Sign in to follow this  
Travancas

Alternanthera reineckii "roseafolia" cheia de raíz

Recommended Posts

Boa tarde,

 

Comecei à pouco tempo o meu plantado, e passado cerca de 15 dias, as plantas continuam o seu crescimento felizmente sem muitas algas à mistura.

 

No entanto quando plantei a espécie Alternanthera reineckii "roseafolia", plantei o vaso inteiro da "Tropica" que devia ter uns 8/9 pés, com distâncias de +- 3 cms de afastamento entre cada pé. Na altura pareceram-me demasiados pés, mas acabei por plantar todo o vaso.

O que se passa é que a planta desenvolveu raízes aéreas relativamente compridas, brancas e grossas, ao longo do caule, que para mim são bastante inestéticas.

O que eu queria saber é se é normal haver uma quantidade tão grande

de raizes aéreas, ou isto se deve a problemas com as raizes que estão enterradas no substracto?

Haverá maneira de diminuir (sem podas), ou suprimir totalmente este tipo de compotamento na planta?

 

Gostava de saber das experiências dos membros deste fórum que têm esta planta nos seus plantados.

 

Podem ver aqui a fotografia da planta: http://www.megagaleria.com/pictures/Pic_5725_1.jpg

 

 

P.S. Para ver o meu plantado é só seguir o link no rodapé deste tópico.

Share this post


Link to post
Share on other sites

é normal. Podes retirar a tesourada essas raizes e aumentar aos poucos a quantidade de fertelizante que usas, e vais vendo.

 

Quando vires que a planta ja lança menos raizes e porque ja estas a satisfazer as necessidades da planta.

Share this post


Link to post
Share on other sites
é normal. Podes retirar a tesourada essas raizes e aumentar aos poucos a quantidade de fertelizante que usas, e vais vendo.

 

Quando vires que a planta ja lança menos raizes e porque ja estas a satisfazer as necessidades da planta.

 

Boa noite "nos",

 

Pelo que entendi, trata-se então de uma fase de estabilização, e no futuro se tudo correr bem, ajudado com as podas, estas raízes tendem a desaparecer ou diminuir, sendo apenas a planta "sustentada" pelas raízes no substracto.

O problema agora vai ser podar com todo o cuidado a "carrada" de raízes qua as plantas têm nos caules.

É trabalho para testar a paciência dum chinês!!

 

cumps

 

Travancas

Share this post


Link to post
Share on other sites

Podes sempre acelarar o processo fertilizando a zona com bocadinhos de adubo sólido

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tenho exactamente o mesmo problema com a althernanthera e também com a cobomba.

O problema é que as plantas têm crescido bastante, por isso é estranho que isto aconteça e que ela sinta falta de nutrientes.

 

De qualquer maneira... vou fertilizar ainda mais.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sign in to follow this