Gabriel Branco

Membro
  • Posts

    554
  • Joined

  • Last visited

  • Country

    Portugal

Everything posted by Gabriel Branco

  1. Pois o pH e eu temos uma relacao dificil ha mtos anos. A filtragem e mais que suficiente para esta populacao. Segundo as normas da Sera tenho 3,5L de ceramicas porosas, suficiente para 700L! Vou meter mais um litro ou dois, mas encher um destes compartimentos so com ceramica porosa ficava uma fortuna. As biobolas fazem filtragem mecanica e fornecem uma area brutal para as bacterias. No compartimento da direita, quase vazio, ha um saco filtragem, onde eclodem os ovos. A seguir ha uma enorme espuma. Ja tive turfa no compartimento da direita, mas a agua fica demasiado amarela. Tambem ja tentei pinhas de amieiro. Mais madeira esta nos planos. As condicoes sao boas, pelos menos para os Apistos. Ja ha 5 grandinhos e hoje mesmo detetei a mesma femea com outra ninhada! Apesar de haver uma segunda femea, para ja o casal esta muito estavel. Isto e mto mais engracado porque eu nao fiz nada para ter criacao. O facto de ser comunitario obriga os instintos dos pais a estarem mto apurados, mas curiosamente nao ha grande agressao: 146x50cm de fundo mais o volume generoso devem fazer a diferenca.
  2. Mto obrigado. Relativamente as plantas posso dizer que as valisnerias gigantea crescem bem neste aqua. Mas eu sou casmurro e aqui so entram plantas Sul Americanas! As elodea estao a crescer bem. tenho de estar sempre a replantar, mas nao me importo. Sao de um verde muito bonito e fazem bom efeito, mas vamos ver se nao e so crescimento por serem novas. A sump para mim e essencial acima de 250L, pela facilidade de manutencao. Mas para plantados a serio com CO2 pode nao ser bom.
  3. Este e o estado atual do aqua: i Ph bem acima de 7. Estou com dificuldades em arranjar plantas adequadas nesta montagem, com coluna de agua de 50cm nao e facil, sempre sem CO2. Estou descontente com o desempenho dos LEDs TMC, porque antes com T5 consegui fazer crescer melhor as Equinodorus a 40cm. Neste momento estou a ver se consigo um bom desenvolvimento das Elodeas (Egeria?). Ate o musgo nao tem crescido bem. Os pequenos apistos ja nadam independentemente da mae e ja apresentam aguns comportamentos territoriais. Alguns (sao +- 5) teem tocas nos trocos. Este e o estado atual da sump. Os alevins aparecem no compartimento central e no da direita, mas so sobrevivem no meio. Nadam acima das biobolas azuis e entre elas. Note-se o saco de filtragem que recebe a agua pelo tubo que vai para a direita: os alevins apreceram mesmo como saco, nao sei bem como. Um tetra Imperador ja crescidito na sump: Esta semana passaram os 2 para cima. E finalmente um planorbis a 'andar' na superficie:
  4. Este projeto teve uma evolucao que me espantou: se me contassem alguns detalhes eu nao acreditava. Por isso queria reportar. Primeiro: ainda com o areao grosso da foto meti um casal de Ramirezi e adptaram-se logo, com temp a 25-26 e ph bem acima de 7. Segundo: mudei solo para manado e meti dois troncos destes novos finos que veem por ai. Deixei de ligar ao pH. Terceiro: comecaram a aparecer alevins na sump, com saco de filtragem e tudo. Um deles cresceu e ja esta no aqua, um Tetra Negro. Quarto: neste momento tenho dois Imperadores na sump a crescer e devem safar-se, ja comem artemia e larva. Quinto: meti um macho comprado como Viejita rio Nanai numa conhecida loja. Vendi 4 dos Colombianos originais e mantive 2. Sexto: dos dois Colombianos que restavam, um comecou a ficar mais no coco, assim como o macho. Pouco depois saiu uma nuvem de alevins, ha cerca de um mes e