Tateurdina ocellicauda (opiniões)


Recommended Posts

Boa sorte, e que daqui á 4 meses que mandes um casalinho para minha casa.....

 

Agora é só esperar.

 

Secalhar podias ter deixado a femea mais um pouco, não vá o macho ficar stressado e comer os ovos.

 

 

Coloca umas fotos que a malta gosta.

Link to post
Share on other sites
  • Replies 54
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Boas,   Finalmente consegui uma postura dos meus Tateurndina!!!   Aqui fica a foto:   Nasceram no comunitário e estiveram 3 dias à guarda do pai... depois resolvi passá-los para a maternidad

Ahaha.. Grato, Tiago! espero que seja desta..

 

Pensei em tirar a fêmea logo, pois foi o macho a expulsá-la do ninho depois da postura, logo presumo que já não a quisesse por perto..

 

Aí ficam então mais fotos.. estranhamente parece que tem mais ovos do que nas outras posturas, estão espalhados a toda a volta do tubo, espero que dê para perceber alguma coisa.

Não liguei uma luz mais forte para não o stressar.

 

Com o pai.

gallery_64862_3925_67273.jpg

 

Sem o pai.

gallery_64862_3925_25730.jpg

 

gallery_64862_3925_85972.jpg

 

gallery_64862_3925_91674.jpg

Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Boas,

 

Então, para vos actualizar da situação:

 

Confesso que estava a ficar preocupado, um ou dois dias depois da última actualização aqui, vi muitos ovos soltos pelo aquário à deriva, e notava-se que os embriões já estavam formados mas ainda estavam encapsulados e não os via mexer. Resolvi tirar o macho e ver o que acontecia. Cheguei a pedra difusora para mais perto da entrada do ninho e decidi esperar.

Passaram 5 dias, (o que pareceu imenso tempo) e tudo na mesma. Ovos presos no ninho, outros no chão e outros ainda à deriva, a maior parte com embriões formados dentro. Achei mesmo que estavam mortos, mas estranhamente não apodreciam, como seria de esperar.

 

No dia 22 (primeira foto) vi os primeiros rapazotes a nadar (finalmente!!)! Valeu esperar.. (sim, na foto vê-se uns risquinhos brancos, são umas larvas que estão agarradas ao vidro.. não sei o que são nem se são prejudiciais, se alguém tiver uma ideia, não se acanhe.. )

No dia seguinte haviam ainda mais, mas alguns não estavam a nadar muito bem.

Estou alimentá-los com infusório, arranjei enguias do vinagre mas não consegui separá-las eficazmente ainda.

 

Entretanto fiz um novo amigo aquariofilista, que me aconselhou a ter camarões no aquário de incubação pois limpam o sítio, incluindo os ovos, sem os danificar; disse que provavelmente devia usar um anti-fungos, uma vez que o pH ideal para esta espécie não é bem ácido, caso fosse não seria necessário; e aconselhou-me também a mudar a minha cultura de enguias do vinagre, da garrafa para um sistema idêntico ao dos microvermes da aveia, mas em vez de colocar água na aveia, colocar vinagre, diz que as enguias sobem as paredes do recipiente tal como os microvermes e assim é muito mais fácil de apanhar.

Achei estas dicas preciosas e decidi partilhar convosco também, espero que sejam úteis! (abraço, António)

 

Hoje (segunda foto), não tenho tantos alevins como tinha ovos, mas parecem-me mais gordinhos.. vamos lá ver (cruzem os dedos!)

Sim, na foto vêem-se já os camarões que juntei ao aqua..

Usei uma gota ou duas dum anti-fungos, mas presumo que isso seria mais importante na fase em que estão nos ovos.. corrijam-me se estiver errado!

Estou a tentar fazer TPAs de +- 10% de dois em dois dias (coisa que me desleixei no inicio da postura também!)

 

Agora as fotos

 

gallery_64862_3925_3266.jpg

 

gallery_64862_3925_72052.jpg

 

 

 

Abraços

Link to post
Share on other sites

Boas Ricardo,

 

parabéns, nao tinha visto o tópico ultimamente. Quando combinemos para eu recolher as daphnias, poso dar-te uns paramecios (infusorios que acho podem ser importantes se os alevinos sao pequenos). Sao fácies de manter ;)

 

O asunto com o sr. Vasconcelos já foi resolvido.

 

abraço

Link to post
Share on other sites

Viva,

 

Então mais uma actualização com uma nota importante.

E começando por esta, lembram-se dum conselho que mencionei que me haviam dado, o tal de juntar camarões ao aqua. de incubação!?

Pois é.. péssima, péssima ideia!!

Como já havia relatado, juntei uns camarões ao aquário onde tinha os recém nascidos, e realmente o aqua. anda bem limpinho, e os recém-nascidos agradecem.

O problema foi quando ontem adicionei a segunda postura de ovos dos Tateus (abreviando), os camarões são tão bons a limpar que limparam os ovos todinhos, nem cascas sobraram..

