Sign in to follow this  
indian_joe

Algas Filamentosas

Recommended Posts

Boas,

 

Estou com um surto de algas filamentosas no meu aquário que embora se apresente no inicio, gostaria que não tomasse proporções desastrosas. O aquário encontra-se em ciclagem e foi montado à cerca de 3 semanas, sem qualquer introdução de bactérias no filtro. Tenho introduzido peixes no aquário faseada mente com 2 neons e 4 rasboras, e neste fim de semana introduzi 1 casal de Ramirezi's. (Os peixes estão em óptimas condições e não apresentam níveis de stress)

 

Setup:

 

Aquário 1500x500x500 --> +- 350L

 

Filtro 1200l/h JBL Cristal Profi 500

 

Filtro UV 9W JBl ---> 100L/H 24Horas

 

Substrato:

 

Akadama 45L

JBL Pro Flora Start 10L

 

Iluminação 3x80W --> Fotoperiodo de 10 Horas (Obrigado Ramirez pelos conselhos e pela bela calha)

 

CO2 Caseiro --> 1 garrafa de 1L

 

Flora:

 

Vallisnerias Nana --->equivalente a 5 vasos

Eleocharis parvula ---> equivalente a 3 vasos

Hemianthus Micranthemoides ---> equivalente a 2 Vasos (Obrigado João Abóbora)

Microsorum Pteropus ---> somente uma

Blixa Japónica ---> 8 Pés (Obrigado João Abóbora)

Glossostigma elatinoides ---> Equivalente a 1 vaso

 

Fauna:

 

2 Neon's

4 Rasboras

2 rams

8 Caridinas

2 Otto's

5 Red's

1 Neritina

 

Parâmetros da água:

 

Ph ---> 6.8

Kh ---> ???

Dh ---> ???

NO2 ---> 0

NO3 --->10

NH3 ---> 0

PO4 ---> 0.25

K ---> ???

 

T.P.A ---> 20L / Dia

 

Conclusão:

 

Não me consigo aperceber do problema que levou ao aparecimento de algas filamentosas a não ser o facto de o aquário se encontrar em maturação e o ciclo do azoto ainda não se encontrar concluido... De qualquer das formas gostaria de ler a opinião de quem percebe realmente disto, porque aquários plantados para mim ainda é um mundo novo!!!! :)

Como tratar deste problema??? Não gostaria de introduzir SAE pois tornam-se agressivos quando grandinhos, que outras opções tenho???

 

Obrigado desde já pelos comentários!!!

 

Cumps,

José Graça

Edited by indian_joe

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas! Quando monto um aquário novo, costumo colocar apenas 2/3 ou mesmo 1/2 da luz que o aqua terá de futuro. O suficiente para as plantas se instalarem minimamente bem e ganharem avanço em relação às algas.Quando vejo que a batalha está ganha, ou seja as plantas estão a desenvolver, acrescento a restante luz. Convém também colocar o máximo de plantas possivel de inicio. Estou a montar um aqua novo,está neste momento a ciclar e tenho tido bons resultados. Porém não te preocupes,como já meteste a luz toda,não convém retirá-la agora,para as plantas não se ressentirem.Com tpa´s isso vai ao lugar.A flora vai tomar conta do sitio e a fauna vai comer o resto.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia

 

A principio parece tudo bem deve ter sido uma mudança nos nutrientes e não deves ter notado, continua com as tpas.

 

Só não gostei de uma coisa do que li.

 

Filtro UV 9W JBl ---> 100L/H 24Horas

 

Se o aquario esta no inicio e tens o filtro uv ligado 24h por dia vais matar as bacterias todas, boas e más, mas principalmente as bacterias boas que são essenciais para o aquário, reduz o tempo de funcionamento do uv, provavelmente tens poucas bacterias o que vai provocar alguns desiquilibrios ao nivel dos parametros da agua.

 

Cumprimentos Jofra

Share this post


Link to post
Share on other sites

O Jofra tem razão,mas tens o filtro UV a funcionar desde o inicio ou colocaste quando viste as algas?

