Duvida: Rocha na sump?


AJF

Recommended Posts

boas...

a minha dúvida é a seguinte... será que é benéfico , isto é será que a filtragem de um sistema aumenta , se eu colocar na sump rocha viva ou rocha colonizada com circulação?

é uma dúvida que eu tenho tido , e agora queria saber porque era uma das minhas ideias , colocar a rocha morta colonizada para a sump e comprar rocha viva para o aquario principal.

obrigado

Link to comment
Share on other sites

Viva AJF

 

Na prática é igual porque a sump não é mais do que uma extensão do aquário. Claro que a iluminação e a corrente na sump são diferentes.

mas será sempre preferivel teres um refugio ou lagoa com rocha iluminada em contra-ciclo ou 24 horas.

Não aconselho a por rocha na sump, sobretudo se ela for pequena, pelos seguintes motivos :

- menos espaço para equipamento

- mais dificil de fazer a manutenção ( asump deve ser regularmente aspirada para removermos os sedimentos que decantaram)

- ter que iluminar a sump se colocarmos lá rocha

- maior probabilidade de partir a sump quando mexemos na rocha

- a sedimentação tende a "sufocar" a rocha

 

Pelas mesmas razões, e por mais algumas, não gosto de refugios na sump.

 

Cump.

Rui

Link to comment
Share on other sites

boas Rui,

 

o meu nano é de 112l. e como tal pensei que colocando mais rocha na sump , iria ajudar na disnitrificação.. tambem tenho um compartimento na sump com DSB e macro algas , a minha ideia era colocar no compartimento da bomba de retorno rocha .

o unico equipamento que tenho na sump é o termostato e a bomba de retorno , porque tenho um prizm , e tenho t8 a iluminar a sump , estava a pensar a medio prazo colocar PC .

obrigado rui pela opinião

Link to comment
Share on other sites

Porque não colocas Chaetomorpha na sump iluminada 24 horas por dia? Não só é mais segura do que a Caulerpa mas também é mais fácil de podar.

 

Vai retirar compostos azotados mas também fosfatados que a bioactividade da rocha não consegue eliminar por si nas quantidades desejadas.

Link to comment
Share on other sites

olá Nuno Prazeres...

sim não é uma má ideia... já agora sabes onde é que consigo arranjar isso? posso tambem colocar alem dessa alguma caleurpa prolifera que tambem é mais controlável... de qualquer maneira para a sump não vejo qual o mal de ter um crescimento descontrolável e de estar descontrolado :? ...desde que não vá para as bombas..

um abraço e obrigado pela ajuda

Link to comment
Share on other sites

Concordo com o Rui em relação à rocha na sump, no entanto depois de ter visto o aquário do Zé (que tem RV na sump) e o aquário antigo do Paulo Lopes (que também era espectacular) pergunto-me se não haverá algum benefício em ter alguma rocha viva na sump exposta a uma passagem de agua mais intensa onde talvez se promova o estabelecimento de uma população mais densa de bactérias aeróbias?!

 

Abraço,

Ricardo Rodrigues

Link to comment
Share on other sites

Olá,

 

Não sei se ajudo ou se consideram o meu aquário como uma referência, mas gostava de Vos dizer que tenho rocha na sump na queda de água!

 

Abraço,

Diogo

Link to comment
Share on other sites

Mal não faz concerteza mas tenho sérias dúvidas que seja um factor importante no sucesso do aquário. Não me parece que o aquário do Zé evoluísse de maneira diferente da que evoluiu caso não tivesse rocha viva na sump, a não ser que a quantidade de rocha no aquário fosse muito menor.

No aquário principal as correntes são ainda mais intensas do que na sump por isso não acredito que seja por aí que haja mais benefício.

As bactérias aeróbias de que falas precisam de quê para se multiplicarem, oxigénio, carbono e compostos azotados? Isto tudo ao mesmo tempo? Qual o composto/elemento de que mais precisam?

 

A l e x a n d r e

Aluga-se este espaço.

Link to comment
Share on other sites