• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

meninamaria86

.Membro Ausente
  • Content Count

    98
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 :)

About meninamaria86

  • Rank
    Recém Chegado Pro
  • Birthday 12/09/1986

Profile Information

  • Sexo
    Feminino
  • País
    Portugal
  • Concelho
    Porto (Porto)
  • Localização
    Gaia , Porto

Recent Profile Visitors

3,493 profile views
  1. meninamaria86

    meninamaria86

  2. meninamaria86

    Discu doido

    O que me parece que o artigo em si quis dizer foi que a variação da pressão será a solução e não o problema como diz no 3º parágrafo. As causas da doença não é a pressão da água mas sim a pressão de ar no interior da bexiga quando funciona mal, e esse mal funcionamento (cheia de mais - peixe boia ou pouco cheia -peixe vai ao fundo), e que pode ser fruto de varias situações como pode ler no parágrafo 2. João Não sugeri para o mudar de aquário. É obvio que isso lhe vai provocar mais stress, e é bem capaz de o matar de vez. O que se sugere no artigo é que ao longo do dia desça e suba o nível da água do aquário, para fazer variar a pressão que o peixe sente para estimular a bexiga nanatória a funcionar melhor e a resolver o problema por si só. Esta variação de altura da água e, consequentemente de pressão sobre o peixe (a água tem um peso e é isso que se entende por pressão exterior) não vai ter qualquer influencia nos seus peixes saudáveis. Se assim fosse, por cada TPA que fizéssemos, ao baixar o nível da agua os peixes adoeciam. Por isso acho que é a melhor opção no seu caso é evitar muda-lo de sitio (sem maternidades nem o forçar ao que quer que seja para nao deteriorar a saude dele mais do que já está) e fazer este procedimento no aquário comunitario.
  3. meninamaria86

    Discu doido

    Que chatice! bem eu nunca tive esse problema e por isso nunca preceisei de fazer tratamento a esse tipo de problemas. Mas pelo que sei da doença, o facto de ter baixado a temperatura e eles terem estado expostos algum tempo pode ter dado o click para os seus discus adoecerem. Outras coisas que causam este problema sao TPA's em grandes quantidades (não em várias vezes mas em muitos litros de cada vez), parametros de água menos próprios.. entre outras coisas. Se quiseres e tiveres curiosidade dá uma espreitadela neste artigo que explica tudo muito bem: http://www.discusnew...wimblader.shtml O discu que ao principio lhe estava a dar problemas conseguiu superar o problema sem ajuda o que foi óptimo, mas vamos ver se dá para tratar o branco. Há quanto tempo é que ele não come? Já está magro? tinha ou tem problemas a defecar? Ah e neste momento evite ao máximo tocar-lhe.. ele apenas se deixa tocar porque não se consegue mexer e como é branco não dá sinais de ficar assustado. Isso provoca-lhes imenso stress e pode piorar a saude dele.
  4. meninamaria86

    Discu doido

    Pois. :/ Está com uma infecção grave na bexiga natatória. Ele come ainda?
  5. meninamaria86

    Discu doido

    Viva João. Boa noite. Então como andam os seus discus?
  6. meninamaria86

    Discu doido

    Sim também reparei que ele rondava o branco.. E o facto de estar perto dele pode ser por estar "interessado" e por isso afugenta o resto dos discus para não ter "concorrentes". O branco pode sentir-se fragilizado e por isso estar a esconder-se. Posso garantir-lhe que se fosse outra estirpe estaria com as cores mais escuras. Comportamento de desova não é quase de certeza, primeiro porque a maioria dos discus desovam em sítios mais amplos para poderem cuidar dos ovos e oxigena-los (fazem-nos com as barbatanas peitorais e com a boca, e para isso precisam de espaço) e costumam desovar em algum objecto que se encontre na vertical ou inclinado, segundo porque me parecem ainda um bocado pequenos. Se bem que isso nem sempre é um indicativo de imaturidade dos peixes... Mas na maioria dos casos peixes pequenos não desovam..
  7. meninamaria86