meio. Nao fiz nada. Cresceram pelo menos 8, defendidos pelo macho e pela femea: incrivel num comunitario. O macho viejita (?) e o peixe dominante no aqua. No fim deste tempo tempo os alevins cresceram e ja estao mais dispersos. A mae mantem-se amarelo vivo a e guardar alguns alevins. Ha pelo menos 5 vivos, sempre no fundo. Nunca pensei que isto fosse possivel num comunitario com 12 Tetra do Rio, 13 Cardeais, Tetras Negro, etc - e ainda outros apistos. Hoje tenho a certeza que os 6 Colombianos originais eram todos femea. Na noite em que descobri os alevins na sump devo ter ficado mais de meia-hora a olhar de boca aberta para aquilo: ainda hoje me intriga como foram aparecer la. Tambem nao sei como misturando apistos que eu nao sabia bem o que eram, de lojas diferentes, tive sucesso, sem nunca ter tentado criar oviparos na vida, sem nunca ter adquirido comida para alevins ou eclodido artemia. Acho que os quase 400L para relativamente poucos peixes e que fazem a diferenca, nao o pH ou outros fatores.
  5. As fotos estao mto boas, com o material que tenho desisti de obter fotos de peixes. Os Meridionalis sao os meus favoritos, nao ha hipotese. Mas a Creni faz inveja, esta sozinha? Pensava que estes peixes predadores nao podiam estar com outras especies pacificas de tamanho identico. De facto este tipo de aquas e incivel, nao tem nada a ver com o 'classico' da agua-doce, que e o que eu tenho agora: Tetra Imperadores e Cardeais, etc.
  6. Pena as mortes por excesso de temp. As duas semanas de calor fizeram-me lembrar o Verao de outros tempos, em que a praia era a Rainha da estacao (era impensavel ter frio na praia). No meu aqua interior desliguei o aquecedor quando a temp fez 27 e atingiu cerca de 30 graus. Mas ja liguei de novo porque ontem a noite a agua ja estava a 25 graus. Tempo muito instavel, mas os Veroes parecem ter perdido fulgor. Agora num local mais exposto as variacoes de temp devem ser mesmo um problema, mesmo com bastante agua. No frio metem-se aquecedores, o calor e bem mais complicado. Nos 29-30 graus meti placas de gelo na sump; e estes sao tropicais!
  7. Incrivel, fotos tipo profissional. Deve dar imenso trabalho obter estes resultados.
  8. Espetaculo, faz lembrar um tema de agua salgada, com remoras!
  9. Andei a ver. Letacara curviceps, dorsigera e araguaiae nao sao nada faceis de distinguir, se e que as legendas das fotos na net estao corretas.
  10. Linha quebrada no dorso, bordo caudal vermelho, para mim sao curviceps. Ando a procura de um casal destes.
  11. Mas os australis eram essenciais neste projeto! Os Buenus estao lindos.
  12. Qual e a espessura do vidro? O down eye pode ser evitado?
  13. Oi meu, A minha estrategia neste caso seria agrupar os corais mais por colonias do mesmo tipo, para dar mais coerencia. Espalhados a atencao dispersa-se demais para o meu gosto, nao ha 'zonas' disto, zonas daquilo. Apenas uma boca. Nota: precebo 0 (zero) de salgados.
  14. Para especies mais delicadas quero ganhar alguma experiencia primeiro, mas para ja estou a gostar muito desta especie, tem um ar bem natural. Cheguei a ter uns Corys Colombianos espetaculares comprados. Mas e tudo pessoal do fundo e os pequenitos eram muito agressivos e desisti. Gostaria de meter mais tarde, mas para ja vou esperar, ate porque primeiro quero estabilizar os ancistrus (parece que sobreviveu o macho L-180 com 13cm, mas ainda nao esta a comer a 100% - comprimento teorico maximo na planetcatfish de 12cm!). Quanto a escalares, nao penso introduzir. Na loja onde comprei o aqua vi os mais bonitos de sempre, com matizes de castanho, mas contive-me. Quando formam casal metade do aqua e deles, por isso nao vou meter peixes grandes. Ou seja, neste aqua os reis serao os Apistos, nada de porte superior para ja. Ate porque vira ai uma montagem totalmente nova. E warman, ja tens apistos? Li por ai que estavas com o bichinho destes 'mini-monstros'...
