Novo membro desconhecido?


Filipe Coval

Recommended Posts

Boa noite a todos, hoje deparei-me com um novo membro no aquário que não faço ideia quem seja, só desconfio que tenha vindo junto de uma planta que adquiri a 1 semana.

 

Já tentei procurar por aqui em vários tópicos e ainda não consegui identificar esta espécie nem sei se é perigosa ou não nem como alimentar em caso de não ter prejudicial

67ae396b78942851ff3c899c9abc6482.jpg

b57e0ba49705ccc009db3c51474334dc.jpg

 

O membro em causa é aquele junto a planta que mal parece um pedaço de uma folha.

 

Obrigada desde já a todos

 

 

Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk

Link to comment
Share on other sites

Boa tarde,

Tenta retirar do aquário o quanto antes pois tem um apetite voraz e vai alimentar-se de tudo o que puder.

Trata-se de libélula no seu estado larvar, como disse antes, retirar antes que venha a causar danos.

Abraço

Cumprimentos
Ismael Figueira

Link to comment
Share on other sites

Boa tarde,

Tenta retirar do aquário o quanto antes pois tem um apetite voraz e vai alimentar-se de tudo o que puder.

Trata-se de libélula no seu estado larvar, como disse antes, retirar antes que venha a causar danos.

Abraço

Cumprimentos
Ismael Figueira



Obrigada Ismael, achas possível que causado a morte a algum néon? A uns 2 dias apareceu-me uma morto do nada, sem qualquer sinal de doença ou algo do género.

Vou tentar tirar o mais rápido possível, assim que o encontrar de novo, é mestre na camuflagem.


Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
Link to comment
Share on other sites

Normalmente atacam elementos mais pequenos e vulneráveis, como alevins e até mesmo camarões, mas acredito que sejam capazes de atacar peixes que estejam vulneráveis por alguma razão, quer seja por alguma doença ou até mesmo parâmetros da química da água desadequados à espécie.

Mesmo que consigas remover essa larva de libélula continua atento pois pode haver mais.



Cumprimentos
Ismael Figueira

Link to comment
Share on other sites

Normalmente atacam elementos mais pequenos e vulneráveis, como alevins e até mesmo camarões, mas acredito que sejam capazes de atacar peixes que estejam vulneráveis por alguma razão, quer seja por alguma doença ou até mesmo parâmetros da química da água desadequados à espécie.

Mesmo que consigas remover essa larva de libélula continua atento pois pode haver mais.



Cumprimentos
Ismael Figueira



Obrigada Ismael, entretanto vi um vídeo no YouTube de um já adulto a matar peixes com uma facilidade enorme

Até fico triste se realmente existir mais, pois em 2 semanas parto de férias para Portugal durante 3 semanas, acho que já sei o que me espera quando voltar :(


Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
Link to comment
Share on other sites