Sign in to follow this  
JR

Algas verdes depois da passagem de fluorescentes para HQI

Recommended Posts

Viva,

 

Desde que alterei o tipo de iluminação (há 15 dias), nota-se um aumento significativo de algas verdes (tipo musgo) nas rochas e nos vidros (antes era só nos vidros).

Que alga será esta e a que se deverá esta reacção?

 

É que os parãmetros estão ok...

 

Nota: Passei de 90W em fluorescentes para 210W (150W HQI+60W fluorescentes, num aquário de 200 litros com 6 anos.

 

Agradecia as vossas opiniões e sugestões.

Obrigado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ola

Quantas horas de luz tens agora? e como as ligas, ligas as hqi com as actinicas ao mesmo tempo ou em separado?

abraços

Share this post


Link to post
Share on other sites
É que os parãmetros estão ok...

 

Provavelmente os parâmetros da água parecem ok mas há fosfatos acumulados na superfície das rochas que só estavam (há 6 anos) à espera de, em conjunto com condições de luminosidade suficientemente fortes, potenciarem as algas.

 

Acho que há 6 vias a seguir:

 

1 - reduzir temporariamente o fotoperíodo

2 - introduzir herbívoros (ermitas, mithrax, cirurgiões, Salarias)

3 - verificar se a luz ao acelarar a fotossíntese não está a provocar oscilações de pH que por sua vez libertam fosfatos (subir GRADUALMENTE o KH para 10/12 é sempre uma boa ideia)

4 - eliminação manual (é inevitável)

5 - aumentar a extensão e frequência das TPAs

6 - esperar!!! (uma mudança tão dramática num factor tão relevante é de certa maneira equivalente a fazer um pequeno reset ao sistema pelo que se impõe uma "re-maturação" que pode fazer com que o problema se resolva a si mesmo).

Share this post


Link to post
Share on other sites

Obrigado pela vossa atenção.

 

Estou com 8h30m de HQI e 13h nas actínicas.

 

Devo reduzir para 8 e 10 respectivamente?

 

No entanto, vou seguir as sugestões do Nuno

 

Abraços.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Viva JR

O que te aconteceu é normal . A luz é um factor necessário mas no entanto, não suficiente para o crescimento de algas. Isto significa que tens nitratos e/ou fosfatos no teu aquario. A luz estava a limitar o seu crescimento.

O que são parametros ok? Fosfatos ? ( apenas vale a pena medires com o teste da rowa) ; nitratos ? calcio? kH?

Parece-me que o mais importante é:

- colocares uma esponja de fosfatos ( rowaphos é a melhor )

- adicionares mais Kalkwasser ( vê o kH e o calcio ) para estimulares a competição da coralina

- equipa de limpeza como o Nuno disse

- Mudanças de água e reposições com água de osmose

- Parares com qualquer outro aditivo que contenha vitaminas , ferro ou aminoacidos

 

Eu não sou muito adepto de cortar na luz. É apenas uma medida de efeito temporário .

Qual o teu setup e rotina de manutenção. Quais os seres vivos e frequençia de alimentação?

Cump.

Rui

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pois... talvez tenha mesmo fosfatos, pois os nitratos estão nos 0,2ppm.

Vou comprar então esse teste e a esponja que falas da Rowa.

 

Quanto ao Setup: 100x38x60 sem sump; Escumador Aqua-Medic Miniflotor; 3 bombas de circulação (já não sei a sua potência); +- 15 kg Rocha viva; Fundo de areão médio com 10 cm altura; Iluminação já descrita neste tópico.

 

Quanto às rotinas de manutenção: Tpa`s com água de osmose (3 estadios e DI); mensalmente mudo 20% com água do Cabo Raso; Adição esporádica de Hidróxido de Cálcio, Iodo e Combi Sam.

 

Parãmetros:

Temperatura: 25,5 graus Celsius

Ph: 8

Salinidade: 1022 - 1029;

Kh: 8

Nitratos: 0,2ppm

Nitritos; 0,05ppm

Amónia: 0

 

Alimentação: 2x/ dia - Flocos JBL Marine e Comida congelada (Mix).

 

Seres vivos:

2 Palhaços;

3 Donzelas;

1 caboz pequeno (acho eu), 13 Camarões, 10 Burriés, 2 anémonas (pequenas)- tudo da nossa costa;

5 Nassarius;

1 Ofiúro;

1 Sarcophyton;

1 Coral mole (não sei o nome);

1 Colónia de Halimeda.

...

