Sign in to follow this  
João Carvalho

Encontrei um lagostim e não faço ideia o que ele precisa

Recommended Posts

Boas,

 

Hoje, ao sair do carro deparei-me com um lagostim no chão.

 

O meu problema é que não faço ideia quais são as condições básicas para ele (temperatura, ph, alimentação, tolerância a nh3/nh4 e no2, etc)

 

Nem sei a sua espécie. Contudo parece-me ser igual a este: http://www.tovieira.com/keyword/lagostim%20de%20agua%20doce;vouga/i-Pq9MRxD/A

 

Alguém me consegue ajudar de forma a lhe dar boas condições para ele viver?

 

Desde já obrigado pela vossa atenção!

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esses lagostins de rio aguentam imensa coisa, já apanhei uma vez uns em água super lamacenta e suja, penso que não são frágeis , a nível de alimentação eles comem de tudo , vegetais, peixe ... Não mistures com peixes ou assim senão corre mal xD

 

 

Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas

 

E umas fotos?

 

Pelo que já li de lagostins, num comunitário é para esquecer, e mesmo plantas caso existam podem ir desta para melhor

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim plantas ele vai come las

 

 

Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk

Share this post


Link to post
Share on other sites

O lagostim do link é um lagostim americano, mais propriamente dito, (P. c l a r c k i i) [b][color="#FF0000"] Espécie inserida no DL 565/99.[/color] [url="http://http://www.aquariofilia.net/forum/index.php?showannouncement=6"]Lista de espécies cuja venda é proibida em Portugal[/url][/b] da louisiana ou monstro dos arrosais devido a ser uma praga que destroi arrozais inteiros!

É uma espécie introduzida em portugal, se o quiseres voltar a soltar, mata-o, se quiseres ficar com ele sem intençao de fazer criação descontrolada ao ponto de teres que mandar para o rio as crias tudo bem. Trata-se de uma vida, apesar de ser invasora ou nao, é um ser vivo.

 

Vejamos as coisas desta forma:

Um bando de leões, introduzidos cá em portugal por um maluco qualquer, encontram-se na zona do Alentejo, estes leões começam por comer as lebres que encontram, veados, algumas aves, etc..., vão fazer competição com linces ibéricos que se encontram em extinção. Ao comerem as presas dos linces, estes morrem à fome por nao haver nada mais para predar.

Ou seja, os lagostins do louisiana são os leões, as lebres são os anfíbios, os veados são a flora, as aves são os peixes, os linces ibéricos são os lagostins europeus(apesar de não morrem so por falta de alimento, o monstro dos arrozais transporta e transmite um vírus que é prejudicial a estes levando-os á morte, um dia à extinção).

 

Podemos ficar com esse lagostim em casa sem lhe fazer mal? R: Claro! :)

Não temos necessariamente que o matar, temos é que prevenir e impedir que desastres aconteçam.

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sign in to follow this