Coloquei os ovos a meio da manhã, saí e só voltei mais tarde, tudo limpo! É verdade que não os vi a comer os ovos, mas não vejo outra hipótese..

Talvez o conselho se aplique a ovos de outros peixes, não sei.. enfim, mais uma lição.

 

 

Agora as boas notícias, os gordinhos!!

Deixo que a foto fale por si.. conseguem ver? Pelo que consegui contar no outro dia, são à volta de 15.

 

gallery_64862_3925_97322.jpg

 

 

Tiago, a artémia é capaz de ser uma boa ideia, mas dá muito mais trabalho.

Nos primeiros dias alimentei-os com infusório e depois, quando já tinham tamanho suficiente, mudei para microvermes de aveia.

É muito cómico vê-los nos primeiros dias com os microvermes, como eles ondulam imenso na água os recém-nascidos ficam todos atrapalhados a tentar apanhar uma das extremidades do verme para o comer.. então vê-se eles a fazerem várias tentativas até conseguiram agarrar o verme, e quando o agarram andam com ele metade de fora da boca.. eheh, só visto!

 

 

Pol, não conheço paramecios, tenho de pesquisar. Grato!

 

Abraço a todos.

Link to post
Share on other sites

Viva,

 

Ricardo, quando quiseras trocamos uma garrafa de paramecios por algum dos teus alevinos :D:D:D mas fico contente que os microvermes tenham sido do agrado dos alevinos!!

 

(já consegui daphnias, agora estão a criar na minha varanda :D:D).

 

um abraço.

 

Pol

Edited by polnadal
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Viva,

 

Deixo uma pequena actualização.

Começam a ganhar forma, já se vê qualquer coisa.

 

gallery_64862_3925_43297.jpg

 

gallery_64862_3925_7798.jpg

 

 

Pol, já vi o macho que te está reservado, andava lá muito amigo de um Killi! ehheeh..

As minhas dáfinias não vingaram, não sei se terá sido da mudança de tempo ou excesso de comida.

 

Abraço a todos.

Link to post
Share on other sites

woooow,

 

so cool!!!!

que inveja!!!!

e agora que penso nisso: como tens os margaritatus?? e as corys pygmaeus??

 

abraço e boa continuação!!!

 

Pol

Edited by polnadal
Link to post
Share on other sites

Viva,

 

Deixo uma pequena actualização.

Começam a ganhar forma, já se vê qualquer coisa.

 

gallery_64862_3925_43297.jpg

 

gallery_64862_3925_7798.jpg

 

 

Pol, já vi o macho que te está reservado, andava lá muito amigo de um Killi! ehheeh..

As minhas dáfinias não vingaram, não sei se terá sido da mudança de tempo ou excesso de comida.

 

Abraço a todos.

 

 

Sweeeeet! :wink2:

Link to post
Share on other sites
  • 1 month later...
  • 2 weeks later...

Então, aos interessados, o pessoal já passou para um comunitário, com outros de pequeno porte,

está a crescer mais lentamente do que se estivesse num dedicado, mas as condições de que disponho assim o impõem,

e está mais ou menos assim:

 

gallery_64862_3925_3073.jpg

 

gallery_64862_3925_86218.jpg

 

 

Abraços

Edited by Ricardo81
Link to post
Share on other sites

Espectacular Ricardo...

 

Tá com optimo aspecto. Admiro esta tua capacidade de reprodução de peixes, eu nunca consegui, se bem que só tento com tetras e do género.

 

Um grande abraço e boa sorte, essa espécie é fantástica.

Link to post
Share on other sites

Grato, João!

 

Acho que muito é "acaso", para ser sincero..

 

Realmente é uma espécie muito interessante! Mas já há alguns meses que os meus não fazem nova postura.. será do tempo!? (encolho os ombros)

 

Abraço!

Link to post
Share on other sites
  • 5 weeks later...

Bom tópico!

É uma das especies que tenciono vir a ter.

 

Diz-me uma coisa, todos juntos no comunitario... tudo pacifico? não há tareias entre eles?

Link to post
Share on other sites
  • 3 weeks later...

Boas,

 

Finalmente consegui uma postura dos meus Tateurndina!!! :drool3:

 

Aqui fica a foto:

r82y.jpg

 

Nasceram no comunitário e estiveram 3 dias à guarda do pai... depois resolvi passá-los para a maternidade. Alguma dica?

 

Cumps.

  • Upvote 1
Link to post
Share on other sites

Boas,

Diz-me uma coisa, todos juntos no comunitario... tudo pacifico? não há tareias entre eles?

So far, so good.. sem problemas.. já alevins ou camarões..petisco!

 

Nasceram no comunitário e estiveram 3 dias à guarda do pai... depois resolvi passá-los para a maternidade. Alguma dica?

Parabéns, e a foto está espectacular!

Na segunda postura que tive, fiz o mesmo, coloquei na maternidade com ar a ser bombeado lá para dentro, para ajudar a oxigenar.

Depois alimentei com infusório, mais tarde seguido de microvermes.