  15. Obrigado pelos coments, ha sempre esperanca de aprender algo, que isto e tudo novo para mim, com os meus erros a ajudar! Os Apistos continuam a crescer excepto 1 que esta do tamanho original. Estes peixes crescem bem rapido, de tal forma que os 5 maiores ja perecem de outra especie. Visitei varias lojas e vi tudo o que ha na net e estes apistos amarelos sao mesmo femeas, mas... Um dos amarelados com um risca vermelha na cauda em baixo tem tambem pontos vermelhos na cabeca, junto dos reflexos verde-azul que outros teem. A dorsal que era arredondada esta a ficar mais ponteaguda e nao tem as riscas pretas no bordo anterior das ventrais tao marcadas. Logo suspeito que e um macho. O novo, embora maior i mais maduro, e simplesmente igual a este, por isso eu tinha reconhecido o padrao na loja, em parte por instinto. Ou seja, tenho provavelmente 5 femeas e um macho dos originais, mais um macho mais velho, o que da pelo menos 2 casais de Macmasteri rotpunkt. Nao vou misturar especies. Vou deixar no aqua 3 a 4 femeas, portanto pode so sair a mais pequena. Se e verdade que os meus originais sao selvagens da Colombia, entao tenho uma populacao bastante homogenea, apesar da introducao. Para ja nao tenho condicoes de criar alevins, no futuro logo se ve. Entretanto tomei grandes decisoes. Quando a temp do ar estabilizar nos 25 graus faco uma montagem totalmente nova, so com areao e pedras previamente testadas. Teste com imersao de cada elemento 24h tem sido o unico metodo fiavel, esquece la o acidificante e o limao, que nao deram nada. Ando a procura do material adequado. Decoracoes: ja estao duas metades de coco no aqua, pode ver uma na foto. Plantas vao entrar mais, mas tudo Sul Americano, queria meter a Egeria densa originaria dessa zona mas esta dificil encontrar porque acho que esta proibida em Espanha. 140cm de aqua para dois machos vai dar quase de certeza!
  16. Ok, muita coisa aconteceu. Mudei as pedras brancas para cinza do rio Tejo, compradas numa florista. O Ph ao contrario do que eu esperava nao desceu, fiz um teste do areao 24h com agua a +-6,5 e deu 7,5. Choque total, ate porque nao vai ser facil substituir o areao. Tenho de encontrar outras marca, testar e so depois mudo, porque implica uma montagem nova. Sao mais de 60 euros de areao para o lixo. Estou a testar tambem as pedras cinza grandes. Entretanto cada vez mais me convenco que tenho 6 femeas macmasteri-viejita. Hoje visitei uma loja em Lisboa e encontrei isto, como Viejita II rio Nanai ou qq coisa semelhante: Penso que no aqua da loja so havia machos, talvez uma unica femea! Podem ver o animal poucas horas depois de ter entrado, a posar para a foto. Pode-se tambem ver as pedras novas. Este parece-me ser um Macmasteri rotpunkt e comprei porque o padrao geral e o mesmo das femeas que eu tenho, o mais provavel e ser tudo macmasteri tipo 'wild'. Ou seja tenho um macho e 6 femeas, duas das quais pelo menos terao de sair. Aqui esta o peixe a explorar um coco, parece mais interessado que qq dos outros 6, parece ser comportamento masculino. Para ja estou muito satisfeito com estes Apistos, sao muito resistentes e com um comportamento muito interessante. Vamos ver se ha casal.
  17. Parece uma causa plausivel: passagem de corrente para o aqua, nao contaminacao. O aquecedor estava no aqua ou na sump?