Sign in to follow this  
Ricardo A. Domingues

Quando trocar de substrato?

Recommended Posts

Viva pessoal do fórum.

 

Após alguma pesquisa não consegui encontrar resposta a esta questão, por isso aqui lanço um novo post.

 

Estou a pensar em renovar o meu aquário, no entanto não tenho a certeza se poderei aproveitar o mesmo substrato para as plantas. Já ouvi dizer nas lojas que os substratos têm sensivelmente a duração de 1 ano e depois vão para o lixo, devendo ser substituído. Até me chegaram a sugerir bioballs da JBL em vez de substrato para plantas, pois iria sair mais barato e daria menos trabalho.

 

O substrato que adquiri é ADA Aquasoil Amazonia e está no aquário há 2 anos e meio. Não é propriamente um substrato barato e como os grânulos ainda estão intactos, julgo ser ainda possível aproveitá-los.

 

O que me dizem?

Edited by PSIQUICO

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá

 

A questão do substrato é das mais faladas por aqui, por isso o meu interesse.

O substrato que adquiriu é realmente dos melhores e deve até durar mais tempo do que o indicado nas lojas. Já experimentámos cá em casa vara opções e temos tido aquas plantados a funcionar durante bem mais do que isso.

A coisa melindra-se quando falamos de reutilizar um substrato já com dois anos e picos...em principio é possível e até pode haver algum beneficio disso (as boas das bactérias instaladas...). Contudo pode tornar-se algo complicado de separar o substrato do areão. Enfim, nada que uma enorme trabalheira não resolva.

 

Mas por cá experimentámos uma receita já com uns anos aqui do fórum: humus de minhoca e turfa. Tudo bem fervido e lavado, numa mistura de 60/40 e ainda com adição de um pouco de JBL Aqua Basis. Fizemos a instalação de dois aquas de 150 lts (uma bateria) vai já para 7 meses e as plantas estão muito bem. Sai bem mais barato, apesar de dar muito mais trabalho. Não sendo excêntricos (infelizmente o Euromilhões anda arredio) foi uma maneira de controlar custos sem reduzir a capacidade do plantado. E até agora está a resultar. Vamos repetir a dose para o resto dos aquas que ainda vamos montar.

 

Se precisar de alguma ajuda, cá estaremos para poder dar uma mãozinha.

 

Cumprimentos

Share this post


Link to post
Share on other sites

Obrigado pela resposta :smile2:

 

Relativamente a separar o substrato do areão, estou ciente que dará algum trabalho. No entanto uso areia de sílica moída e a granulometria do substrato parece gigante quando comparada com a areia. Acho que um passador dos grandes será suficiente para conseguir separar um bom bocado do substrato.

 

A questão com que me deparo é se o substrato ainda teria algo de proveitoso para as plantas (incluindo as tais bactérias), passados 2 anos e meio.

 

Há uns tempos atrás andei a sondar o método do húmus de minhoca. Parece-me muito bem, mas lá está, o trabalho que requer assusta-me um bocado. Já para não falar na minha mulher, que nunca na vida me iria deixar utilizar uma panela para ferver aquilo. :girlhitboy:

 

Falando em substratos mais naturais e económicos, como só um lado do aquário levou substrato e algumas espécies de plantas resolveram invadir a zona de areão, para ajudar no seu crescimento roubei um pouco de turfa em rama que estava a usar no filtro e enterrei nessa zona. O resultado foi um crescimento desenfreado de runners por todo o lado, os quais tive de cortar mais tarde. Fiquei no entanto sem saber se este crescimento se deveu de facto à turfa ou se as plantas se desenvolvem mesmo na areia simples.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sign in to follow this