• >>> Anúncios da Comunidade <<<

    • João Branquinho

      Mensagem para Visitantes   15-04-2017

      Estimado visitante, antes de mais, muito obrigado pelo seu interesse na comunidade Aquariofilia.Net! Esperamos que esteja a gostar do conteúdo que temos no fórum. Dado que não é ainda um membro registado da nossa comunidade, não sabe que está a perder muitas outras funcionalidades e informações disponíveis apenas a membros! Do que está à espera para se juntar a nós? É só fazer clique no canto superior direito e pode inclusivamente usar as redes sociais para agilizar o processo de registo. Obrigado!

Recommended Posts

Meu betta estava com as escamas ericadas , inchado ,desbotado , e nao comia e cheguei cheguei conclusão que podia ser hidropsia . Fiz o tratamento com labcon bacter e aqualife , com isso o inchaço sumiu, porem faz uma semana que ele não come come esta muito desbotado, com as escamas ericadas e apático. Não sei o que fazer e nem o que ele realmente tem . Alguém pode me ajudar ? Tem como enviar fotos aqui ?

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Boa Noite Diz me uma coisa qual e o tamanho do aquário que filtro tem e a que temperatura esta a agua ? 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Ele está em aquario hospital e está a 26C. Ele está pálido , sem cor , parece amarelado, laranjado ( ele é azul) e não come .

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Ja experimentaste dar mini pellets de spirulina ? 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Boas Camila,

Antes de mais hidropsia não é uma doença mas sim uma síndrome (um conjunto de sintomas).

O tratamento da hidropsia é muito difícil, mas não impossível, vou colar abaixo alguns apontamentos que tenho sobre o assunto:

Tratamento
O início imediato do tratamento é essencial. Quanto mais cedo se iniciar, melhores as chances de o peixe reagir. À medida que o tempo passa, as condições do peixe pioram, suas defesas diminuem, seus órgãos caminham para o colapso, ficando o tratamento cada vez mais dificil. Durante o tratamento, o peixe deve ser colocado no aquário hospital, tanto para o tratamento em si como para proteção dos outros. A água deve ter os parâmetros adequados para a espécie, evitando-se porém águas muito ácidas para melhor ação dos antibióticos, no caso de usá-los. Eles em geral não funcionam bem em meio ácido. Deve ser oferecida alimentação variada, vitaminada e de preferência com alto teor de vitaminas A e D. A água deve ter boa aeração. Não pode ter filtração, ou pelo menos nenhuma filtração química. A hidropsia, principalmente as infecciosas, tem difícil cura, mas está provado não ser impossivel. Como em qualquer doença, quanto antes se iniciar o tratamento, mais possivel se faz a cura. Como voce vai saber se seu peixe vai se curar? Só tentando. Se você ler que a cura é impossivel, não acredite. Tente. Há inúmeros relatos de sucesso. Nenhum sucesso em quem não tentou.

Contra a inchação do peixe, em si, para ajudá-lo a eliminar água, pode-se tentar o uso do sal grosso - sem iodo. Evitar seu uso em peixes tipo cascudos, limpa-vidros, etc. O uso de 1 colher, das de sopa, cheia de sal para 10 litros de agua é recomendado por alguns autores. Vamos nos referir ao tratamento da hidropsia por bactérias. O uso de antibióticos é importante porque, matando os germes, basicamente causadores da doença ou simples oportunistas (que se aproveitam das condições debilitadas do peixe), o doente terá melhores condições de se recuperar. Vários antibióticos são usados. Há aquaristas que relatam bons resultados com o uso de Aureomicina (clorotetraciclina) na dose de 250 mg para cada 20 L de água durante 3 dias, renovando-se a solução após este prazo, até o restabelecimento do peixe. A Terramicina (oxitetraciclina) também é usada na dose de 50 mg por litro de água em banhos de 24 a 72 horas, renovando-se a solução se estiver dando resultado. A Cloromicetina (cloranfenicol) também é usada na mesma dosagem e tempo que a Terramicina. Há autores que referem bons resultados mesmo com o uso de 5 a 10 mg por litro de água.

Hoje usamos antibióticos mais potentes para o combate à Pseudomonas em humanos. Na verdade não são mais potentes, mas sim diferentes, pois a bacteria adquire resistencia facilmente. Nas que atacam no aquário,porém, não é de se esperar que esta resistência tenha ocorrido com frequência pois aí o uso de antibióticos não é abusivo como nos humanos. Um desses é o Ciprofloxacino. Não sei da experiência em peixes, mas correlacionando ao uso da Aureomicina, seria possivel usar 500 mg para 40 L de água, também até a cura, com troca da solução em 2 ou 3 dias. Não conheço muitos estudos sobre a toxicidade dos antibióticos sobre os peixes - só sobre bactérias e sobre humanos - mas autores que fazem referências a bons resultados com o uso da Aureomicina, dizem que após a cura, os peixes procriaram.

Se leres com atenção saberás o que podes fazer para reduzir o problema, boa sorte! 

Cumps,

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Já fiz tudo para minimizar , minimizou o inchaço , porém ele não come, está apático e totalmente sem cor. Será que está doente de outra coisa ? 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Nunca vi ou li relatos de recuperação de um peixes com hidropsia.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 1 hora, NGE disse:

Nunca vi ou li relatos de recuperação de um peixes com hidropsia.

sobre ler relatos ,há vários !

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Tempo de vida do fórum


Data de criação do fórum: March 16, 2003 00:00:00