Share this post


Link to post
Share on other sites

as bactérias nitrificantes encontram-se maioritariamente nas matérias filtrantes dentro do filtro, minoritariamente nas superfícies do aquário (vidras, areão, troncos, decorações), e residualmente na água. Por causa delas não é preciso desligar o UV, só nas horas seguintes a meter bactérias líquidas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas então coloco uma questão

 

Como chegam as bactérias ao filtro? Não é através da água? Se ele colocou o filtro uv muito cedo na montagem 24 horas por dia o filtro pode não ter adquirido a quantidade normal das bactérias pois estas não existiam em número suficiente.

 

Ps: nunoni não estou a duvidar da tua palavra mas penso que a única maneira de o filtro adquirir bactérias é pela água a não ser que se ponha bactérias directamente no filtro.

 

Cumprimentos Jofra

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim, tem lógica. A utilização de UV só mesmo em casos extremos,em que não há outra solução possivel,normalmente penso que não se deveria colocar,acho que o aquário deve maturar naturalmente,e naturalmente também ele irá ao sitio com o tempo,pois as plantas acabarão por dominar as algas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Também já tive o teu problema que desapareceu com TPA diárias (10%) e comprei uns SAE (Siamese Alge Eather) que limparam as algas todinhas das plantas, rochas e troncos.

 

Boa Sorte

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas,

 

E desde já obrigado a todos pela vossa intervenção...

 

Realmente coloquei o filtro a funcionar 24h/dia após o aparecimento das algas.... O filtro UV está colocado na saída do filtro para o aquário e não na entrada. Mas expliquem-me uma coisa se o filtro UV realmente me matasse as bactérias nitrificantes em percentagem elevada, não deveria ter valores de nitratos e fosfatos mais elevados??? :wacko:

 

Seja como for, vou então reduzir o funcionamento da UV... Sei que não as vou conseguir extinguir, enquanto o ciclo não estiver concluido isso não vai acontecer, apenas gostava de atenuar as algas filamentosas que se agarraram principalmente às vallinerias nana e de que maneira.

Os ottos e as caridinas não têm sido eficientes :sleeping: , e quanto aos SAE não gostaria de os meter porque depois não os consigo apanhar para os retirar do aquário!!! :grab:

Hoje retirei 40L na TPA aproveitando para aspirar as filamentosas que conseguia, embora seja bastante difícil desgrudarem... :)

 

 

Um abraço,

José Graça

Edited by indian_joe

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá

 

Realmente coloquei o filtro a funcionar 24h/dia após o aparecimento das algas.... O filtro UV está colocado na saída do filtro para o aquário e não na entrada. Mas expliquem-me uma coisa se o filtro UV realmente me matasse as bactérias nitrificantes em percentagem elevada, não deveria ter valores de nitratos e fosfatos mais elevados???

 

Tens razão mas o controlo de algas num aquário só se consegue através do equilíbrio dos nutrientes na água e esse equilíbrio alcança-se com fertilizações acertadas, trocas de água semanais para remover o que está a mais e adicionar o que falta e por fim uma boa equipa de limpeza.

 

Quanto ao filtro UV acho que só o devias ligar durante cerca de 3 horas. Depois, não devias fazer tpa's diárias pois isso não deixa estabilizar a água no aquário nem as bactérias do filtro. Por fim acho que devias reduzir o fotoperíodo para 8 horas.

 

Cumps.

Share this post


Link to post
Share on other sites

isto das uvs e das bactérias está complicado... pessoal as bactérias estão a colonizar o filtro e o areão...ou já lá estão ou então a amonia e os nitritos estavam em alta e a peixeirada toda morta. as algas alimentam-se de nitratos e fosfatos pelo que é sinal que alguem já lá está a cria-los a partir dos elementos de decomposição organica originais (amonia 1º e nitritos 2º).

visto a UV estar correctamente instalada a saida do filtro para o aqua.... qual é o problema de estar ali 24 horas a queimar algas? as bacterias q se estão a criar no areão e q se lembrarem de viajar vão ao encontro das colonias do filtro.....as do filtro teem mais é que ter superficie suficientemente rugosa e porosa para se instalarem..... não é na saida do filtro até ao aqua que se vão criar bacterias..... metam uma coisa na cabeça...as bacterias que nos interessam fazem colonias e não se andam a atirar para o fluxo do filtro como se estivessem na montanha russa. por isso pagamos tão mais caro por materias porosas como Substrat Pro ou Siporax.... é para elas se meterem lá dentro e formarem colonias numerosas e abundantes.... as q se largam ou estão mortas ou não gostam de trabalhar e andam a procura de encosto....o q pode ser no organismo dos nossos peixes....e é tambem para q isso não aconteça que lá pomos as UVs.