    Discu doido

    hmm mas a temperatura agora está a 25 º? isso é mesmo muito baixo para discus. Sim estimula a desova mas quando mudo a água ela arrefece um bocado na altura da TPA, mas eventualmente volta a aquecer para os 28 graus. Não me tinha dito que tinha um peixe com esses sintomas. Os discus de cor branca e discus de base pigeon blood não mudam de cor em circunstância alguma. Se reparar pode ver que nem sequer têm as barras de stress. Eu acho que o branco pode estar mesmo mal. o facto de estar deitado é um sinal péssimo só por si, e se tem rompantes a andar às voltas sobre ele próprio... Suba a temperatura que tenho quase a certeza que e isso que esta a deixar o branco mal. Temperatura minima para os discus são mesmo os 28 graus.. os meus normalmente ate estão a uma temperatura entre os 29-30ºC.
  8. meninamaria86

    Discu doido

    Então acho que não se deve preocupar... É um comportamento natural. Mas preste atenção durante alguns dias a ver se não há mais nenhum sintoma, pelo sim, pelo não.... Só para não facilitar. E se puder , tape o aquario. Eles às vezes entusiasmam-se e saltam mesmo fora..
  9. meninamaria86

    Discu doido

    Hmm ok. Mas já observou alguma vez um desses rompantes? Não poderá ser um comportamento em relação aos outros no cardume? Pelo que percebi ele também já é grandito e é capaz de querer começar querer procurar uma companheiro... E quando os discus começam a cortejar podem ser um bocado bruscos e agressivos. está aqui um bom exemplo: Neste video da para ve-los a nadar rapidamente pelo aquario e a terem esse dito "nadar de lado". O comportamento é parecido ou nem por isso? Em relação ao video do problema na bexiga natatória , pode ver que por volta dos 14 segundos o discu parece ter algumas dificuldade em manter a posição normal - as barbatanas estão constantemente a mexer como se se estivesse a esforçar para ir contra uma corrente.
  10. meninamaria86

    Discu doido

    Pois... Pode ser apenas comportamental também. Daí a minha pergunta na resposta #4 no fim de tudo. Mas como não respondeu a essa pergunta pensei que não fosse o caso. Pode também estar a demonstrar a sua "dominância" em relação a outros peixes, ou mesmo marcar territorio, ou as vezes com pessoas a volta do aquario.. como mostra aqui : Não propriamente. Uma infecção da bexiga natatoria começa por se parecer com isto : http://www.youtube.com/watch?v=bUnXnMd0cZ0
  11. meninamaria86

    Discu doido

    Não tem que agradecer. Compreendo perfeitamente a sua posição e percebo o porque da sua reacção. Estou aqui a dar apenas a minha opinião e a partilhar o que sei, e que aprendi tanto por experiência própria como pelo que me ensinaram (digo-lhe também que o meu "professor" foi um dos mais exigentes..era o dono da aquamundo, e a maior parte do sei foi ele que me ensinou. o resto foi sendo complementado ao longo do tempo pela participação no fórum e de trocas de ideias com criadores experientes de discus tanto aqui como no forumdiscus). Sei perfeitamente que há pessoas com muito mais experiência com discus que eu, apesar de já ter 7 anos disto, mas acho que já tenho algum traquejo no assunto. Mas claro que a opção será sua, de seguir os conselhos ou não. Eu vou explicar o que sugeri e como faço as coisas com os meus discus (com ou sem alevins): temperatura entre 29-30 ºC e pH entre 6.8 e 6,5 e dureza de 2, nunca mais, nunca menos, e tenho os parâmetros estáveis já a alguns anos. Porquê? porque faço TPA's semanais de 10%-15% no máximo, do volume total de água. Se a quantidade de água feita por cada TPA for reduzida não vai ter que se preocupar com o efeito tampão da dureza, e não vai ter essas oscilações bruscas que nunca ninguém quer no aquário quando se tratam de de peixes tão sensíveis. A água das TPA's em minha casa também são feitas directamente da torneira sem qualquer tipo de acondicionador. E não stressam os meus discus. Sabe o que lhes faz quando mudo água da torneira quando vem mais fria um bocado? dois dias depois estão a desovar. A baixa da temperatura estimula a desova Quando me refiro a TPA's mais frequentas não digo diárias, mas sim, em vez de fazer 1 TPA por semana, fazer 2 por exemplo, penso que seria o suficiente. Também não sou a favor de tpa's diárias nem em muita quantidade, pelo mesmo motivo que referenciou. Em relação aos nitratos expliquei-lhe o motivo porque acho que serão altos nesta situação em particular. Claro que há peixes em piores condições e que se dão aparentemente bem, o que pode não ser o caso do seu discu. Mas claro, como já disse, a opção de seguir ou não os conselhos que lhe dou é sua. Em relação a doença do buraco, se tem as fezes normais, come e não tem buracos na cabeça não é o caso. De facto a doença do buraco pode trazer problemas neurológicos quando está numa fase avançada, mas como não tem sintomas duvido que seja esse o problema. Se o problema não for dos parâmetros da água (por isso lhe sugeri alterar os seus parâmetros que realmente estão "ok", para parâmetros mais correctos para tirar a teima. Não por estar certa de que é isso que está a perturbar o seu peixe) e ele não mostrar melhorias, poderá ser um problema na bexiga natatória que se esteja a começar a desenvolver. Digo isto porque para alem dos rompantes, disse-me que ele nesses episódios ele não nada direito. E pronto. A minha opinião é esta. Espero que consiga resolver o problema do seu peixe da melhor maneira. Com os meus cumprimentos Maria João Silva
  12. meninamaria86

