Sign in to follow this  
José S. Alves

Filtração biológica, será que alguma vez é de mais ???

Recommended Posts

Boas,

 

Esta é uma questão para a qual gostaria de saber a opinião dos caríssimos colegas aqui do fórum, ou seja :

 

- Acham que existe algum limite para a quantidade de filtração biológica que colocamos nos nossos aquários ?

 

Eu penso que o limite será o espaço que temos disponível, quer nas sumos quer nos filtros (externos ou internos), isto porque assim de repente não me ocorre nenhum malefício em ter toda a filtração biológica possível.

 

- No entanto, será que existe algum problema em ter muita excesso de filtração biologia ?

 

Fico a aguardar as vossas opiniões / teorias.

 

Cumps

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá lili

 

O espaço para que a "filtração biológica" (colónia de bacterias)se estabeleça nunca será demais, no entanto o tamanho da mesma será sempre dependente da quantidade de matéria orgânica que houver para decompor e do oxigénio disponivel.

 

cpts

Edited by Hugo Santos
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Caro Hugo,

 

Também sou da opinião que biológica nunca é de mais.

 

No entanto, gostava de saber se alguém vê algum inconveniente em ter muuuuuita filtração bilogica.

 

Cumps

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desde que haja sempre filtragem mecânica, a biológica nunca é demais tendo em conta a capacidade do depósito do filtro. Para que usa 2 filtros até faz sentido usar um para mecânica e outro para biológica... Já me disseram que de preferência o filtro com menos caudal deve ser o biológico devido à água permanecer mais tempo nas bactérias... Está parte já n sei se é verdade mas tem uma certa lógica.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas,

 

Eu tenho dois filtros para um aquário de 120x50x50 e já os tinha no anterior de 200L.

 

Tenho um eheim pro 3 350 e um eheim experience 250 ambos com partes para filtragem mecânica e biológica.

 

A única referência que vi sobre não usar filtragem biológica sobre dimensionada, foi em aquários densamente plantados e pelo facto das plantas absorverem a o NH3/NH4 num processo que envolve menos dispêndio de energia do que consumindo NO3, deixo um video que explica o porquê:

 

 

Ainda assim tenho os dois filtros a bombar ;)

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas,

 

Efetivamente, no caso dos densamente plantados faz todo o sentido.

 

No meu caso tenho na sump cerca de 2kg de cerâmicas + um Eheim 2213 tb cheio de cerâmicas e como tenho mais ceramicas em stock até estava a pensar em colocar mais alguma na sump.

 

Cumps

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas,

 

Mesmo considerando o que falamos, antes, no teu caso com sump suponho que não tenhas um plantado com CO2, logo se fosse eu usava e abusava na filtragem ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas caro Pedro,

 

Já tive um plantado e a injetar co2, o que me referia é o que mantenho actualmente e é de ciclideos do Tanganiyka.

 

Cumps

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

É como disse, eu pelo menos não vejo inconveniente, e usava e abusava da filtragem ;)

 

Mas espera por mais opiniões

Share this post


Link to post
Share on other sites

Em teoria acho que não há limite para as cerâmicas. A vantagem de as ter é de permitir a sua colonização caso seja necessário. Pois as bactérias só se multiplicam se existir matéria orgânica. Por isso podes ter 2 litros e ser suficiente e não ser necessário mais, mas se por algum motivo a matéria orgânica aumenta elas não tem espaço para se multiplicar e a filtragem biológica fica insuficiente. Também há cerâmicas que com o tempo perdem capacidade de colonização devido a desgaste e por isso 2L hoje vão corresponder a menos daqui a algum tempo.

Eu no teu caso colocava toda a cerâmica.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas,

 

Tinha a ideia que independentemente da matéria orgânica que existisse no aquário, as bactérias estavam sempre lá, ou seja as cerâmicas estariam sempre colonizadas, dai que a lógica seria, quanto mais cerâmicas mais bactérias .

 

Será que existe mais que um tipo de bactérias nos nossos aquários (claro que sim),

 

Penso que era interessante saber que tipo de bactéria povoam os nossos aquas e quais as funções que cada uma delas desempenham.

 

Cumps

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pesquisa nitrobacter e nitrosomas ou algo parecido.

 

Tapaquê?!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas,

 

Gr ajuda, principalmente para percebermos as condições optimas para a promoção do desenvolvimento das bactrias dos nossos aquas.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sign in to follow this