Ouriços da nossa costa


MarcoCosta

Recommended Posts

Olá pessoal,

 

Os ouriços que se encontram na nossa costa, como no cabo raso, são reef safe? Vi que há uns verdes e uns roxos também, é seguro colocá-los num aquário?.. Não vai comer corais, etc?

Link to comment
Share on other sites

Boas Marco, sobre os ouriços comerem corais não sei, mas, posso desde já dizer-te que são difíceis de manter, são muito sensíveis e penso que não se dêem com temperatura de reef..Falo assim porque tenho um aqua da costa e mesmo com temperaturas baixas é difícil mantemos..

 

Abraço

Link to comment
Share on other sites

É como diz o rafael. Ouriço é complicadiço. Temos várias espécies na costa e são "reef-safe" visto que o que comem são algas, inclusive alga coralina, alga importante para a estabilidade da rocha viva, se bem que depois de comer a alga regenera-se.

 

De espécies temos o ouriço comum (Echinus esculentus) , o ouriço roxo (Sphaerechinus granularis), o ouriço preto (Arbacia lixula) e o ouriço branco (Echinus acutus). O verde é uma variação do ouriço comum, e o que identificaste como roxo, pode não ser o ouriço roxo, mas o comum. O ouriço roxo tem a base roxa escura e os espinhos roxos, rosados ou esbranquiçados.

Link to comment
Share on other sites

Boas, eu peço desculpa por discordar convosco mas tenho 5 ouriços, capturados na ericeira e até agora são reef-safe. O unico incoveniente é que comem a alga coralinea toda, que, parece-me, alimentam-se de algas. Conheço outros casos e todos eles têm tido sucesso. Tenho-os há 8 meses. Creio que os que tenho são os comuns. 3 verdes e 2 castanhos. Eles arranjam sitio para ficar durante o dia e á noite saem e andam pelo aquario de volta da alga. Parece-me uma boa solução para quem tem probema com algas. Forte abraço

 

Link to comment
Share on other sites

Ah, e esqueci-me de mencionar uma coisa. Encontrei este topico porque andava á procura de alguem que soubesse de reprodução dos ouriços, pos ultimamente tem acontecido uma coisa engraçada: estão a aparecer uns girinos muito pequeninos debaixo dos ouriços. Eles colocam-se nos cantos do aquario e os girinos ficam por baixo como que a esconderem-se. Não vi ainda nada de novo no aquario, mas já vi por 3 vezes esta situação

Edited by xtaz
Link to comment
Share on other sites

Eu acabei por trazes um verde e um roxo, (acho q é mesmo roxo pq não tem nada verde nele..), mas pelas vossas sugestões estava a pensar em ir devolve-los ao mar. Sendo assim vou deixa-los mais uns tempos, o problema é que o aquário ainda é recente e alga coralina não é muita. Por outro lado estão a aparecer as algas castanhas pelos vidros, etc.

Link to comment
Share on other sites

na rocha é que convém haver alga para eles comerem, pois eles só andam na rocha. Lembra-te que nunca irás ter o aqua com o aspecto tradicional (cheio de alga coralina) pois quanta mais houver, mais eles comem e nota-se bem de manhã o rasto que eles deixaram durante a noite e por onde andaram. por outro lado é uma forma de manter as rochas sem algas indesejaveis. a alga dos vidros convem ir tirando com um raspador ou com um iman.

Link to comment
Share on other sites

na rocha é que convém haver alga para eles comerem, pois eles só andam na rocha. Lembra-te que nunca irás ter o aqua com o aspecto tradicional (cheio de alga coralina) pois quanta mais houver, mais eles comem e nota-se bem de manhã o rasto que eles deixaram durante a noite e por onde andaram. por outro lado é uma forma de manter as rochas sem algas indesejaveis. a alga dos vidros convem ir tirando com um raspador ou com um iman.

