de um balde uma solução de 50% de ácido e o restantes 50% com água. Colocar os calhaus lá para dentro, cuidado com os salpicos, e aguardar uma horita ou coisa parecida.

    Repito, muito cuidado com esse ácido, ou qualquer um.

     

    Cumps

     

     

    Davs