PAFS

Aqua - SUSSOA

Recommended Posts

On 06/03/2017 at 9:13 PM, Gonçalo84 disse:

Boas Paulo, então o que é feito do difusor da ADA? Partiu ou está a limpar?

Não  tenho mãos de chumbo...mas azares podem acontecer ok. 

Mas está tudo bem. Fica de suplente. 

 

Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk

Edited by PAFS

Share this post


Link to post
Share on other sites

Deves pensar que tenho mãos de chumbo...

Pensa!

 

Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk

 

?

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

 

Bom dia caros amigos,

Eu é que vos agradeço pela presença e palavras de incentivo que nunca são demais.

 

Bem haja a ambos,

Nao quer desvendar a tal rede que usou para dividir os substratos?

 

Cumps

Share this post


Link to post
Share on other sites

Paulo Boa noite,

 

Estou curioso por saber o que andaste a por aí por baixo desse substrato, cheira-me que será diferente de todas as ideologias criadas á volta dos sofisticados sistemas de substratos que estão disponíves no mercado.

O que é facto é que estamos perante algo equilibrado e com um aspecto bastante saudavél, e acima de tudo perfeitamente sustentável.

 

Uma questão perante os factores co2/lluminação... A que altura do fotoperiodo essas belas plantas que aí tens começam a fazer o famoso pearling?

 

E já agora fiquei intrigado com este tubo, tem alguma função em particular?

Sem%20Ttulo_zps8l5tosex.png

 

 

Grande abraço

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nao quer desvendar a tal rede que usou para dividir os substratos?

 

Cumps

 

Olá Miguel Bom dia,

 

Antes de mais as minhas desculpas pelo lapso mas não reparei na tua questão amigo.

 

Eu não usei nada a separar os substratos. Nunca faço isso. Meto o fertil, que neste caso foi o Tropica PLant Growth e logo por cima o Tropica Soil (medio).

Em todas as montagens meto sempre substratos novos. Nunca uso o mesmo substrato e por isso nunca os separo.

 

E isto porque se meteres alguma rede (não estou a ver outra coisa que possa ser) para separar os substratos vais ter um problema à frente.

Se precisares mexer no layout, em termos de deslocar ou retirar alguma planta, quando o tentares fazer provavelmente não vais conseguir porque as raizes emaranham-se/entrelaçam na rede. Ao puchares a planta vem tudo atrás. E o mesmo acontece quando se planta. Ao espetares a pinça tenho serio duvidas que com uma rede lá embaixo as raizes fiquem bem tratadas no momento do plantio. Parte-se tudo certamente.

 

Ou no limite tens que cortar a planta mas a raiz fica lá embaixo a apodrecer ou volta a aparecer a planta mais tarde porque a raiz ficou lá :)

E pior.. ao minimo toque para retirar uma planta com a rede lá embaixo estás a levantar a rede e a remexer os substrato do aquario.. não convém mesmo.. :)

 

Abração.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Olá Miguel Bom dia,

 

Antes de mais as minhas desculpas pelo lapso mas não reparei na tua questão amigo.

 

Eu não usei nada a separar os substratos. Nunca faço isso. Meto o fertil, que neste caso foi o Tropica PLant Growth e logo por cima o Tropica Soil (medio).

Em todas as montagens meto sempre substratos novos. Nunca uso o mesmo substrato e por isso nunca os separo.

 

E isto porque se meteres alguma rede (não estou a ver outra coisa que possa ser) para separar os substratos vais ter um problema à frente.

Se precisares mexer no layout, em termos de deslocar ou retirar alguma planta, quando o tentares fazer provavelmente não vais conseguir porque as raizes emaranham-se/entrelaçam na rede. Ao puchares a planta vem tudo atrás. E o mesmo acontece quando se planta. Ao espetares a pinça tenho serio duvidas que com uma rede lá embaixo as raizes fiquem bem tratadas no momento do plantio. Parte-se tudo certamente.

 

Ou no limite tens que cortar a planta mas a raiz fica lá embaixo a apodrecer ou volta a aparecer a planta mais tarde porque a raiz ficou lá :)

E pior.. ao minimo toque para retirar uma planta com a rede lá embaixo estás a levantar a rede e a remexer os substrato do aquario.. não convém mesmo.. :)

 

Abração.

Bom dia PAFS.

 

Num post de um membro comentou o seguinte;

"

Ainda no meu aquario por exemplo tenho o fertil separado do granulado com uma rede de jardinagem que comprei no leroy. Nunca tinha revelado isto a ninguem, pois são experiências minhas mas está lá. "

 

Foi daqui que fiquei com a pulga atras da orelha, mas tambem já tinha questionado a mim proprio a questao das raizes...

