Rêverie Reef


Recommended Posts

Posted (edited)

 

Data de montagem :  20-03-2019

Aquário: 140x90x60 - 756 litros
Sump: 100x45x40 - 180 liters

Iluminação: 2 × Aquamedic Angel 200 Watts + 1 Maxspect Razor 180 Watts.
Iluminação Refugio: 90 watt black box reef light

Bomba retorno: Jebao DCP-10000
Jebao RW-8 na sump
Escumador: Wo! 180
UV: Jebao 55W (desligado)
Oxydator: Söchting Model A
Reactor com GFO + Reactor com carvão 
Bombas de circulação: 2 × Jebao CP-150 com T1 wifi controller - 27000 litros/hora

Aquecedor: 2 x Eheim 300W
Controlador de temperatura D-D com ventoinhas da Aqua-Medic

 

Backup de energia e redundância:

- Coral box powercell battery para a bomba de retorno
- Gerador de 2700 Watts e UPS de 1200 Watts.
- Bomba Jebao DCP-10000

Doseamento:

- 5 litros/dia Kalk via doseadora
- Bubble Magus Calcium reactor (alimentado por gravidade).
- Elementos traço (Red Sea Color Program) via doseadora e Cloreto de estroncio 

- Xepta Autobalance medindo o KH 3 vezes por dia e doseando balling quando necessário. 

Refugio: 2 secções 

Fauna:

- 3 Ocellaris
- 1 Threadfin cardinal
- 10 Cardeais de Banggai
- 2 Cometas (1 argus e 1 altivelis)
- 1 Red bandtail waspfish
- 2 Flame hawkfish
- 2 Flame angels
- 2 Heraldi angels
- 1 Yellow assessors
- 1 Diamond goby
- 3 Matted filefish

Edited by Ardeus
  • Like 3
Link to comment
Share on other sites

Posted (edited)

Um bocado da história deste aquário. 

Antes tinha um cubo de 90x90x50 e apesar de só manter peixes pequenos, a certa altura comecei a ter pena deles, porque apesar do aquário ter 400 litros, só tinham 90cms para nadar.

Na altura também me apercebi que esta história das alterações climáticas é capaz de ser muito mais séria do que a maioria das pessoas pensa e que é bem possível que venha aí chumbo grosso nos próximos 10 a 20 anos.

Muito resumidamente, a sequência de eventos que vejo como demasiado possível é : 

- Ártico sem gelo durante os meses de verão;

- Alteração imediata dos padrões metereologicos do hemisfério norte;

- Perdas significativas nas principais zonas agrícolas 2 ou 3 anos seguidos;

- Umas centenas de milhões de refugiados em movimento;

 - Guerra que vai tornar a 2a grande guerra numa nota de rodapé da história. 

 A minha bola de cristal só vai até aqui. Vou ficar muito espantado se isto não se tornar realidade nos próximos 10 a 20 anos, não vou ficar espantado se acontecer mais cedo. 

Vai daí que decidi parar de aguardar pelas circunstâncias ideais e substituir o cubo por um aquário maior.

O aquário demorou 7 meses a fazer e nesse meio tempo aprendi a tocar uma peça de Debussy, Rêverie, daí o nome do aquário (nunca tive aulas de piano, por isso foram muitas horas de google e youtube).

Isto era o aquário no dia em que foi montado há 2 anos:

 

Edited by Ardeus
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Alfredo, obrigado por teres aceite o desafio de mostrar a esta comunidade o que de muito bom tens na tua casa. 

Sou teu seguidor desde os primeiros vídeos que fizeste com os shell dwellers e por tua causa quase que montei um aquário com os tanganikas! 

Se não for pedir muito podias criar um outro tópico sobre estes magnificos ciclideos?

Mas voltando ao aquário que é o assunto principal deste tópico, é fantástico criar um recife no Alentejo interior! A tua água é feita com sal e agua de osmose ou transportas água do mar?

Link to comment
Share on other sites

Eu já não tenho nada de água doce há uns 5 anos. O meu problema sempre foi o controle de população. Na altura em que me desfiz do último aquário, 880 litros, tinha mais de 300 peixes. 

Mesmo neste aquário o controle de população é um stress por causa dos Banggais.

Comecei com um casal e como tenho muitas anémonas, de vez em quando sobreviviam 1 ou 2 peixes. O resultado é que acabei com um grupo de 11 Banggais adultos.

Eles são normalmente muito agressivos entre si e é raro se conseguir manter um grupo porque eles matam-se até só restar um casal.

Há quase 1 ano atrás, quando os juvenis estavam a chegar a adultos houve muitos dias em que tinha que os vigiar várias horas e intervir para evitar mortes. Não é possível retirá-los porque são peixes que não dormem e não se deixam cair em armadilhas.

Depois felizmente a coisa estabilizou... mas cada dia é um dia, não confio neles.

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Uma coisa que dá para ver neste vídeo é que não há filtragem mecânica no aquário. 

O que notei quando usei filtragem mecânica (filter socks) é que o escumador não conseguia trabalhar nem metade do normal, o que faz sentido.

Mas retirar as partículas em suspensão na água também retira uma fonte de alimento para os corais, por isso prefiro retirar os nutrientes mais adiante no processo de degradação. 

 

Actualmente desligo o escumador 2 horas por dia, mas vou continuar a experimentar aumentar este tempo e ver até onde dá para esticar a corda. A parte que assusta é que não faço trocas de água. 

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Este tópico tem mais de 6 meses de antiguidade... Se fizer sentido, por favor considere criar um novo tópico em vez de reactivar este. Obrigado!

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.