 

E é isto, se achares que é preciso saber mais alguma coisa diz.

 

Abraço e obrigado pela tua ajuda.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá,

 

Pois... talvez tenha mesmo fosfatos, pois os nitratos estão nos 0,2ppm.

 

É uma boa hipótese mas eu diria que será importante ter em conta outros factores...

 

Quanto ao Setup: 100x38x60 sem sump; Escumador Aqua-Medic Miniflotor; 3 bombas de circulação (já não sei a sua potência); +- 15 kg Rocha viva; Fundo de areão médio com 10 cm altura; Iluminação já descrita neste tópico.

 

Não nos indicas-te qual o caudal (e não a potência) das bombas, mas o meu palpite é que seja muito reduzido! Acho que pela quantidade de algas deverás estar com pouca circulação. A Rocha viva não é muita pelo que um escumador mais potente não seria má ideia

 

Quanto às rotinas de manutenção: Tpa`s com água de osmose (3 estadios e DI); mensalmente mudo 20% com água do Cabo Raso; Adição esporádica de Hidróxido de Cálcio, Iodo e Combi Sam.

 

TPA´s com água de osmose está correcto, mas não dizes qual a sua periodicidade nem a quantidade - essa é a chave do sucesso! No meu aqua fiz TPA´s de 15% semanais durante 3 meses e agora estou a fazer os mesmos 15% de 2 em 2 semanas.

 

Deves parar de adicionar o Combisan pois apenas estás a adicionar nutrientes para as algas crescerem ainda mais.

 

Espero ter ajudado.

Abraço,

Diogo

Share this post


Link to post
Share on other sites

JR explica-me estes valores:

 

pois os nitratos estão nos 0,2ppm
Com que teste estás a medir? 0,2 ppm ou seja 0,2 mg / l é de uma precisão extrema? não haverá algum engano? Eu uso o teste de nitratos da Tunze que é muito preciso e não dá valores decimais.

 

Salinidade: 1022 - 1029
Isto é um intervalo muito grande de variação :!:

 

De resto, aposta na equipa de limpeza para o Combisan e mais 5 Kg de rocha viva de boa qualidade ajudava como disse o Diogo.

Cump.

Rui

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mais uma vez obrigado pela vossa ajuda, Diogo e Rui.

 

De facto, tenho mesmo que investir mais uns euros :?: ... tem que ser.

 

Tenho que comprar (desculpem descrever aqui... mas é para me comprometer!!):

Uma bomba de circulação potente (com um bom caudal);

5 kg de rocha viva;

Seres para ajudar na limpeza (ermita, salária, etc.);

Esponja anti-fosfatos da Rowa;

Teste Fosfatos da Rowa;

Sal.

 

Já agora, :D quanto é que acham que irei gastar?? Alguém tem para venda alguma das coisas?

 

Irei também aumentar a frequência das TPA`s (quinzenalmente - 20%).

 

Rui:

O valor de 0,2ppm é uma estimativa... o teste é da JBL e a sua escala é de múltiplos de 0,5ppm... como a cor que tenho fica entre os valores 0 e 0,5... resolvi fazer eu o acerto :wink: .

 

Quanto à salinidade... realmente não tenho conseguido a sua estabilização. Tenho que caprichar nesse aspecto.

 

Abraços, vou de férias... agora só para o ano!! O meu aquário vai ter que aguentar uns dias:oops: ... mas para o ano venho decidido!

 

Já agora, bom ano para todos! :wink:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa tarde

 

Rui:

Parares com qualquer outro aditivo que contenha vitaminas , ferro ou aminoacidos

 

Eu coloco 1 colher de cha de limao na preparaçao da comida dos meus peixes. Esta dose dura uma semana. Portanto, a introduçao de limao e muito espaçada.

 

Deverei parei com este procedimento.

 

Grato pela atençao

Pedro Ferrer

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não Pedro. Não vejo qualquer problema no limão. Estava a falar em aditivos ricos em microelementos e em aminoacidos para quem tem problemas de algas, porque potenciam o seu crescimento.

Quem não tem problemas de microalgas e tem os corais e as macroalgas em crescimento activo até pode ser interessante usar aditivos, sobretudo se se fizrem poucas mudanças de água, nomeadamente Estroncio, ferro e iodo.

Cump.

Rui

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sign in to follow this