Qual a melhor solução


andreialima

Recommended Posts

Olá a todos.

 

Tenho um problema no meu aqua de 60x30x30. Está a ser "atacado" por algas. Tenho cerca de 20 red's e 3 cory's e tenho muita flora. Não tenho ainda CO2 mas estou à espera que o meu pai me dê a garrafa que ele tem. Tenho uma power glo e uma flora glo de 15w cada. O filtro também vai ser mudado (também à espera) pois o que tenho é o que veio com o aqua, não é muito bom nem o suficiente. Tenho daquelas algas tipo cabelo e algumas daquelas mais escuras. O aqua leva 54l mas na realidade deve ter cerca de 45L. Temos feito tpa's de 2 em 2 dias para tentar combater, tenho arrancado o que posso mas continua a não resultar.

 

Não quero colocar produto nenhum no aqua porque tenho algumas fêmeas red com ovos e não quero prejudicar a fauna que tenho. Estupidamente (e por pura ignorância, confesso :S) tudo ficou pior à cerca de 3 ou 4 semanas quando fiz uma tpa para tentar resolver o problema e acrescentei um fertilizante liquido. Foi um boom brutal. O musgo que não tinha nada, ficou cheio de algas, as anubias, tudo. Enfim, uma parvoíce. Pensei que ia ajudar as plantas a "ganhar" a batalha e fiz uma grande asneira.

 

Tenho visto o pessoal aqui no fórum, aconselhar os CAE's, mas neste site: http://network.bestfriends.org/friends_of_.../news/3676.html eles dizem que os CAE's quando adultos são agressivos, atacam outros peixes. Ou seja, iria estar a tratar do problema das algas mas podia estar também a matar as minhas corys e talvez os red's ;S Não é solução.

 

Também não entendi muito bem como se faz o tratamento das algas com Água Oxigenada (não percebi qual a quantidade de água oxigenada para que quantidade de água) como já tenho visto por aqui, e tenho muito receio de fazer tratamentos com produtos que possam fazer mal à fauna que tenho, que apesar de pouca tento tratar muito bem dela.

 

Resumindo: são os CAE's realmente agressivos? Podem atacar os meus peixes e os red's? Seria melhor optar por um produto qualquer, e se sim qual o melhor visto que tenho red's. AS tpa's são o melhor neste momento? Colocar o CO2 também é uma boa solução?

 

Se alguém me puder ajudar agradecia. Eu sei, já devem ter falado sobre isto em outros tópicos, mas neste momento não tenho tempo nenhum para poder vir aqui e ler tudo (Bolonha e os trabalhos que temos que fazer...). Agradecia mesmo uma ajudinha...

 

Fiquem bem;)

Link to comment
Share on other sites

1. Tenho uma power glo e uma flora glo de 15w cada.

2. O filtro também vai ser mudado (também à espera) pois o que tenho é o que veio com o aqua, não é muito bom nem o suficiente.

3. Temos feito tpa's de 2 em 2 dias para tentar combater, tenho arrancado o que posso mas continua a não resultar.

4. Não quero colocar produto nenhum no aqua porque tenho algumas fêmeas red com ovos e não quero prejudicar a fauna que tenho.

5. Estupidamente (e por pura ignorância, confesso :S) tudo ficou pior à cerca de 3 ou 4 semanas quando fiz uma tpa para tentar resolver o problema e acrescentei um fertilizante liquido. Foi um boom brutal.

 

6. Tenho visto o pessoal aqui no fórum, aconselhar os CAE's

 

7. Também não entendi muito bem como se faz o tratamento das algas com Água Oxigenada.

 

Fiquem bem;)

 

Olés Andreia!

 

À alguns anos atrás deparei-me com um problema semelhante e por estudar na área dos recursos naturais, decidi averiguar o que realmente se passava no meu aquario, depois disso até hoje nunca mais tive problema com blooms de algas. Apreendi que as algas não se eliminam, apenas se controlam.

 

Antes de mais enumerei as tuas premissas, e teus números estão interligados com os meus conselhos e experiências enumerados. Para ser o mais sintético possivel.

 

O que está a ocorrer com o teu aquario é uma espécie de mini-eutrofização do teu mini-ecossistema aquatico ("mini" dado a escala dos nossos tanques).

Maria Carlos Reis (s/d) explica que na natureza a maior parte das espécies de algas são inofensivas e servem apenas como base das cadeias alimentares aquáticas. Ocasionalmente, as populações de algas crescem rapidamente e acumulam-se à superfície da água. Estes blooms, apesar de poderem ser apenas a resposta a factores naturais, são normalmente atribuídos a descargas de nutrientes nos sistemas aquáticos, particularmente ricos em fósforo e azoto. Estas explosões têm como efeitos generalizados um aumento do ensombramento, com consequente declíneo da vegetação aquática submersa (Naturlink*).

