MiguelMartinho

.Membro Ausente
  • #Conteúdo

    62
  • Registado Em

  • Última Visita

Reputação

0 :)

1 Seguidor

Sobre MiguelMartinho

  • Rank
    Hiper Recém Chegado

Formas de Contacto

  • MSN
    mig_mart@hotmail.com
  • ICQ
    0

Informação de Perfil

  • Localização
    Bobadela/Lisboa
  1. MiguelMartinho

    MiguelMartinho

  2. MiguelMartinho

    "akadama" Do Aki

    Eu já coloquei terra de jardim no meu aqua e ele (passados muitos meses), ainda não se queixou. Desde que não tenha aditivos (pesticidas, etc), à partida não há problema.
  3. MiguelMartinho

    Montagem Plantado 270l

    O meu solo é constituído por terra de jardim sem aditivos para além de uma percentagem reduzida de turfa. Compra-se em sacos nas lojas de jardinagem. Comprei o meu saco de 15kgs por 2 ou 3 euros. Tens que ter em atenção que a terra tem que ser virgem. Barato e eficaz. Saquei esta dica de um site brasileiro.
  4. MiguelMartinho

    Novo Aqua

    Se queres um solo rico e barato, compra terra de jardim sem aditivos (o máximo turfa). Eventualmente podes colocar depois alguns fertelizantes para aquário, mas eu não precisei de colocar nada. Comprei um saco de 15ks por 2 ou 3 euros e isto chega para cobrires o fundo do teu aqua. Se optares por esta hipótese, vais ter que colocar areao pesado depois em cima da terra (uns 2 dedos de altura chega), porque senão o aqua vira pântano. Descobri esta dica num site brasileiro e resulta muito bem.
  5. MiguelMartinho

    Musgo Ou Algas?

    Obrigado pela resposta. É melhor retirar a totalidade das algas ou há algum inconveniente em deixar ficar alguns tufos? É que estas algas até formam um efeito engraçado no local onde estão. Edit: Eu já tive em tempos algas filamentosas verdes nas plantas que entretanto conseguir eliminá-las e os filamentos eram muito mais finos que estes. Estes filamentos são mais compacto e têm um comportamento de crescimento muito idêntico ao do musgo.
  6. MiguelMartinho

    Musgo Ou Algas?

    A planta que está nesta imagem é musgo de java ou é uma mistura entre musgo e algas?! A pergunta é estranha, mas o que se passa é o seguinte: Eu coloquei musgo de java num tronco há algum tempo. Entretanto ele parecia que não desenvolvia mas de um momento para o outro começou a crescer a um ritmo razoável. Eu sempre estranhei um pouco o facto das ramificações serem um pouco mais finas do que as que eu conheço como sendo musgo. Hoje cortei um bom pedaço dele e resolvi colocar aqui para ver se me podem ajudar. Aquelas folhas não pertencem à planta. São folhas de flutuantes que ficaram ali presas Nota: Isto não está a crescer em mais lado nenhum do aqua (se fosse algas à partida minava-me o aqua e as outras plantas todas que tenho). Que vos parece?! Obrigado
  7. MiguelMartinho

    Algas castanhas que parecem Pó ou pelo.

    Devem ser algas filamentosas verdes escuras. Se for, eu tenho uma praga delas agora no aqua. Segundo li, pode ser problema de excesso de luz ou de ferro. No meu caso acho que é excesso de luz porque só começaram a aparecer em força quando coloquei uma calha de 150 watts no aquário. Tou a reduzir o tempo de luz ligada.
  8. MiguelMartinho

    Futebol de 11 no Restelo Jogo 2 (FOTOS NA PÁG 4)

    Eu lembro-me do Tuck como jogador! Bom jogador. :D Bem, amanhã estamos lá então às 15h30.
  9. MiguelMartinho

    Dispositivo CO2

    Ouvi no sábado passado uma história de que alguém ficou com os peixes todos mortos porque o os redutores/manometros do extintor deixaram passar mais CO2 do que estava regulado. O problema dos manómetros industriais normais, é que não são de precisão e para o efeito que são feitos/pensados, tanto faz deixarem passar 1 gota como 10 que eles não detectam erro de saída. Não são de precisão. Claro que pode ter ocorrido uma descarga não controlada por defeito dos manómetros ou algo do género.
  10. MiguelMartinho

    Futebol de 11 no Restelo Jogo 2 (FOTOS NA PÁG 4)

    Vou!! Tou lá. Bora nessa... pontapé para a frente e siga.
  11. MiguelMartinho

    Néons mortos

    Os neons, e não só, vivem muito bem com PH mais alto que o seu normal, mas para que tal suceda há uns pontos a ter em conta: - Conhecer o PH da loja onde se compram os peixes. Eu compro os meus peixes na loja que fica quase debaixo da minha casa, resultado, o PH da loja é igual ao meu (ou pelo menos aproximado), por isso, já não preciso de adaptar os peixes. - Quando não se conhece o PH (e mesmo a temperatura da água), convém fazer uma adaptação do peixe à agua do nosso aqua (processo já descrito em cima). - Não usar produtos químicos que obriguem o PH a alterar-se porque basta saltar uma aplicação para que o PH suba e em vez de serem 2 peixes a morrer, podemos matar tudo o que é peixe. Sinceramente, cada vez menos ligo ao PH ideal para os peixes. Desde que sube que há quem tenha discus de boa saúde a viver em aquas com PH de 7.5 já coloco toda essa parte em causa do PH ideal paro peixe x ou y. Tudo depende de sua fonte e por onde tem vindo a passar.
  12. MiguelMartinho

    kribensis

    Na minha opinião ainda não formaram casais, por isso, deixa-os andar. De qualquer maneira, e caso haja nascimento brevemente (aparentemente pouco improvável), mas não separes os filhos dos pais pelo menos nas 2 primeiras semanas.
  13. MiguelMartinho

    kribensis

    Mas notas que há relação entre os peixes, ou melhor, consegues saber p.ex., que o macho A pertence à fêmea B? Notas que há pelo menos um casal ou vês os peixes com comportamentos individuais? Nos kribs é muito fácil ver se há casal ou não. Se não houver casal, não há nascimentos.
  14. MiguelMartinho

    kribensis

    Mas e o macho está com essa fêmea?! Andam a fazer toca?! É que se não houver um macho com ela não vai nascer nada! Os kribs são uma espécie em a sua base acenta a monogamia, ou seja, uma vez um macho e uma fêmea "casem", eles ficam juntos até que sejam separados pelo dono ou pela morte... ou eventualmente por zanga de casal, mas isso já é muito à frente. Já agora, uma dica, se tiveres um casal, não tenhas mais kribs adultos no mesmo aquário, porque o casal irá fazer tudo para matar os outros.
  15. MiguelMartinho

    kribensis

    Quando houver um macho e uma fêmea a fazer rituais de acasalamento (um género de dança um para o outro), é porque estão na idade. Se for so um a fazer e o outro a passar ao lado é porque das duas uma, ou o que se nega é muito novo, ou então, não está interessado(a) no que se está a fazer. Para se saber quando estão prontos a reproduzir-se é fácil de ver. Assim que começarem a procurar tocas para a fêmea colocar os seus ovos, é porque estão na altura. Convém haver no aqua locais onde seja possível eles fazerem tocas (grutas). O ideal e mais prático é a colocação de metades de casca de côco com uma entrada não muito grande para que seja possível ser depois fechada pelo casal.

Tempo de vida do fórum


Data de criação do fórum: March 16, 2003 00:00:00