 

Entretanto, não tive mais posturas com sucesso, acontece sempre algo.. :confused4:

Link to post
Share on other sites

Na segunda postura que tive, fiz o mesmo, coloquei na maternidade com ar a ser bombeado lá para dentro, para ajudar a oxigenar.

Depois alimentei com infusório, mais tarde seguido de microvermes.

Boas,

 

Vou tentar alimentá-los com artémia recém eclodida.

 

O meu problema agora é: quanto tempo demora desde a postura até que começem a nadar e a alimentarem-se? Hoje faz 5 dias desde a postura... devo começar a criar a artémia?

 

Entretanto, não tive mais posturas com sucesso, acontece sempre algo.. :confused4:

Se conseguiste uma vez, vais voltar a conseguir, não desistas! Eu tive estes dois no aquário muito tempo quase sozinhos e nunca tiveram uma postura. Até achava que eram duas fêmeas. Acabei por comprar mais alguns ainda jovens. E dois dias depois fizeram a postura... vá-se lá perceber! bang

 

Cumps.

Link to post
Share on other sites

Boas,

 

Pelo que está documentado neste tópico, a postura foi a dia 16 de Out. e começaram a nadar a dia 22 Out. Comecei logo a dar infusório nessa altura.

Eu optei por infusório por duas razões, dá muito menos trabalho que a artémia e porque eles são realmente pequenos e acho que a artémia, mesmo recém-eclodida, é grande demais para eles.

(A não ser que tenhas uma maternidade de rede, até é provável que eles passem pelos buracos.)

Sinceramente, não sei até que ponto a artémia é mais nutritiva que o infusório ou os microvermes - e se alguém souber, diga - mas ambos dão muito menos trabalho, tanto a criar, como a manter e a separar para alimentar os alevins depois. Não sei como recolhes habitualmente a artémia, mas será boa ideia introduzir a água (salobra) onde ela foi criada, no aqua dos alevins? Fica a questão..

 

Boa sorte

Edited by Ricardo81
Link to post
Share on other sites

Eu optei por infusório por duas razões, dá muito menos trabalho que a artémia e porque eles são realmente pequenos e acho que a artémia, mesmo recém-eclodida, é grande demais para eles.

(A não ser que tenhas uma maternidade de rede, até é provável que eles passem pelos buracos.)

Sinceramente, não sei até que ponto a artémia é mais nutritiva que o infusório ou os microvermes - e se alguém souber, diga - mas ambos dão muito menos trabalho, tanto a criar, como a manter e a separar para alimentar os alevins depois. Não sei como recolhes habitualmente a artémia, mas será boa ideia introduzir a água (salobra) onde ela foi criada, no aqua dos alevins? Fica a questão..

A maternidade é daquelas de pendurar no exterior (tipo filtro de mochila) que puxa a água do aquário com uma bomba de ar. O retorno é feito através de uma peça de plastico com umas ranhuras finas, mas vou tentar protegê-las com esponja.

 

Quanto à artémia, estou a criar num prato próprio em que é retirada com uma espécie de copo com crivo e depois é lavada, pelo que não é introduzido sal no aquário. Quanto ao ser mais nutritivo, já li em vários sitios que sim, mas não tenho experiência suficiente para confirmar ou desmentir.

 

Com os escalares e ramirezis é a unica forma de os alimentar e resulta muito bem. Os tateurndida são mais pequenos, mas pelo que li, aceitam bem artémia logo quando nascem. Vamos ver como corre, até porque de momento não tenho infusórios nem microvermes.

 

De momento tenho outra preocupação... os ovos estão a ganhar fungos dentro do tubo. Já pus algumas gotas de azul de metileno na maternidade, mas como aquilo está sempre a puxar água do aquário não me parece ser muito eficiente. Espero que começem a nadar brevemente (pelas minhas contas hoje à noite ou amanhã), se não arrisco-me a perdê-los todos.

 

nd56.jpg

 

Cumps.

Link to post
Share on other sites
  • 3 weeks later...

Boas,

 

26 dias após a postura, aqui ficam umas fotos dos pequenos (estão com cerca de 7/8mm):

 

1zwg.jpg

 

chd9e.jpg

 

dqdf.jpg

 

Cumps.

Edited by Micro-Chip
Link to post
Share on other sites

Boas,

 

26 dias após a postura, aqui ficam umas fotos dos pequenos (estão com cerca de 7/8mm):

 

 

 

 

Que fotos brutais!! Os meus parabéns!

 

(Fora de tópico: que máquina e lente usaste?)

 

Abraços

Link to post
Share on other sites

(Fora de tópico: que máquina e lente usaste?)

Boas,

 

É uma Canon EOS 60D com uma lente Canon EF 100mm USM Macro e um flash Nissin Di866.

 

yhwn.jpg

 

2c2m.jpg

 

azt8.jpg

 

Cumps.

Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

É uma Canon EOS 60D com uma lente Canon EF 100mm USM Macro e um flash Nissin Di866.

 

 

Pois, tinha de ser um "canhão".. Espectaculares, amigo!!

Vai enviando mais, se puderes.

 

Abraços

Link to post
Share on other sites