 

Cumps.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia,

 

Esclarecendo um pouco a questão do fertil. Porque isto não foi fácil e tem alguma história por trás que não gosto muito de recordar.

 

Quando á uns dois anos atrás usei o sistema da ADA num dos meus aquarios foi um total desastre e espalhei-me ao comprido. Porque não sabia lidar com o mesmo e passado um mês fui fazer testes para saber a quantas andava ao nivel de nitratos e fosfatos e aquilo dava zero.. e assim por falta de estar devidamente esclarecido decidi num impeto irracional aplicar a famosa "Estimativa Index" com o sistema completo da ADA porque pensava eu estava sem fertilização e o substrato já se havia esgotado. Nada mais errado! Foi um desastre completo com um boom de algas como nunca tinha visto, e inicialmente pensei em desmantelar o aquario mas depois não o fiz. (Por aqui também percebem porque sou muito renitente no uso da EI sem qualquer critério). E não o fiz porque pensei que já que estou nesta situação vou usar este aquário para aprender a erradicar algas (pelo menos ia tentar) e outros malefícios e sobretudo estudar a trilogoia CO2/FERT/Luz. (Equilibrio)

 

Foi nessa altura também que decidi abordar a ADA em pessoa, via contactos telefónicos e email e consegui saber a fundo como funciona o sistema da ADA.

E ainda gente do meio aquático como pessoal que trabalha no Aquario Vasco da Gama, Biólogos, catedráticos, faculdades etc) Andei um ano e tal a colocar duvidas e a recolher informação de todo o lado sobre aquariofilia.

 

Resumindo assim e à semelhança da ADA o que eu fiz foi aplicar uma fertilização de libertação média a prolongada (não vou revelar publicamente a marca e composição dos nutrientes) e pedras porosas.

 

As pedras porosas ficaram assentes no fundo no vidro e a fertilização ficou entre a primeira e a segunda camada de Plant Growth reforçando assim o mesmo substrato. Era a ideia que tinha em mente desde que usei e estudei a fundo o sistema da ADA como referi lá atrás.

 

A ADA funciona nesse principio. Têm o Power Sand que mais não são que pedras porosas carregadas de enzimas e bactérias (bacter 100 em adição por exemplo) que colonizam o fundo do aquário reforçando a argila da Amazonia via da conversão.

Se formos ver bem meus amigos, Isto é quase como ter um filtro biológico lá debaixo, a decompor tudo. Filtro este não eterno é claro mas com uma vida util bastante prolongada.

 

Se atendermos a que a grande maioria das plantas que usamos são radiculares é expectável que o substrato se esgote em menos de um tirinho. Logo o Sr. Amano engendrou este sistema e muito bem. Deus o guarde e abençoe.

 

Depois e como já disse tantas vezes sem conta por estes foruns, não é em vão que no sistema da ADA apenas adicionam K (Brighty K) e pouco mais de FE (Step 1) durante o primeiro ano de vida do aquário dependendo da massa florestal e da luz. Porque efectivamente não será necessário muito mais que isso desde que o aquário tenha o sistema completo da ADA e não andarem a misturar como se vê por aí e que eu não advogo.

 

Pois bem, eu aqui tambem pensei que podia ficar descansado e ao que parece acertei em cheio.

 

Eu adiciono K e FE com as minhas TPA. Como sabem e já disse tambem vezes sem conta, faço duas a três TPA por semana porque a minha água de rede tem sempre entre 15 a 20 PPM de K e FE em abundância ;) E até nisto vou de acordo com o Sr. Amano porque este também era defensor de se efectuar muitas TPA.

 

Mas tinha um problema .. eu não podia "injectar" nada nas pedras, logo usei como alternativa uma fertilização que estudei de entre as muitas do mercado e achei que o risco valeria a pena. Se não resultasse, no limite o que podia acontecer era ter que fertilizar directamente na água. Mas por outro lado tambem corria o risco de carregar demais o substrato com fertilizante e ter sérios problemas com excessos e foi essa parte que durante alguns meses andei a estudar e a testar.

 

Desse fertilizante, e num aquário de 30 Litros sem plantas, e apenas com água fui fazendo vários carregamentos do fertilizante lá para dentroe ia monitorizando a libertação dos nutrientes através de testes.

