José Matias

.Membro Ausente
  • Content Count

    104
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 :)

3 Followers

About José Matias

  • Rank
    Membro Júnior
  • Birthday 03/02/1980

Contact Methods

  • MSN
    jose_matias@hotmail.com
  • ICQ
    0

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • Localização
    Coimbra
  1. José Matias

    José Matias

  2. Que tipos de musgo tem?

    dsclp escrever aqui mas nao lhe consigo enviar PM.

  3. Ola Ja tive um pequeno aquario com um filtro de fundo, e o grande problema que tem, é que quando ao fim de algum tempo precisas de tirar o filtro para limpar, tens que mexer no layout do aquario, e replanta-lo todo. Quanto as plantas com filtro fundo, as raizes entopem bastante o filtro.
  4. Acima de tudo, julgo que passa pelo espaço que tens para colocar as lampadas. Ca em casa, as lampadas com que tive mais sucesso, foi com as pll. Se queres ter plantas, mas não queres nada de especial, penso que com 2*36W ou com 2*54W já ficavas com um aquário bem iluminado. Poderás sempre experimentar um par, e reforçar com um segundo, se sentires essa necessidade. Falo no par, porque assim colocas so um balastro de par.
  5. Não há nenhum problema, eventualmente terás que fazer uma boa limpeza ao filtro de seguida, porque levantas alguns detritos na água. Eu já replantei todo o meu aquário, sem tirar de lá os peixes, mas isso foi um pouco stressante para eles, e com os meios que tenho hoje, eventualmente não o voltava a fazer.
  6. Presumo que essa questão das plantas, pode passar por elas estarem a morrer. Tens iluminação suficiente no teu aquário?! Se as plantas te começarem a morrer, interfere com o teu nivel de nitratos no aquário, e convem podar essas partes "mortas" ou mais frágeis.
  7. A ideia que tenho é que os neons, são mesmo muito sensíveis. Nunca tive neons, mas já tive cardinais, e de um momento para o outro fiquei sem eles, não tendo tido qualquer problema com as platys e guppies que tinha no mesmo aquário. A minha fórmula para essas doenças desconhecidas, passa normalmente por tpa's mais frequentes e cuidadosas, e por não chorar muito a morte dos pequenitos.
  8. Tens iluminação no aquário?! Tens caracóis no aquário?! Eu quase que apostava que tens a anubia nesse estado porque enterraste o rizoma, que é o caule de onde saiem as folhas, e que nunca pode estar enterrado. desenterra um pouco a anubia, e acrescenta uma foto dessa parte.
  9. Quando se usa "ceramics" e "substract", eles sugerem que a esponja azul seja colocada entre os dois. Costumo comprar aqueles kits que ja trazem o material todo, e o esquema que la vem indicado é dessa forma, embora no meu caso seja um 2213, imagino que o esquema deva ser identico para todos.
  10. Aconselho os oto's pq muitas das vezes nao estas a comprar rapozas voadoras e nao sae's, e aprendes como aprendi, que é depois de eles terem um bom tamanho, encontra-los fora do aquario. Acabei de perder 2 durante este verão.
  11. Os meus nariz de bebedo, não me têm feito mal aos red's. O mesmo ja nao posso falar dos red's que coloquei com guppies e platys.
  12. O que devo usar para desinfectar o aquario?!
  13. Tenho um aquário plantado, em que tenho apenas endler's e tinha otos. À dois dias, reparei que as femeas maiores estavam a ficar com a ponta das barbatanas esbranquiçadas, o que não é normal pois elas são normalmente transparentes. Tentando evitar que pudesses ser itio, embora não houvesse motivo aparente para isso, pois confirmei e estava tudo bem, fiz uma boa tpa, e adicionei ictiostop. Hoje fui dar com imensos peixes mortos no aquarios: machos, femeas e os otos, e algusn dos que ainda estao vivos apresentam esse mesmo esbranquiçar das pontas das barbatanas. Ajudem-me, que ja tive
  14. Começa por aumentar as tpa's.
  15. Cuidado com os tratamentos quimicos que te possam sugerir, porque já matei peixes com um medicamente que coloquei para atacar os caracois. Aconselho-te a diminuires a quantidade de comida que colocas no aquario, que é a forma como ultimamente controlo a quantidade dos caracois nos meus aquarios, e acho que a existencia dos mesmos, nem sempre prejudicam ao equilibrio dos aquarios.