 

Tenho um ouriço e ele anda pelos vidros a comer algas verdes que lá aparecem, anda sempre por lá a raspar. Outro animal da nossa costa que ajuda no combate as algas são os caracóis do mar, apenas têm o inconveniente que de quando a quando vão para fora do aquário, alguns aquariofilos dizem que é por não suportarem as temperaturas dos aquários de recife durante muito tempo, eu discordo dessa ideia e creio que será porque eles no meio ambiente fazem o mesmo, passam longos períodos de tempo fora de água, nas rochas, quando estão perder água demais voltam para dentro de água.

 

Cumprimentos

Link to comment
Share on other sites

Boas noites,

Isso é porreiro pedro_. Os meus nunca vão aos vidros andam sempre pela rocha. Eventualmente no vidro, só nos cantos. O que aconteceu algumas vezes é nos cantos aperecerem uns peixinhos minusculos a nadarem por baixo do ouriço. Não faço ideia do que serão mas enquanto lá andam, o ouriço não sai de lá e quando de lá sai os peixes desaparecem (ou então será o contrario). Ainda ninguem me conseguiu explicar o que aquilo poderá ser, nem sequer papites. Em relação aos caracois tenho algum medo que se transformem em praga. Abraço

Link to comment
Share on other sites

Tenho um ouriço e ele anda pelos vidros a comer algas verdes que lá aparecem, anda sempre por lá a raspar. Outro animal da nossa costa que ajuda no combate as algas são os caracóis do mar, apenas têm o inconveniente que de quando a quando vão para fora do aquário, alguns aquariofilos dizem que é por não suportarem as temperaturas dos aquários de recife durante muito tempo, eu discordo dessa ideia e creio que será porque eles no meio ambiente fazem o mesmo, passam longos períodos de tempo fora de água, nas rochas, quando estão perder água demais voltam para dentro de água.

 

Cumprimentos

São os caramujos (em ingles denominados de Top Snail), há várias espécies e algumas bem bonitas! Outros mais fraquitos em aspecto. na verdade temos uma costa bastante rica. Se calhar por medo das pessoas se virarem para essa fauna que passam essa ideia. Tenho estudado a nossa fauna e grande parte dela vive no Mediterrâneo e até Marrocos, e alguma so atinge a costa sul inglesa por esta ser influenciada pela corrente do golfo., tenho algumas espécies, e realmente são muito eficientes contra as algas, limpam um alguedo impressionante, eu proprio quero muitas algas, e não consigo, eles limpam tudo, até filamentosas. O Ouriço é um desastrado a circular no aquário, mas depende do aquário em questão.

 

uma questão que notei na nossa fauna (eremitas, caramujos, lapas, etc) é que precisam de uma adaptação prolongada ao aquário. Provavelmente as pessoas não fazem a adaptação, e uma semana depois os bichos morrem, lançando a ideia que é a temperatura a causa da morte.

Link to comment
Share on other sites

São os caramujos (em ingles denominados de Top Snail), há várias espécies e algumas bem bonitas! Outros mais fraquitos em aspecto. na verdade temos uma costa bastante rica. Se calhar por medo das pessoas se virarem para essa fauna que passam essa ideia. Tenho estudado a nossa fauna e grande parte dela vive no Mediterrâneo e até Marrocos, e alguma so atinge a costa sul inglesa por esta ser influenciada pela corrente do golfo., tenho algumas espécies, e realmente são muito eficientes contra as algas, limpam um alguedo impressionante, eu proprio quero muitas algas, e não consigo, eles limpam tudo, até filamentosas. O Ouriço é um desastrado a circular no aquário, mas depende do aquário em questão.

 

uma questão que notei na nossa fauna (eremitas, caramujos, lapas, etc) é que precisam de uma adaptação prolongada ao aquário. Provavelmente as pessoas não fazem a adaptação, e uma semana depois os bichos morrem, lançando a ideia que é a temperatura a causa da morte.

 

Concordo com tudo o que dizes. Eu como apenas conheço a praia de Buarcos da Figueira da Foz não costumo encontrar lá nada de Ermitas infelizmente. Encontrei foi uns buzios parecidos com nassarios, mas que não são nassarios, são muito mais lentos e menos activos e, também maiores.

 

Na nossa costa só faltam mesmo os corais ehehe.