Edited by Peninha

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas,

 

Reduzi o fotoperiodo em 1 hora e coloquei três SAE bastante juvenis que por enquanto ainda não prestaram a mínima atençao às algas #food e aproveitam para fazer testes cooper á volta do perímetro do aquário, malandros... :) (Será por serem jovem???)

Quanto às TPA's segui o conselho do Franfish e vou alternando às TPA's de três em três dia 40L para ver no que isto dá...ontem não mudei e o que pude reparar é que o akadama ficou com uma espécie de névoa de algas a cobri-lo...

 

Quanto à polémica UV reduzi para 5horas/dia e vamos ver se noto diferenças na àgua e plantas!!!! ;)

 

Cumprimentos

José Graça

Share this post


Link to post
Share on other sites

a diferença mais notavel vai ser na tua conta da EDP. por outro lado podes seguramente ligar isso 24/24h se notares que estão a aumentar as algas... eu no meu plantado q tem 450l tenho uma 36W na sump e uma 5W a trabalhar no lado oposto à overflow, só para garantir que não falho nenhuma algosa.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas,

 

As algas por enquanto estão a levar a melhor... mas não desisto!!! :wink:

Com o alargar das TPA's a situação manteve-se inalterada o que julgo que seja positivo, tanto mais não seja para as minhas costas. bigsmile

Os nitratos encontram-se com 5 mg/L e os fosfatos a 0 mg/L... quererá isto dizer que as plantas e as algas estão a consumir todos os nutrientes que se encontram na água??? As plantas encontram-se bem de saúde e a eleocharis já começou a propagar-se, espero que as plantas quando se encontrarem em maior numero arrumem de vez com elas..

Neste momento encontro-me com um fotoperiodo de 8/dia, vou tentar reduzir gradualmente para 6/dia e ver no que isto vai dar!!!! Se no final se mantiver vai um apagão de 2 ou três dias... bigsmile

 

Não sei se ajuda ou não mas aqui vai o que li sobre a utilização da UV... (Isto sobre as desvantagens num plantado)

 

"Profiláticos para as algas

 

Os esporos das algas estão em todo o lado e poderão estar sempre presentes num aquário, a não ser que se tomem algumas medidas drásticas. Para aquários só com peixes, um conjunto de ultra violetas correctamente montado para desinfecção, matará os esporos de algas existentes e prevenirá o seu ressurgimento.

 

Para aquários plantados, isto não é uma boa solução uma vez que a luz ultravioleta irá oxidar também alguns oligoelementos necessários às plantas limitando assim o potencial crescimento destas. Infelizmente, condições que são boas para o crescimento de plantas são-no também para as algas. Felizmente, as plantas ganham regra geral na competição pelos nutrientes disponíveis com as algas. No entanto, se existe um desequilíbrio com os nutrientes, as algas oportunisticamente usam tudo aquilo que não é usado pelas plantas superiores. Diferentes algas usam diferentes nutrientes, causando explosões esporádicas de novos tipos de algas em aquários aparentemente estáveis quando um desequilíbrio temporário ocorre. " - George Booth

 

Cumprimentos,

José Graça

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bem, no meu aquário, já por duas vezes em duas montagens, tive o surto das filamentosas.

 

Como as combati? Simples!

Reforçei dose diária de KCl + reforço de CO2 + 1 muda de água de 30% e VOILÁ!!

 

Bye bye filo! bigsmile:wink:

 

Não sei se é forma mais correcta, mas que resulta, resulta.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sign in to follow this