 

Separei por categorias e congelei os grãos desse fertilizante em cubos no frigorifico em porções de 20 gr.dentro das cóvetes do gelo.

Comecei por baixo e todas as semanas adicionava mais um cubo e monitorizava para saber em quantos PPM cada cubo aumentava o nível da Fert e por quanto tempo se mantinha nesses valores até á adição de novo cubo.

 

Bastava-me isto porque a capacidade e volume de absorção das plantas já a sabemos! Obrigado Sr. T. Barr!

 

Assim acertei e apontei para os 30 PPM porque deduzindo uma absorção máxima iria ter sempre uma reserva de 10 a 15 PPM para luz média a alta.

E monitorizando e se faltasse mais fert bastaria para tal enterrar um ou dois ou três cubos de fertilizante pelo substrato abaixo.

 

Como está em gelo, é fácil enterrar ate ao fundo e por lá a agua congelada derrete e libertando os grãos de fértil no substrato. ;)

 

Para já considero uma aposta ganha e uma tranquilidade enorme. Só tenho que me preocupar com a tesoura.

 

O aquário está estabilizado, missão cumprida e teste positivo, por isso agora vou dedicar-me a estudar plantas que nunca usei para depois aplicar no próximo layout.

 

A primeira já lá está e é a Rotala Wallichi.

 

Bem haja,


Miguel,

 

Foi noutro aquario não era este. Expressei-me mal então. Mas retirei que aquilo ia dar barraca pelas razões que já te disse. Foi num aquario que tinha e fazia testes. Desculpas.

 

Abração.

Edited by PAFS
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Faltou esclarecer que quando refiro 30 PPM estou a referir aos Nitratos. Eu regulo-me sempre pelo NO3 considerando que o PO4 andará numa escala perto do 10:1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Paulo Boa noite,

 

Estou curioso por saber o que andaste a por aí por baixo desse substrato, cheira-me que será diferente de todas as ideologias criadas á volta dos sofisticados sistemas de substratos que estão disponíves no mercado.

O que é facto é que estamos perante algo equilibrado e com um aspecto bastante saudavél, e acima de tudo perfeitamente sustentável.

 

Uma questão perante os factores co2/lluminação... A que altura do fotoperiodo essas belas plantas que aí tens começam a fazer o famoso pearling?

 

E já agora fiquei intrigado com este tubo, tem alguma função em particular?

Sem%20Ttulo_zps8l5tosex.png

 

 

Grande abraço

 

Olá Ismael,

 

Aquilo é uma varinha de plástico para endireitar alguns pés da Limnophilla que estão agora a sair. Para não cairem para a frente. E tambem suportar as que já estão grandes pois os caules são tão grossos que com o pedo superior da planta ao inclinar partem.

 

O efeito de Pearling ocorre algures passado umas 3 ou 4 horas não sei precisar com exactidão. Ou seja quase a meio do fotoperiodo.

 

Tenho ali mais alguns truques que assim que possa vou fotografar e envio-te se quiseres aplicar ;) manhozices e experiências eh eh eh :)

 

Grande abração.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia Paulo,

 

Antes demais louvo todo o estudo e dedicação, que apesar da roda já ter sido inventada há muito tempo há sempre formas diferentes de a fazer rodar.

 

Portanto resumindo aqui as coisas, reforçaste o fértil de forma a prolongar o seu tempo de vida e arranjaste forma de ir adicionando fertilização no solo assim que os nutrientes deixados por baixo do substrato começassem a escassear.

É com certeza um grande risco meter tamanha carga de nutrientes debaixo do substrato ainda que testado num aquário de menores dimensões. Estava correto quando disse que estarias a testar algo diferente...

 

Mas coloco aqui uma questão.. As plantas são seres vivos e como tal tem grande capacidade de adaptação ao meio em que estão inseridas mas ainda assim as plantas que fazem o consumo de nutrientes de forma foliar ficam comprometidas. Correto? Neste layout não é grande problema uma vez que grande parte das plantas são radiculares.

 

A questão do pearling foi no sentido de perceber se existe alguma ligação entre o período que este começa e o equilíbrio que temos entre os factores co2/Luz.

 

Quanto aos truques e manhozices força manda lá isso, todos nós gostamos de saber truques e dicas que nos ajudem a lidar com os nossos aquários.

O português é e será sempre conhecido por ser um "bricolas".

 

Grande abraço

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ismael,

 

Não adiciono nada no solo embora como disse preparei-me para tal e daí os cubos congelados. Mas estou certo que o que está lá por baixo terá que ser reforçado mais tarde ou mais cedo. Entram mais cubinhos!