Link to comment
Share on other sites

Vou-te mostrar algumas das preciosidades que tenho. Sou um absoluto fã de eremitas, isto porque usam conchas e têm pinças como caranguejos, depois extremamente pacificos e uteis (comem algas). Adoro-os! São fantasticos em tudo, comportamento e aspecto. trepam pelas pedras e circulam pela areia, e eu escolho as conchas que quero que eles usem. Tenho muitos. Uns 20 de duas ou tres espécies, e vários exemplares de cada.

 

Pagurus bernhardus

26set11anemonasdebaixoe.jpg

 

Clibanarius erythropus (os dois da ponta direita, o pequenino é Pagurus sp.)

26set11eremitastrio.jpg

 

que são bem diferentes e provavelmente tenho uma outra espécie de paguro, mas como ainda não tenho certeza...

 

Nassários também temos e no meu aquário tenho:

Nassarius reticulata (grandes e rendilhados)

14set11nassarioscomendo.jpg

 

Nassarius incrassatus (pequenos e mesmo lindos!)

14set11novosnassarios.jpg

 

se calhar também tenho por lá Nassarius cf. pigmeus

 

Os N.reticulata e os N.incrassatus têm modos de vida distintos, pelo que são encontrados em situações diferentes.

 

mas pelo que dizes (lento), o que deves ter é um muricideo o que aqui na Póvoa chamamos de buzina, que são uns buziozinhos que andam nas rochas. Mantenho uma espécie, o Fura-Ostra (Ocenebra erinacea).

Link to comment
Share on other sites

  • 3 weeks later...

boas quo

tens toda a razao quando dizes que eles

têm pinças como caranguejos, depois extremamente pacificos e uteis (comem algas).São fantasticos em tudo, comportamento e aspecto. trepam pelas pedras e circulam pela areia, e eu escolho as conchas que quero que eles usem. E os nassarios revolvem o areao e limpam os vidros.

já os ditos burries tambem sao excelentes no que toca a limpeza fazem verdadeiras auto-estradas nas rochas.

Como é do conhecimento geral

vendo aqui no forun eremitas e nassarios que capturo na nossa costa, mas o segredo para os mantermos vivos é fazer uma boa aclimatizaçao ( eu demoro uma semana a passar dos 17º ate aos 25º) e depois no meu aquario tenho sempre varias cascas de varios tamanhos para eles irem trocando conforme vao crescendo, é so isso pois é ve-los a devorar algas e a comer os detritos. já os ouriços ainda nao os consegui aclimatizar ....

abraço

joao paulo

Link to comment
Share on other sites

Eu já consigo aclimatizar ouriços, tenho 5 no momento, 3 roxos e 2 comuns. demoro mais de 2 horas para isso... a questão não é apenas a temperatura, penso que isso é o menos relevante na aclimatização, se bem que um termometro digital (é o que tenho!) que uso quando os vou aclimatizar, pois verifico a temperatura a mudar muito lentamente, só os introduzo no aquário quando a temperatura no balde iguala a do aquário. Vou colocando aos poucos agua do aquário no balde. Também uso o densimentro para verificar a densidade no balde e no aquário, isto penso ser mais relevante, nos primeiros usei o densimetro e o termometro minuciosamente.

 

a unica coisa que tenho ainda dificuldade em manter são beijinhos. Se o problema é alimentar ou adaptação, não sei...

 

aqui uma foto do meu aquário com eremita Paguro, Nassarius incrassatus e ouriço roxo.

28novouriocereuseremita.jpg

 

 

Do que voces chamam de burries e o que aqui chamamos de caracol-do-mar. O nome erudito é caramujo. tenho várias espécies:

Calliostoma zizyphinum (caramujo pião)

Osilinus lineatus (Caramujo Monodonta)

Gibbula umbilicalis (caramujo de listas vermelhas)

Gibbula cineraria (caramujo cinzento)

Litorina litorea (Litorina)

 

de carnivoros além das duas espécies de nassários e muricideos tenho

Epitonium clathrus (raro aqui. um wentletrap!), para meu mal, um predador de anemonas ao que parece. Mas se calhar util para quem quer combater aiptásias. Isto se se adaptar ao aquário...

28novtrap.jpg

Edited by Quo
Link to comment
Share on other sites