A eutrofização é definida, por Maria João Cruz e Rui Braz (s/d), como um "aumento da quantidade de nutrientes e/ou matéria orgânica num ecossistema aquático, resultando numa maior produtividade primária", ou seja, as ditas algas. esxplicam ainda que as plantas aquáticas necessitam de uma grande variedade de constituintes químicos para crescerem, mas apenas o fósforo e/ou o azoto estão em défice nos sistemas aquáticos, por isso é que adicionamos os fertilizantes e adubos nos nossos aquários. O fósforo e/ou o azoto estão em défices endo por isso também os factores que limitam o seu crescimento. Outra causa da eutrofização resulta, na maioria das vezes, do aumento daqueles nutrientes (sobretudo do fósforo) que permite a multiplicação descontrolada das algas, porque elas também gostam de se alimentar (Naturlink*).

Para saberes mais sobre este assunto explorar o site da naturlink.*

 

Gostava de te ajudar, mas precisava de saber alguns parametros do teu quotidiano com o aquário. Nos pontos:

1. Qual o fotoperíodo do teu aquário?

2. Que tipo de filtro estás a utilizar e o seu caudal?

3. Temperatura, Ph e flora existente no teu aquário.

e por fim saber qual o teu nivel de paciência, lol

 

Na altura em que me surgiu o bloom de algas no aquário, ainda pensava que introduzir CO2 era prejudicial num aquário.

No entanto, na minha experiência eu safei deste modo:

1. Diminui o fotoperiodo do meu aquario: começando por não ligar a iluminação por um dia inteiro e depois ligava-o menos tempo do que o aconselhado, perto de 8h só mesmo por causa das plantas existentes.

2. Outra medida foi colocar o filtro a bombar

3. Efectuei tpas semanais, coisa que hoje ainda raramente faço.

4. e 5. Nunca utilizei qualquer algicida.

6. Com paciência retirei muitas algas (fazendo o papel de comedor de algas) e , . lembro-me que demorou perto de uma semana e meia, talvez.

7. A àgua oxisgenada (H2O2) é capaz de ter algum efeito, mas eu só a utilizo para feridas. lembro do meu professor da disciplina de Solos utilizala para eliminar todo o tipo de materia orgânica e assim esterilizar as amostras.

8. Para além disso obriguei os meus peixitos a uma dieta, reduzindo a quantidade de comida, para que eles sentissem fome e e atirassem contra as paredes de algas

 

O tua situação é um desafio para compreenderes o ritmo natural do teu aquário.

 

Esperando ajudar-te!

Álvaro

 

... e bons estudos!!!

 

*http://www.naturlink.pt/

Edited by Picusrarus
Link to comment
Share on other sites

E quem assim fala não é gago :)

 

Falando da minha (pouca) experiência, tive um ataque de green-spots e de algas castanhas ainda não há muito tempo.

Isto coincidiu com a introdução de discus no aqua, com a retirada de algumas plantas, e com algum desleixo meu na parte da fertilização.

O que aconteceu? Simples: a papa para discus é conhecida por descontrolar os níveis de fosfatos e nitratos, ao retirar algumas plantas (hygrophila polisperma e limnophila sessiliflora) que são ávidas consumidoras de nutrientes e deixando apenas outras de crescimento mais lento (à excepção da ceratopteris thalictroides), fazia co mque os fosfatos e nitratos se acumulassem. Para ajudar à festa, descuidei-me por uns dias na adição de Potássio...

Isto fez com que as algas tivessem imensos nutrientes disponíveis e daí a sua rápida proliferação.

Solução: retomar a adição de Potássio e novamente a adição das plantas retiradas, que aliada ao crescimento da ceratopteris, repuseram novamente os níveis de nutrientes em valores aceitáveis e controlando naturalmente o alguedo. Ao mesmo tempo reduzi um pouco a alimentação com papas. Isto aconteceu mesmo com TPAs diárias de 15/20%, imagino se nem isto houvesse, teria sido o caos completo!

Penso que o controlo das algas passa por plantas que consigam absorver rapidamente os nutrientes da coluna de água e por uma correcta fertilização, mas isto não é novidade.

 

abx

Edited by cfatelo

O meu aqua : Natural Balance
dscf3060thumbwu0.jpg
--> O meu feedback <--

Link to comment
Share on other sites

Bolas bolas que grande explicação com autores e tudo grnade trabalho parabens e tambem grande aajuda estou como o carlos quem fala assim não e gago

Link to comment
Share on other sites

Gostava de te ajudar, mas precisava de saber alguns parametros do teu quotidiano com o aquário. Nos pontos:

1. Qual o fotoperíodo do teu aquário?

2. Que tipo de filtro estás a utilizar e o seu caudal?

3. Temperatura, Ph e flora existente no teu aquário.

e por fim saber qual o teu nivel de paciência, lol

 

Olá Álvaro.