    Discu doido

    Pois. Os parâmetros estão mais ou menos. Só falta a temperatura do aquário mesmo. Talvez seja melhor fazer TPA's mais frequentes para baixar os nitratos, e talvez baixar um bocado o pH e a dureza.. Para isso normalmente uso turfa granulada ou fibra de turfa (não tinge a água), que estabiliza tanto o pH como a dureza (convém ir medindo os 2 parâmetros quando usa a turfa para não baixarem demais), de forma lenta o suficiente para o peixe não sofrer com essas mudanças. Sabe João, há discus mais sensiveis que outros no mesmo cardume como já lhe disse o membro fernandojb. E se calhar, para esse peixe em particular, esses parâmetros são suficientes para o deixar mais stressado que os outros. Depois de ter os parametros mais estaveis (baixar nitratos, dureza e pH), se continuar com esses sintomas, aí temos a certeza que não é nada no aquário que o está a deixar mais nervoso. Os sintomas que descreve, podem querer dizer muita coisa, e mais vale ter a certeza do que é antes de medicar. Muitas das vezes perde-se tempo a medicar peixes sem ter a certeza do que se passa. Na maior parte do tempo pode até não ser doença, como eu penso ser o caso, e o João ao medicar vai estar a submeter o seu discu a um tratamento desnecessário e que não lhe vai fazer nada. Quando assim é, e nos apercebemos que o medicamento não fez nada, e que se calhar o que se passa é outra coisa, já passou algum tempo para ele piorar e/ou deixar de comer e aí, um tratamento para o que ele tem poderá já não fazer nada, pelo facto do peixe já estar desgastado tanto pelo avanço do problema, como pelo stress da situação em que está que os debilita um bocado.
  13. meninamaria86

    Discu doido

    Pois os "parâmetros normais para discus" podem ser muito diferentes de pessoa para pessoa por isso estou a perguntar os valores ao certo. Por exemplo, pode estar a mante-lo com parâmetros de água "normais para discus" diferentes dos parametros do aquario de onde veio e por vezes pode ser esse o motivo de stress do peixe, que o leva a ter esses rompantes. Não.. não tem de o levar ao psiquiatra. Por vezes assustam-se com alguma coisa e têm esses rompantes estranhos. Também tive um macho adulto "suicida" que estava saudável. Por isso se não tem mais nenhum problema aparente não me parece que seja doença. Parece-me que seja algo que o esteja a perturbar. E o que me deixa um bocado preocupada é esse "nadar de lado"... Há quanto tempo é que ele tem esse comportamento? Só por descargo de consciência, ele por acaso não tem esse comportamento quando está perto de algum discu em particular, ou até mesmo quando se quer aproximar e vai em direcção a algum outro?
  14. meninamaria86

    Discu doido

    Boa noite João Pedro. O que é "OK" ao certo, para termos mais ou menos uma ideia do poderá ser ou não? Em relação ao peixe, não nota mais nada de diferente? Peixe mais escuro, respiração irregular, quantidade de muco, inchaço, comichões e/ou tremores, perda de apetite, aspecto das fezes ..?
  15. meninamaria86

    Disco possivelmente doente AJUDA POR FAVOR

    hmm os ramirezis chamam um petisco tanto a ovos como a alevins. Eu não arriscava. Até mesmo porque já o fiz e arrependi-me. pus um casal a beira dos discus com alevins e foi meia ninhada com 2 semanas ao ar. Com as corydoras e os ottos não deverá ter problemas.