 

Os nutrientes chegam sempre também à coluna de água. Vão sendo lentamente libertados la por baixo e uma parte acaba sempre por chegar à agua mas a grande concentração está lá em baixo certamente. Mas como a libertação dos mesmos é muito lenta, conforme vai libertando vão sendo consumidos.

 

Foi esse equilibrio que procurei nos testes. Usei 30 litros porque neste aquario iria ter 120 litros reais, e daí multipliquei por 4 mas como isto não é uma regra rigida joguei por baixo um pouco menos e fiz bem.

 

Mas mesmo assim a dada altura perto do inicio tive um pico de GSA e tive que corrigir o PO4 para a combater. Não sei se foi por ter naquela altura aumentado a luz, ou se foi devido a poda mais acentuada o que originou o menor consumo dos nutrientes. Quanto a mim foi da poda. É por isso que desde aí só tenho dado podas pontuais. Este fim de semana que passou só podei a Tripartida. Se podar demais vai sobrar nutrientes. mas Isto não é um inconveniente deste sistema mas de todos. Como a adição não é a gosto (manual) temos que ter cuidado com outras rotinas. Imagina.. se mandar um poda daquelas valentes a rasar tudo o que vai acontecer? Percebes?

 

Embora isto tambem sirva para chamar a atenção a todos. Quando se manda um poda valente nos nossos aquarios é necessário rever a dosagem dos fertilizantes que adicionam uma vez que a floresta a alimentar é bem menor.

 

Como seja a embalagem refere que a partição dos nutrientes dá para 8 a 12 meses. E até aqui já lá vão 5 meses e ainda não meti mais e nem gastei mais que os 10 euros que custou a dita embalagem ;) 10 euritos...

 

E pelo menos até aqui considero estar bem mais seguro que usando a "EI" com todos os cuidados extremos que esta exige já para não falar das suas variações. A malta não pode esquecer que o principio da "EI" é dar por excesso. Excesso esse retirado com as famosas TPA de 50%.. ou seja andar sempre nos limites..

 

Abração


Adicionalmente:

 

Quando testei a água este fim de semana tinha apenas 5 a 10 PPm de NO3. Continua estavel. Quando fiz as contas para 30 PPM deduzindo o intake máximo seria para estar sempre com um valor fixo de 10 se as plantas estivessem no maximo de 20.

 

Como joguei por baixo, e dá 5 a 10 as plantas estão com um intake na ordem dos 10 a 15. Não mais que isso. Em conjugação com a Luz claro está. Está no ponto! ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ignace,

 

É esta coloração da Blyxa a que se referiam?

 

18c389bcea80ad8dabc3bfeda896e7dc.jpg

 

Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk

Tirei agora mesmo a foto. Está a ficar toda assim..

 

 

Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk

Share this post


Link to post
Share on other sites

A Rotala walichi está assim neste momento .

Plantada no Sábado passado. Fantástica.. é linda esta planta.

Quando abrir mais vai ficar um espectáculo.

 

1a4176c8f96848a82f550a9291d68aa6.jpg

 

Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ainda fica mais, mas é esse tom espalhado por ela toda. Acredito que ao vivo esteja melhor. E vais ver que vais gostar mais de lhe ver com um bronze.

 

 

A walichii é linda, já tive e acho que a posição dela tem que ser muito bem escolhida pois sendo de manutenção mais difícil, deixa se dominar pelas que estão á volta. Pelo menos foi assim no meu caso.

Edited by ignace
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Viva Paulo,

 

está cada vez melhor.... tenho uma dúvida, as pedras que vi no vídeo que aparecem junto à parte de trás do lado esquerdo não estavam no início da montagem pois não?

 

Seja como for funcionam muito bem, agora que os "socalcos" "desapareceram" podias equacionar a hipótese de criar uma "parede de pedra" na parte de trás do aquário.

 

Com pedras ou sem é um regalo, tenho que arranjar um tempinho para te mostrar o matagal que mantenho num super low-tech. Claro que não tem comparação, mas está a ser uma experiência engraçada.

 

Um abraço.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia rapaziada!

 

Ontem tirei uma foto àquela pedrinha que tem BBA.

Já regrediu bastante mas está neste ponto igual à dois dias.

Ou seja.. os tufos já não estão tão grandes mas esta parte mais agarrada à pedra pelos vistos vai dar dor de cabeça. Que grande sacaninha esta alga.

É mesmo levada da breca catrino.