 

Estou sem palavras... :crazyeyes: Que explicação tão boa... eu a pensar que me iam "bater" por estar a falar sobre isto e sai assim uma resposta destas. Nem sei o que dizer, muito obrigada por teres dispensado tempo e trabalho para me responderes e dar uma ajuda preciosa. Ora bem, vou responder o melhor possível às tuas questões:

 

1. a luz está ligada 10h por dia, sem intervalos. O aqua também apanha alguma luz que apesar de não ser directa, vem de 3 pontos diferentes (janela próxima, janela mais afastada e porta mais afastada)

 

2. Filtragem : Filtro Aquapor AQ300

Volt : 220v - 240v 50Hz ~60Hz

Máx output : 300l/h

 

3. Temperatura: entre os 25 e os 27º (normalmente mantém-se nos 27º)

Ph: 6.5 - 7

 

Flora:

Ceratopteris Cornuta

Limnophila sessiflora

Musgo X-mas

Fetos de java

2 Anubia nana "petit"

1 Anubia nana

Cladophora aegagrophila

Vallisneria mini twister

Vallisneria

Hygrophila Polisperma

Bacopa australis

 

Não sei ao certo quantos pés tenho, por isso não coloco. Penso que tenho mais plantas de crescimento rápido do que das que demoram mais a crescer, não? Pois... agora que vejo melhor... talvez não :? Eu tinha também Hemiantus cuba mas tirei-a toda pois estava completamente cheia de algas das verdes compridas. Coloquei dentro de um recipiente com água e deitei lá para dentro H2O2 com fartura. Não sei se as vou estragar, mas também já não estava muito bem de saúde, assim estou a tentar qualquer coisa...

 

Quanto à paciência... não estás bem a ver o tempo que eu perco a olhar para o meu aqua, a limpar as algas, a tirar umas coisitas muito pequenas que parecem "lapas" que colam às plantas e aos vidros (a tudo, para bem dizer), a limpas os vidros que ficam cheios de algas, enfim. Perco muito tempo (às vezes até tempo que devia dispensar para os imensos trabalhos que tenho para fazer :?) a pensar o que fazer, a olhar para os meus meninos e para as red's que tenho agora com ovos. Paciência eu tenho muita, só não sei é como resolver as coisas e depois também fico sempre com receio de vir aqui e perguntar este tipo de coisas que compreendo que já devem estar fartos de ouvir falar, mas eu juro que é mesmo por falta de tempo que não venho para aqui e fico a ler os imensos posts que aqui colocam. Mas também convenhamos que ás vezes se fica um pouco confusa... é cada um a dizer uma coisa diferente... mas para mim existem é várias maneiras para resolver as coisas, mas cada um opta pela melhor. Eu sou apologista das coisas naturais. Quero muito aprender, mas confesso que gosto muito mais de aprender assim, fazendo. Gostava de ter alguém aqui próximo de mim que de vez em quando me fosse ensinando esta arte tão bonita e relaxante. É uma área que eu gosto mesmo muito, mas infelismente não tenho tempo, para já, para queimar as pestanas a ler. Se houvesse um bom livro que me recomendassem eu até era capaz de tentar arranjar, sempre ia lendo conforme pudesse.

 

Mais uma vez agradeço-te pela tua explicação espectacular e pelo tempo que perdeste. Quando aos estudos, obrigada ;)

 

Também agradeço ao cfatelo pela resposta, muito obrigada ;)

Edited by andreialima
Link to comment
Share on other sites

É muito importante sabermos olhar para as plantas e perceber qual o nutriente que está em falta,ou recorrer a testes de nutrientes,de modo a 'calibrarmos' o nosso aqua de acordo com as suas reais necessidades. Todos os aquários têm 'velocidades' diferentes,dependendo da luminosidade,injecção de C02,tipo de plantas,etc.

 

Se a uma planta falta um determinado nutriente,ela poderá processar outro nutriente de uma maneira deficiente,nutriente este que será aproveitado pelas algas.Da mesma maneira acontece com os excessos,só devemos colocar aquilo que as plantas conseguem consumir,dai a importância das fertilizações diárias.

 

Um espectro variado de luz e os Lumens correctos,nem a menos,nem a mais, e a utilização do CO2,ajudam a que as plantas se assumam como organismos superiores que são,e não deixem 'combustivel' nenhum para as algas.Algas estas que num plantado também são importantes,sendo quase impossivel um aqua com 0% de algas,o importante é o controlo de modo a haver o minimo possivel destas,mais do que a sua erradicação completa.O uso de algicidas quanto a mim,não é a solução ideal,passando como referi atrás,em conhecer o aqua plantado que temos em casa.

Edited by Zogli

Zog Li

 

''As coisas difíceis levam algum tempo a fazer. As impossíveis levam mais um bocado''

 

http://almadagua.blogspot.com/

Link to comment
Share on other sites