Mas é interessante perceber que começamos a fazê-la regredir e que em determinado ponto a resistividade dela é acrescida.

E se ela já levou à brava com a mistela que fiz e aguente-se firme neste ponto.

 

Logo vou aumentar o rácio da mistura que fiz no H2o2 de 10:1 para 10:2... tenho é que ver como proteger a fauna .. para não haver azares.

 

Esta é a zona onde cai a água que vem do outflow e onde está o difusor.. Logo onde existe maior concentração de co2 e corrente de água.

 

Podia simplesmente tirar essa pedra fora e assunto arrumado mas isso seria fácil demais. Quero ver se descubro uma maneira de dar cabo do canastro a esta fulana.

 

80be8b0707b45c0edab1bb6c0859cf42.jpg

 

Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk

Share this post


Link to post
Share on other sites

Viva Paulo,

 

está cada vez melhor.... tenho uma dúvida, as pedras que vi no vídeo que aparecem junto à parte de trás do lado esquerdo não estavam no início da montagem pois não?

 

Seja como for funcionam muito bem, agora que os "socalcos" "desapareceram" podias equacionar a hipótese de criar uma "parede de pedra" na parte de trás do aquário.

 

Com pedras ou sem é um regalo, tenho que arranjar um tempinho para te mostrar o matagal que mantenho num super low-tech. Claro que não tem comparação, mas está a ser uma experiência engraçada.

 

Um abraço.

 

Ola bom dia,

 

Antes de mais um grande obrigado por me acompanhares nesta jornada.

 

Baralhaste-me com essa questão das pedras mas agora já percebi a que te referes :)

 

Aquilo lá atrás é uma fotografia FULL HD do tamanho do aquario (1 metro por 40) de um local que espero um dia vir a visitar.. um dos meus sonhos por cumprir ainda. Grand Canyon!

É um vidro onde mandei colar a foto em Vinyl para meter atrás do aquario porque tenho uma carrada de pedras "Black Pagoda" que são tal e qual isto do Grand Canyon.(Textura).

 

A imagem é esta:

 

 

The-Grand-Canyon_wallpprs.com__zpsenl4na

Share this post


Link to post
Share on other sites

Paulo e para quando um aquário a mimicar essa paisagem?

 

via Nokia 3310

 

Ui, isso dá aí uns 500 paus em pedra pelo menos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia,

 

Na altura mandei vir da "Aquasabi" uma boa carrada, creio que perto de 40 quilitos e foram uns 300 aereos..

 

Meti uma parte à venda e guardei uma boa quantidade mas entretanto como não vendi nada ainda as tenho todas.

 

E por aqui ficarão. Não adianta andar a vender nada. Já comprei ja comprei. Um dia destes vão dar jeito.

 

E a ideia era mesmo criar um Layout só com essas pedras e aquele fundo. Nunca é tarde. ;) Até porque na altura eu ajustava as pedras apenas com o substrato (Nabiço..) e agora já sei como colocar/posicionar bem as pedras com varios niveis de elevação e só depois encher o aquario com substrato. Sempre a aprender! E agora sim já podemos brincar com os calhaus à vontade e apelar à criatividade ;)

 

Abração.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Amigo Paulo,

 

Isso não se vende, se tens material e com teu domínio sobre as plantas é como o Vasco diz, junta-se o útil ao agradável.

 

Sempre crescendo e aprendendo, tens aí um belo aquário com umas dimensões que já proporcionam umas belas obras de arte! Como já bem sabes há montes de maneiras de dar elevação no substrato sem colocar em causa a funcionalidade do mesmo.

 

Grande abraço

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia rapaziada.

 

Continua estagnada... mesmo a levar tratamento não há regressão da BBA. Vou continuar a dar até que me doa a cabeça. Mas é fantástico perceber de como esta alga a partir de determinado ponto tem um nível de resistividade desta natureza.

 

Reparem na cor que a pedra já tem.. e de como ela se aguenta ali firme. E ainda me dizem que se vence com H2o2.. ó sim.. desculpem lá mas não acredito. Só se a apanharem mesmo num estado muito embrionário..

 

56f8f3a1a324e871a9f3c5cf42e8eddc.jpg

 

Enviado do meu SM-A510F através de Tapatalk

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas Paulo, já lhe deste com água oxigenada pura?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas

Eu até hoje ainda só consegui eliminar algumas dessas usando carbono líquido.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Este tópico tem mais de 6 meses de antiguidade... Se fizer sentido, por favor considere criar um novo tópico em vez de reactivar este. Obrigado!

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.